Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

O equilibrismo de Alegre

é cada vez mais instável e difícil de sustentar.

Repartir as dificuldades da situação que se vive pela “a esquerda que está no poder”, que deve ser “capaz de corrigir as suas políticas e a esquerda que está no contra-poder e, que beneficia com este protesto”, que dever ser “capaz de abrir-se à construção de soluções de governabilidade pela esquerda” é um exercício já não só de equilibrismo mas também de algum malabarismo.

Já agora apetece perguntar: Para onde foi o milhão de votos que obteve nas presidenciais? O PS teve, agora, menos do que isso. Ao ter acabado, mais uma vez, por caucionar a política do PS parece não ter conseguido “segurar” os seus apoiantes...

1 comentário

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    O problema é que em Beja este ou outro tema verdad...

  • Anónimo

    Tão simples como, para a concretização desses inve...

  • Anónimo

    Ora aqui está um tema que deveria ser motivo de re...

  • Anónimo

    Pelos vistos vai ser o primeiro a profanar o sítio...

  • Anónimo

    Tens toda a razão. Já cá faltava a patetice da com...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.