Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Primeiro avião totalmente construído em Portugal é apresentado hoje em Ponte de Sor

pela empresa de aviões Dyn’Aero Ibérica, na unidade fabril de Ponte de Sor, onde se instalou em 2001, com a missão de fixar a produção do grupo de origem francesa em Portugal, tendo desenvolvido um trabalho “aprofundado” com o intuito de transferir o “know-how tecnológico” da Dyn’Aero França para a Dyn’Aero Ibérica, em Ponte de Sor.

Vergonha nacional

Números recentemente divulgados mostram que se manteve nos 18% o número de pessoas a viver abaixo do nível mínimo de pobreza e que são já 245 mil (2,5% da população total) as pessoas que recorrem à sopa dos pobres / Banco Alimentar.

É seguramente a maior vergonha nacional. Quando são divulgados os valores das remunerações, pensões, indemnizações, prémios e outros rendimentos de gestores de empresas, nalguns casos apesar dos maus resultados obtidos, é obscena esta realidade.

É evidente que os governos não podem fazer tudo mas também é evidente que devem promover políticas que corrijam o que está mal e incentivem o que está bem. Ora, os números mostram que não é isso que está a acontecer.

 

“Um Olhar sobre o Mundo”

é o nome de uma exposição fotográfica colectiva, resultante de uma selecção da colecção dos Encontros da Imagem (Braga), com trabalhos produzidos por alguns dos mais conceituados fotógrafos, que a Câmara Municipal de Évora inaugurou no Palácio de D. Manuel, integrada nos encontros “Luz do Sul”, cujo comissário é o fotógrafo José Manuel Rodrigues, e estará patente até ao dia 30 de Dezembro.

 

Prémios Precariedade 2008

Numa grande Gala precária mas dourada - realizada no Ateneu Comercial de Lisboa – foram entregues, pelos Precários Inflexíveis, os gasganetes dourados a:

José Sócrates, o primeiro-ministro, que foi duplamente-gasganetizado, arrasando a concorrência com a conquista do Prémio Precariedade Sem Vergonha 2008 e o Grande-Prémio Precariedade 2008.

Belmiro de Azevedo, que venceu o Prémio Precariedade Acumulação 2008.

Manuela Ferreira Leite, que ganhou o Prémio Precariedade Soundbyte 2008.

O programa Novas Oportunidades, que ganhou o Prémio Ficção Contemporânea 2008.

 

Comentários recentes

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

  • Anónimo

    O Imperador está suficientemente saudável para c...

  • Anónimo

    As odalascas vêm com o calor...

  • Anónimo

    Alguém sabe em que dia desfila o imperador, as oda...

  • Munhoz Frade

    Um desabafo como este do Vitor Paixão é um momento...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds