Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Contributos para os programas eleitorais autárquicos

“As candidaturas às Autarquias estão lançadas; falta no entanto conhecer o programa de cada uma delas.
Como eventual contributo, lançam-se algumas ideias:

No plano urbanístico – Criar e desenvolver uma politica de urbanismo, no sentido de reabilitação do património habitacional devoluto, numa perspectiva integradora com outros programas de reabilitação do tecido social.
Significa isto que, depois de recuperar as habitações degradadas no interior das duas freguesias, há que lançá-las no mercado de arrendamento, umas em regime de renda apoiada, outras por arrendamento normal, outras ainda, concessionando o seu arrendamento comercial, através da instalação e exploração de estabelecimentos de alojamento local, pequeno comercio e serviços.
Há que recuperar das mãos dos particulares, as habitações que, por variadíssimos motivos estão há vários anos devolutas e em ruína, indemnizando-os na justa proporção dos rendimentos para torná-las a inserir no mercado habitacional.

No Plano Social – Há que criar e desenvolver uma politica social presente e que preencha as necessidades vividas no concelho. Será investindo numa empresa semi-municipal que contemple variadas vertentes de acção, nomeadamente, a prestação de serviços urbanos e sociais, quer recuperando o património habitacional dos carenciados e idosos, quer levando-lhe ao lar, os serviços de limpeza e higiene.

Na Vertente Empresarial – Se a população é composta na sua grande maioria por idosos, há que daí, retirar algum benefício, criando e desenvolvendo uma empresa social, que dando emprego a uns, proporcione o conforto e bem-estar de outros.

Alvito, vila com todas as condições para a prática do turismo, nunca viu abrir qualquer porta à prestação de serviços de turismo sénior. Bem podia ser este o caminho, harmoniosamente, trilhado com outras componentes.

Atrair e candidatar uma unidade de saúde geriátrica que, a par de uma IPSS, agregada com um privado, proporcionasse a prestação de serviços de saúde, higiene, alimentação e turismo residencial a idosos, com comparticipação de verbas provenientes da administração central, local e operadores privados, poderia ser a grande porta para o turismo sénior. Tratávamos bem os de cá e atrairíamos outros que procuram um sitio como Alvito, onde possam passar os últimos anos de vida.”

Comentário de Anónimo a 6 de Setembro de 2009 às 18:11

Hospital de Dia e Unidade Pediátrica inaugurados hoje em Beja

O novo Hospital de Dia e a nova Unidade Pediátrica da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo vão ser inauguradas, hoje, em Beja, pelo secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ventura Ramos. Está ainda agendada a apresentação do projecto e o anúncio da abertura do concurso para a adjudicação da construção do edifício do Serviço de Psiquiatria e Saúde Mental de Beja, um serviço que funciona há mais de 20 anos em instalações provisórias.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

  • Anónimo

    O Imperador está suficientemente saudável para c...

  • Anónimo

    As odalascas vêm com o calor...

  • Anónimo

    Alguém sabe em que dia desfila o imperador, as oda...

  • Munhoz Frade

    Um desabafo como este do Vitor Paixão é um momento...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds