Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Novo Centro de Saúde de Aljustrel a meio gás

A Câmara Municipal de Aljustrel solicitou, com carácter de urgência, uma audiência à ministra da Saúde porque, ao contrário das expectativas, os serviços de saúde que estavam dispersos não foram todos concentrados no novo Centro de Saúde, que começou ontem a funcionar, continuando o serviço de “raio x” no mesmo local e com material obsoleto e há já muito tempo fora do prazo de validade.

Com MIRA nas autárquicas do próximo ano

Os movimentos de independentes que concorreram às últimas eleições autárquicas e outros que pretendem concorrer às eleições do próximo ano criaram, há dias, o MIRA –Movimento de Independentes da Região Alentejo.

O processo, agora concluído, prolongou-se para além do inicialmente previsto devido à dificuldade de reunir consenso em torno do nome, porque, apesar de concordarem desde o início com a sigla (MIRA), porque traduz visão e estratégia de longo alcance, alguns levantaram dúvidas em torno da designação.

Enquanto as palavras “Movimento” e “Alentejo” foram pacíficas, as outras geraram grande polémica, porque uns defendiam que o Movimento, em vez de “de independentes”, deveria ser “Independente” e outros “para a Independência da”, uns que, em vez “da região”, deveria ser “para a Reforma do” e outros “para a Revolução no” Alentejo, que se arrastou ao longo de meses.

Se a denominação do Movimento levou tanto tempo a consensualizar é de admitir que a estratégia e programação bem como a definição de políticas e a composição de listas não seja fácil e, quiçá, possa inviabilizar o MIRA.

Castro Verde quer contar com a opinião dos munícipes

A Câmara Municipal de Castro Verde pretende avaliar o grau de satisfação da comunidade local face aos desempenhos dos órgãos autárquicos e definir as linhas orientadoras do desenvolvimento sustentável do concelho, com o objectivo de direccionar a actividade autárquica em conformidade com a opinião dos munícipes.

Para o efeito vai efectuar um Questionário por Inquérito, durante o mês de Abril, sendo os dados recolhidos por uma equipa de dez entrevistadores e avaliados por uma empresa especializada.

Comentários recentes

  • Ana Matos Pires

    Como dizia o outro "seu grandessíssimo e alternadí...

  • Anónimo

    Perdeu uma boa oportunidade de estar calado porque...

  • Vitor Paixão

    Por vezes dou comigo a pensar se falo, se fico cal...

  • Anónimo

    Saloio é você seu atrasado mental

  • Anónimo

    Já a pensar nas criticas ao festival ainda ele não...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds