Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Era...

"Era uma menina inteligente, viva e simpática"

Maya, astróloga, referindo-se à sua própria infância, num auto-retrato.

“de SOL a SOL - O Alentejo dos nossos avós”

A Escola Secundária D. João II, de Setúbal, teve de lançar a 2ª edição do livro “de SOL a SOL - O Alentejo dos nossos avós”, depois da primeira edição de 1200 exemplares se ter esgotado em menos de uma semana.

A nova edição, de 900 exemplares, visa chegar às principais livrarias alentejanas, de Setúbal e de Lisboa, bem como a bibliotecas de escolas secundárias da região e faculdades de ciências humanas e sociais e, ainda, ser adquirida na escola.

A obra, com prefácio de José Luís Peixoto "é resultado das pesquisas de uma equipa de 150 estudantes do 9º ano e de seis docentes de História, e incide sobre a vida nos campos do Alentejo no período entre 1950 e 1974", explica a escola.

"O que mais impressiona neste livro são os relatos carregados de força, veracidade, e emoção, que talvez expliquem um fenómeno raro que se tem verificado", comenta Ramiro Sousa, que destaca ainda que o livro tem permitido "uma leitura partilhada", visto que “os estudantes leram o livro ou passagens aos seus avós" e "em muitos casos, estudantes e avós leram pela primeira vez um livro sobre um tema".

Comentários recentes

  • Anónimo

    Gosto.Categoria de mensagem. Teria a mesma mensag...

  • Anónimo

    Que outros agentes desportivos ... e já agora polí...

  • Munhoz Frade

    Exemplar.

  • Anónimo

    O problema, é que por mais considerações ideológic...

  • Anónimo

    “DesilusãoTenho estado, como é meu hábito, atento ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds