Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Associação de Utentes de Saúde do Distrito de Beja vai lançar uma Petição

Zé LG Zé LG, 28.06.08

reclamando, entre outras matérias: o alargamento dos horários dos centros de saúde; o reforço dos recursos humanos, sobretudo de médicos; o reforço das viaturas de suporte intermédio de vida (SIV) e a garantia dos recursos humanos indispensáveis ao seu funcionamento e a instalação de um Centro Distrital de Orientação de Doentes Urgentes, na sede dos Bombeiros Voluntários de Beja, que será entregue na Assembleia da República.

A Associação vai, ainda, solicitar reuniões com os Conselhos de Administração do Centro Hospitalar do Baixo Alentejo e da ARS do Alentejo, bem como com os presidentes das câmaras municipais do distrito de Beja.

 

Acção Geral de Protesto e Luta da CGTP, hoje

Zé LG Zé LG, 28.06.08

Porque «esta revisão das leis laborais, a carestia de vida, as pensões e os salários baixos são inaceitáveis», a CGTP-IN apela à participação, hoje, na Acção Geral de Protesto e Luta.

Em Faro, Aveiro, Beja, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Guarda, Marinha Grande, Lisboa, Portalegre, Porto, Santarém, Vila Real, Viana do Castelo, Viseu, Funchal, Angra do Heroísmo, Horta e Ponta Delgada, os trabalhadores vão sair à ruas porque sobram motivos para o descontentamento e o protesto dos trabalhadores e da população em geral.

«Em vez de cumprir as suas promessas eleitorais, o Governo tenta promover uma “negociata apressada”, a coberto da Concertação Social», acusou a CGTP-IN, considerando que «Perde o desenvolvimento de Portugal, ganha o especulador financeiro», lembrando que “a tão falada crise não é para todos”

Câmara de Ourique apresentou projecto de acção social

Zé LG Zé LG, 28.06.08

A Câmara municipal de Ourique vai passar a comparticipar em 50 % os medicamentos adquiridos pelos mais idosos, mediante apresentação do talão da farmácia e da fotocópia da receita médica.

Esta medida surge na sequência de outras iniciativas de cariz social, já implementadas, e que pretendem contribuir para um aumento da qualidade de vida dos munícipes: a Unidade Móvel de Saúde, que tem permitido levar os cuidados de saúde à população mais isolada; o transporte colectivo “Serra Acima”, que serve a população dos montes da freguesia de Santana da Serra e permite idas regulares e gratuitas à sede de freguesia; e, por fim, a entrada em funcionamento da carrinha de “Arranjos Domésticos”, destinada também à população mais idosa.