Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Assembleia Municipal de Alvito aprovou Orçamento 2009,

por maioria, na sua reunião ordinária do dia 12, com os votos a favor do MI e do PS, com a abstenção dos eleitos da CDU e com os votos contra da coligação PSD/PP/PPM.

 

Ainda não se encontram disponíveis, na página da Câmara Municipal de Alvito, os documentos previsionais para 2009, pelo que não podem ser apreciados nem avaliadas as posições de cada força política.

 

Ribatejo contra Alentejo no InAlentejo

Moita Flores, o presidente da Câmara Municipal de Santarém acusou a presidente da CCDR do Alentejo de ser «comissária política dos interesses do Alentejo», privilegiando esta região em detrimento do Vale do Tejo.

Há uma semana, a Nersant reuniu o seu Conselho Geral para analisar um relatório que aponta para uma taxa de reprovação das candidaturas das empresas da Lezíria ao Programa Operacional Regional do Alentejo da ordem dos 79%.

Em reacção, a comissão directiva do InAlentejo afirmou «não encontrar justificação» para a tomada de posição da Nersant, alegando que a Lezíria, com os seus 11 municípios (num total de 58 abrangidos), é «uma parcela de um conjunto mais vasto», não sendo as duas realidades «comparáveis».

Não é nada que não se esperasse. Quando o dinheiro falta, em vez de reclamar mais na distribuição do bolo geral, entra-se em guerra pela distribuição das migalhas atribuídas à região… Porque não reclamaram mais quando o bolo nacional foi dividido? Porque não pensaram nos alentejanos quando lhes foi atribuído um pacote financeiro como compensação pela não construção do aeroporto na OTA?

 

Festa de Natal dos Bombeiros de Alvito

Participei, ontem, no Jantar de Natal dos Bombeiros Voluntários de Alvito.

Foi uma festa bonita, simples e de enorme significado. Dos cerca de 200 participantes a maioria eram crianças, adolescentes e jovens.

Naquela “casa” voluntariado não é uma simples expressão, é uma atitude permanente, uma prática quotidiana.

Mas o voluntariado não se fica por aqui, semeia-se, preparando os “bombeiritos” para assegurar o servir o próximo, a comunidade de que fazem parte no amanhã que aí vem.

Em tempos de crises de valores, do “salve-se quem puder”, é bonito ver que para alguns servir o próximo é o “sonho que comanda a vida”.

Obrigado Bombeiros Voluntários de Alvito, pela lição de vida que nos dão!

 

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não podes estar mais longe. O eterno e sempre à mã...

  • Anónimo

    Se há tanta clarividência acerca da geringonça com...

  • Anónimo

    Sem dúvida, sobretudo os grandes interesses capita...

  • Anónimo

    Tal e qual ... até que enfim que alguém vai ao cer...

  • Anónimo

    Esta técnica de mal-dizer é cronicamente utilizada...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds