Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“o produto claro da sociedade neoliberal em que vivemos”

Na minha opinião - e pelo que julgo saber - estes jovens que estão a pôr a velha sociedade britânica em estado de choque são o produto claro da sociedade neoliberal em que vivemos, de um capitalismo totalmente desregulado e do salve-se quem puder que inundou ideologicamente as sociedades capitalistas, dos Estados Unidos à China, passando pela Europa e em que o Reino Unido foi peão de brega desde os tempos de Tony Blair. Por outro lado, já não há ilusões: acabaram os "paraísos terrestres", em que as ditaduras de leste e os partidos ditos comunistas, mais os seus sindicatos, deixaram de ser tampão e válvula de segurança da panela de pressão social, ao mesmo tempo que o capitalismo entrou em crises sucessivas. Já ninguém liga por essa Europa fora aos velhos partidos, nem às novas soluções, sejam elas quais forem. Este é um tempo claro de mudança. De transformação. Mas - e é preciso ter isto presente - todos os tempos de mudança (e este tempo que vivemos pode ainda durar muitas dezenas de anos) comporta uma parte importante de violência gratuita e de pura destruição, É o que se está a passar em Inglaterra, mas também nas nossas cidades, onde a insegurança, a destruição generalizada de material urbano  ou  a falta de perspectivas de futuro para milhares e milhares de jovens, são apenas os aspectos mais visíveis. Claro que isto nada tem a ver com o anarquismo organizado, nem com as propostas de uma nova sociedade mais igualitária e mais solidária. Mas que há uma nova sociedade em gestação acelerada dentro desta que hoje conhecemos como única e planetária - disso estou certo. Como certo estou de que vai ser um parto muito violento e doloroso.

Carlos Júlio, in A Cinco Tons

 

Foto copiada daqui.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Falar do que não se conhece é espalhar a própria i...

  • Anónimo

    Com tanta agro-industria de capital exclusivamente...

  • Anónimo

    Falar de obscurantismo quando se fala de maçonaria...

  • Coiso

    É o melho k o DA tem... A pattir da pag 2 é só m.....

  • João Espinho

    @Anónimo19.09.2019 21:40 - Está bem.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds