Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Corte da Estrada Nacional entre Alvito e Vila Ruiva

Já aqui me referi à falta de respeito pelas pessoas, principalmente quando quem falta ao respeito é quem, para além da obrigação cívica, tem a obrigação legal de respeitar as pessoas, a propósito da insuficiente, inexistente ou inadequada sinalização rodoviária aquando da realização de obras em estradas ou arruamentos.

Trago aqui mais um exemplo, o do corte da estrada nacional entre Alvito e Vila Ruiva, sinalizado como mostram as fotografias, sem qualquer informação sobre o que o justifica. Para quê essa informação, para que precisam os transeuntes afectados com o corte dessa informação ou de uma boa e completa sinalização? – Deve ser assim que pensam os que mandaram cortar a estrada.

Segundo apurei este corte da estrada, que deve terminar amanhã ficou a dever-se a testes que as Estradas de Portugal estão fazer na Ponte de Pedra.

4 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    Avisa-se a todos aqueles que diziam, dizem e escre...

  • Anónimo

    PARABENS PAULO ARSENIO , novo Elefante Branco no P...

  • Anónimo

    Não há um tipo desse grupo de inteligentes que até...

  • Anónimo

    De facto, já alguém questionou o conhecimento que ...

  • Ana Matos Pires

    Reaças são os gajos, e sonsos comó caraças.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.