Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Assinalados os 175 anos da Convenção de Evoramonte

Zé LG, 27.05.09

A Convenção de Evoramonte, que pôs termo à guerra civil de 1832-1834, travada entre absolutistas e liberais, e assinada em 26 de Maio de 1834, foi recordada na vila histórica no passado sábado. A sessão solene foi presidida pelo ministro da cultura, Pinto Ribeiro, tendo-se seguido uma recreação histórica da assinatura da convenção interpretada por populares da localidade e associados da Liga dos Amigos do Castelo de Evoramonte (LACE).

A relevância que este episódio da história de Portugal teve no decurso da vida do país, sobretudo por ter sido uma guerra tão sangrenta, foi a ideia central das várias intervenções das comemorações.

O ministro da cultura considerou a Convenção de Evoramonte "muito importante porque significou a paz entre irmãos, no fim de uma guerra civil sangrenta, muito destrutiva". Em seu entender, a paz é decisiva para um país mais moderno e mais democrático "porque há sempre forma de resolver os problemas sem ser pela força".