Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Quantas mais...

Zé LG Zé LG, 22.01.07

... pessoas vão ter de morrer para que a assistência médica seja melhorada no Alentejo?

Nos últimos dias, têm sido vários os casos de pessoas doentes e acidentadas que não têm tido a assistência necessária em tempo oportuno.

Estes casos têm-se registado principalmente em Odemira.

O ministro da Saúde recusou-se a mandar abrir um inquérito a um dos casos, apesar da sua abertura ser reclamada por todos. O ministro garantiu que tudo se passou dentro da normalidade.

Isto é, para o ministro é normal que as pessoas morram por falta de assistência atempada... É o mesmo ministro que disse que nunca iria a um centro de saúde se precisasse de assistência médica urgente...

 

PCP luta contra a abstenção no referendo

Zé LG Zé LG, 22.01.07

Jerónimo de Sousa participou num almoço em Ferreira do Alentejo, onde apelou aos presentes para que "cada um de nós desenvolva iniciativas" de forma a evitar a abstenção.

Para o secretário-geral do PCP, "o aborto é um problema que, pela sua gravidade e amplitude, não pode deixar ninguém indiferente e exige a mobilização de todos num referendo que não pode ser desvalorizado".

Referiu ainda a "hipocrisia" dos movimentos que se opõem à interrupção voluntária da gravidez porque "são os responsáveis pelas insuficiências de resposta em consultas de planeamento familiar, de saúde sexual e reprodutiva, e políticas de educação".

Governo influenciou o chumbo do projecto de água e saneamento

Zé LG Zé LG, 22.01.07

Carvalho da Silva esteve em Beja, no debate público sobre “Água – A importância do Serviço Público na óptica dos trabalhadores e dos cidadãos utentes”, onde afirmou que "o governo português influenciou Bruxelas na decisão de chumbar o projecto de Abastecimento de Água em Alta e Saneamento", lembrando que o chumbo "inviabiliza a entrada no País de muito dinheiro".

O Secretário - Geral da CGTP-IN acrescentou ainda que "a decisão que recaiu sobre o projecto de Abastecimento de Água em Alta e Saneamento mostra uma inclinação clara para a privatização e que este não deve ser o caminho a seguir".