Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“Mértola - o último porto do Mediterrâneo”

é o título de uma exposição,

da autoria de Santiago Macias,

historiador e investigador,

“que traz a público,

sob a forma de vestígios arqueológicos,

as memórias dos territórios de Beja e Mértola,

entre os séculos V e XIII,

período marcado pela ocupação islâmica”,

que abre hoje ao público

e estará patente até final de Agosto,

de segunda a sábado das 10h00 às 17h00,

no Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros (NARC),

em Lisboa.

Morreu o “Mestre Zé Coxinho”

Acabei agora mesmo de tomar conhecimento, aqui, do falecimento do Senhor José Joaquim Luís, mais conhecido por “Mestre Zé Coxinho”.

Natural de Montemor-o-Novo mas desde há muito radicado em Vila Nova da Baronia, o “Mestre Zé Coxinho” teve, para além da sua vida profissional (sapateiro e funcionário da Segurança Social), intervenção activa na comunidade – presidente da Junta de Freguesia, dirigente do PS, do Grupo Desportivo e Cultural e Sociedade de Vila Nova da Baronia e, mais recentemente, da Associação de Reformados do Concelho de Alvito, entre muitos outros.

Não tendo podido participar no funeral, por dele não ter tido conhecimento, aqui apresento os meus sentimentos à viúva e demais família.

António Tereno candidato da CDU à Câmara de Barrancos

A recandidatura do independente António Tereno à Câmara Municipal de Barrancos, foi apresentada pela CDU no domingo.

António Tereno, de 60 anos, licenciado em História, foi eleito pela primeira vez presidente da Câmara Municipal de Barrancos em 1993, tendo perdido as eleições em 2001 para Nelson Berjano, do PS, e voltado a ser eleito presidente da Câmara em 2005. Antes já fora vereador.

«Tenho que terminar o projecto que iniciei em 2005 e que por razões várias, não consegui terminar», assim justificou a sua candidatura António Tereno.

Cláudio Percheiro candidato da CDU à Câmara de Odemira

"A CDU tem que retomar o caminho que iniciou na Câmara de Odemira em 1976 e teve que parar em 1997", quando o actual presidente do PS conquistou a autarquia, afirmou Cláudio Percheiro, na apresentação da sua candidatura.

Militante do PCP, Cláudio Percheiro tem 58 anos e é técnico de finanças reformado. O candidato já foi presidente da Câmara de Odemira, entre 1993 e 1997, e, actualmente, é vereador sem pelouros eleito pela CDU.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não podes estar mais longe. O eterno e sempre à mã...

  • Anónimo

    Se há tanta clarividência acerca da geringonça com...

  • Anónimo

    Sem dúvida, sobretudo os grandes interesses capita...

  • Anónimo

    Tal e qual ... até que enfim que alguém vai ao cer...

  • Anónimo

    Esta técnica de mal-dizer é cronicamente utilizada...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds