Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“Mas temem os homens livres..."

"A propósito da eleição do próximo provedor de Justiça, todos os termos foram já utilizados. Grave. Preocupante. Uma vergonha. Todos são adequados. A escolha do candidato que se segue fica na dependência de um voto parlamentar com maioria qualificada de dois terços dos deputados. Isto obriga a um entendimento entre partidos. O que podia ser fácil transforma-se num pesadelo democrático... A função encontra-se entre as muito poucas que devem ser acarinhadas. Ainda por cima, num país onde a Justiça é cara, o recurso ao provedor é gratuito. Nascimento Rodrigues espera há oito meses pela sua substituição. PS e PDS não se entendem para designar um nome com dois terços de votos possíveis. Entregaram-se a mais uma quezília inútil que os desprestigia e que destrói as instituições. Pretendem vantagens partidárias, querem-se humilhar reciprocamente e desejam obter uma vitória. Jorge Miranda seria um excelente candidato e certamente, um formidável e independente provedor. Envolver a sua designação em querelas miseráveis é a melhor maneira de corroer as virtualidades da possível designação. Por tudo isto, o Parlamento e os dois grandes partidos não têm perdão... Os partidos receiam cada vez mais a sociedade. Ligam-se a grupos económicos que lhes prometem obras e investimentos, mas afastam-se dos cidadãos. Apreciam quem depende de si. Comovem-se com os caninos e rastejantes. Mas temem os homens livres...".

(António Barreto, Jornal 'Público' de 22-03-09)

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Com tanta agro-industria de capital exclusivamente...

  • Anónimo

    Falar de obscurantismo quando se fala de maçonaria...

  • Coiso

    É o melho k o DA tem... A pattir da pag 2 é só m.....

  • João Espinho

    @Anónimo19.09.2019 21:40 - Está bem.

  • Anónimo

    Não preveja reforço da votação no PS porque isso s...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds