Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Autarcas deixam Relvas a falar sozinho

Dois terços dos presidentes de juntas de freguesias abandonaram a sala onde se realizou o Congresso da ANAFRE, em Portimão, quando Miguel Relvas, o ministro com o pelouro das autarquias no governo, iniciou o seu discurso, na cerimónia de encerramento.

Esta posição revela bem como estes autarcas estão a encarar a Reforma do Poder Local liderada por este governante.

7 comentários

  • Imagem de perfil

    pardieiro 03.12.2011 20:27

    Ora aqui está um comentário de um pseudo inteligente ou candidato a isso que na sua vida deve ter dado um forte contributo à sua terra ou ao seu concelho, ainda de bem que há pessoas assim, esclarecidas e munidas de massa cinzenta para comentarem assuntos de índole político . Ainda de bem que há gente de coragem que vaia canalha como esta que não verga a bem do seu orgulho e cunho partidário. Miguel Relvas, o homem do momento estava visivelmente assustado e nada à vontade perante quase 2000 autarcas de freguesia, esses que têm tacho, se calhar estava com medo de levar porrada, devia ter levado, mas esses homens e mulheres do tal "tacho" que este "amigo" fala são no meu entender gente ordeira. VIVA ESTA GENTE DE CORAGEM!
  • Sem imagem de perfil

    Manuel António Domingos 03.12.2011 22:42

    Parece que entre 4200 e tal presidentes de junta , só praí trezentos e poucos, é que exercem o cargo a tempo inteiro. Logo falar em tachos nas freguesias, para a grande maioria desses autarcas é verdadeiramente uma ofensa. A disponibilidade desses nossos compatriotas para o exercicvío do poder local nas freguesias deve merecer maioritáriamente o nosso respeito. Assobiar, e virar as costas a quem vai à nossa casa como convidado, não é uma atitude merecedora da minha concordância. Antes pelo contrário. Condeno vivamente essa atitude, convicto que estou que a mesma não ajuda a resolver nada. A falar é que a gente se entende. É ou não é ?
  • Imagem de perfil

    pardieiro 03.12.2011 23:00

    180 presidentes de junta estão a tempo inteiro ou meio tempo, os outros ganham 277€
  • Sem imagem de perfil

    F. F. 03.12.2011 23:55

    Se fosse preciso ir procurar exemplos para definir a postura arrogante e fascizante de que alguns iluminados do Poder Local se julgam detentores não seria dificil, mas assim basta ler aqui o escritos de pardieiro.
    De facto este homem tem muito a perder com a reforma em curso do Poder Local. E de tal forma que nem se consegue conter, e assim ter uma postura de diálogo e de debate sério dos problemas. Parte logo para para o enxovalho, para critica acintosa e pérfida e para rótulo perjurativo e hipócrita. Pondo-se ele como detentor e defensor das populações, sem que alguém o considere como tal.
    Mas apenas como mais um esperto que vive e sobrevive neste mundo complicado que é da politica e do carreirismo destes tempos, que levou o país ao bonito estado em que se encontra. E que por vontade dele e de outros que tais, assim continuaria por interesses muito próprios e especificos de quem apenas desse mundo vive e sabe viver.

    Vai trabalhar malandro.
  • Imagem de perfil

    pardieiro 04.12.2011 10:24

    Meu caro F.F queira saber que tenho muito orgulho de ser defensor das populações porque além dos 18 anos de associativismo em várias colectividades recreativas e desportivas também abracei a causa pública da política como amador há quase 20 anos tenho muito orgulho nisso, porque é o maior contributo que um cidadão pode dar à sua terra de nascimento ou adopção, por isso falo porque fui eleito por vontade das tais populações que diz que não me deram o direito de as defender. O poder local democrático foi conquistado por aqueles que acreditam que as pessoas podem vir a ter uma vida melhor e eu sou um deles, sou político amador mas tenho o me emprego assalariado e no que tenho muito orgulho, já o meu "amigo" não deve ter gosto pela vida, chamo-lhe um frustrado.
  • Sem imagem de perfil

    F. F. 04.12.2011 15:41

    Realista será o adjectivo a utilizar.
    Infelizmente essa visão idilica sobre o Poder Local apenas existe na cabeça de alguns ingénuos, como provávelmente será o caso, ou talvez não.
    Teve o seu tempo, e quer na acção política quer na associativa ou já desapareceu ou tende rápidamente a desaparecer. Quer se queira ou não.
    Veja-se o caso das sociedades recreativas e até os próprios bombeiros municipais. São os interesses políticos de grupo ou partido, de quem tem ambições de subir na hierarquia que se coloca nas listas e luta por vezes até com estratégias elaboradas para conseguir os objectivos estipulados.
    O tempo do amor à camisola do clube da terra, que nos levava a jogar de borla ou até pagar para o efeito, já lá vai. E embora o tenha feito, fico contente por esse tempo ter chegado ao fim.

    Quanto á vaidade prosaica do ser eleito, gostaria de lhe lembrar que embora só se fale no dia das eleições, há cerca de 40% dos portugueses que não vota porque não se revêm neste sistema político e na metodologia e filosofia pela qual se vangloria por ser eleito.
    Pelo que em relação a mim, não me representa em nada e não lhe otorgo esse direito.

    Aliás é por esse motivo que aqui escrevo. Para que sejam feitas as correcções necessárias, sobretudo emagrecendo significativamente as autarquias, e responsabilizando mais os eleitos pelo seu desempenho. Tal como os outros profissionais, que se não desempenharem bem as suas funções pagam por isso. Ao contrário dos autarcas que têm 4 anos à vontaduja para fazer o que lhes dá na realissima gana, e depois até agradecem por terem perdido a sua reeleição, pois há quem já têm os seus problemas resolvidos.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Comentários recentes

    • Anónimo

      O Maneta é Ministro ou autarca ?nao será dar-lhe e...

    • Anonimo

      Com tantos votos que o baixo alentejo decidiu atri...

    • Anónimo

      Esta resposta destina-se ao anónimo do dia 17.1020...

    • Anónimo

      o teu problema é muito mais grave, já não encontra...

    • Anónimo

      Falta a apreciação dos verdadeiros adeptos ! Que s...

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Sigam-me

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    subscrever feeds