Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Museu de Évora reabriu ao público cinco anos após ter encerrado para obras

“Cansado, aliviado e feliz” foram as três palavras usadas pelo director do Museu de Évora, Joaquim Caetano, para descrever o que sentia após a reabertura deste espaço. Para já, podem ver-se as maiores peças da colecção permanente e uma exposição temporária do cartoonista Luís Afonso, onde se encontram as conhecidas tiras “Bartoon” e “Barba e Cabelo”. Em Outubro, abre uma nova ala com a restante colecção, iniciada por Frei Manuel do Cenáculo.

 

Recorde-se, para fazer pirraça aos eborenses, que quer Joaquim Caetano quer Frei Manuel do Cenáculo são oriundos do Distrito de Beja. Aliás, tal como os presidentes da Câmara e do Conselho de Administração do Hospital de Évora.

6 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • José Filipe Murteira

    Excerto do despacho : " Pretender amordaçar a libe...

  • Anónimo

    http://www.pracadarepublicaembeja.net/2019/09/a-mi...

  • José Filipe Murteira

    Numa altura em que a vida política está toda (ou n...

  • Anónimo

    Quanto às 3 ou 4 capas do DA, ninguém tem a mínima...

  • Anónimo

    Marretas são aqueles que não querem ver o que de f...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.