Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

OVIBEJA 2021 realiza-se em formato digital

Zé LG, 20.01.21

37ovibeja _ digital.jpg

A Comissão Organizadora da Ovibeja decidiu cancelar a edição de 2021 em virtude da situação de pandemia pela Covid-19 que o país atravessa. Embora sabendo da importância que este certame representa para a agricultura e para todas as actividades económicas e sociais da região, e até mesmo do país, a Comissão Organizadora viu-se obrigada a reconhecer que não estão reunidas as condições para realizar a 37ª Ovibeja nos moldes tradicionais que caracterizam este evento desde a sua génese. Como alternativa, foi decidido assinalar a data com a realização de uma Ovibeja num formato moderno, com recurso a tecnologias de informação e comunicação e com diversas actividades agendadas para os dias 22 e 23 de Abril de 2021. Leia aqui o resto da notícia.

CTT reabrem lojas de Alvito e Barrancos

Zé LG, 19.01.21

201901232245428626.jpgOs CTT reabriram, ontem, a Loja CTT de Alvito, depois de, recentemente, terem aberto a Loja de Barrancos.
Em Alvito, a Loja CTT reabriu, no mesmo local onde já funcionava, na Praça da República, e a Loja CTT de Barrancos reabriu, também, no mesmo local onde funcionava, anteriormente, na Praça da Liberdade e ambas estão abertas, nos dias úteis, das 09:00 às 12:30 horas e das 14:00 às 17:30 horas.

Não será possível adoptar medidas em função da gravidade das situações?

Zé LG, 19.01.21

Mais de 96% das mortes com COVID-19 tinham mais de 60 anos, enquanto 46% dos infectados tinham entre 20 e 50 anos. 1,88% dos homens e 1,42% das mulheres que foram contagiados morreram. Daqui.

transferir.png

A adopção de medidas e a comunicação iguais para todos quando as situações são tão diferentes não parece ser a estratégia mais adequada. Parece evidente que quem precisa de ser protegido são os mais idosos. Como evidente parece que aos mais novos se deve apelar à solidariedade para com aqueles. 

Mas isso não vai mudar agora de repente. E, por isso e para que não continuem a ser sempre os mesmos a suportar os maiores custos, parece que a solução para tentar travar este crescendo de casos, internamentos e mortes seja um confinamento o mais geral possível durante duas ou três semanas, com suspensão de prazos e compensações justas aos mais penalizados (trabalhadores e micro, pequenos e médios empresários). A alternativa será prolongar o confinamento sem prazo para alguns, os mesmos de sempre. O PR fala até Março...

“Adolescentes e jovens adultos foram os mais afetados no primeiro confinamento geral”

Zé LG, 18.01.21

240620151806-754-ANAMATOSPIRES.jpg

Ana Matos Pires, diretora do Serviço de Psiquiatria da ULSBA e coordenadora Regional da Saúde Mental do Alentejo, diz que “no primeiro confinamento foram os adolescentes e os jovens adultos os mais afetados” e considerou ter sido “uma boa medida manter as escolas em regime de ensino presencial” por ter “um impacto positivo na saúde mental” destas faixas etárias.

Para Ana Matos Pires, os "impactos deste novo confinamento não deixarão de ser preocupantes, mas vão ser mais leves, pois deixa de existir o elemento surpresa contudo, a ansiedade vai subsistir, assim como o agravamento de algumas situações relacionadas com as pessoas cuja situação económica se complique".

Construção de edifício para Esquadra e simulador de voo na Base Aérea de Beja com orçamento de 5,3 milhões de euros

Zé LG, 18.01.21

Base-Beja-768x432.jpgO concurso para a construção do edifício para Esquadra e simulador de voo na BA11, em Beja, foi prorrogado.
A intervenção prevê a demolição de edifícios de pequena dimensão existentes, modelação do terreno, execução de fundações diretas, constituídas por sapatas e lajes de ensoleiramento geral, superestrutura em betão armado e em aço estrutural, montagem de infraestruturas interiores e execução de acesso rodoviário e arranjos exteriores.

Exigem-se medidas mais específicas e orientadas para a protecção dos mais vulneráveis

Zé LG, 17.01.21

AC.pngO primeiro-ministro, António Costa, convocou para esta segunda-feira um Conselho de Ministros eletrónico para fazer o ponto de situação do cumprimento das medidas.

Portugal é o segundo país com mais novos casos de infeção do mundo e o primeiro na Europa. Relativamente aos óbitos, Portugal surge em quarto lugar na taxa por milhão de habitantes (com 14,12), depois da República Checa (16,5), do Reino Unido (16,3) e da Eslováquia (15,2).

Quase todos os hospitais estão no limite – muitos já ultrapassaram -, da sua capacidade de internamento e consultas, cirurgias e outros tratamentos de outras doenças estão suspensas. Esperamos que o governo, em vez de tomar medias generalistas destinadas a todos mas que só poucos cumprem, seja capaz de tomar medidas específicas orientadas no sentido da protecção dos que mais são atingidos pelo novo coronavírus. É incompreensível e inaceitável que não seja possível travar os contágios e evitar a mortandade nos lares. Tal como se verifica relativamente a alguns outros grupos de maior risco, como os obesos. Porque não é passada baixa aos portadores de doenças mais vulneráveis à COVID-19, como se verificou no outro confinamento, por exemplo?

Voto antecipado para eleger o Presidente da República decorre hoje

Zé LG, 17.01.21

Sem nomeboletim de voto.png

O voto antecipado em mobilidade foi alargado por lei aprovada no parlamento e pode ser feito na sede de cada um dos 308 concelhos do país e das regiões autónomas dos Açores e Madeira. O voto antecipado nas presidenciais 2021 realiza-se hoje e no concelho de Beja tem lugar no Edifício Administrativo do Parque de Feiras e Exposições da cidade, Manuel de Castro e Brito. 

Até às 23:59 horas de quinta-feira, dia 14, prazo final para o voto antecipado, inscreveram-se 246.876 eleitores

NOTA: Eduardo Baptista, que surge no primeiro lugar do Boletim de Voto, não é candidato, porque a sua candidatura não foi aceite por não só ter apresentado meia dúzia de subscritores.

Central Termoelétrica de Sines encerrou ontem

Zé LG, 16.01.21

202101141621365596.jpgApós 35 anos em atividade, o encerramento, ontem, da central da EDP em Sines, com 1.256 megawatts (MW) de potência, marca o princípio do fim de uma era no sector energético nacional e mundial, com a despedida do carvão. No horizonte de Sines surge agora a possibilidade de produção de hidrogénio verde, com a EDP a estudar esta possibilidade em conjunto com outras empresas.

O fim da laboração da central significa também o fim de cerca de um décimo das emissões de óxidos de azoto, dióxido de enxofre, partículas e metais pesados em Portugal, assinala a Zero, que reconhece que o encerramento de Sines e da outra central a carvão portuguesa, no Pego, afeta direta e indiretamente cerca de 700 trabalhadores e lamenta que não tenha havido "diálogo, concertação social e criação de soluções alternativas" para essas pessoas.

O presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, considerou que "face à conjuntura existente" o fecho da central a carvão de Sines "não foi o mais indicado".

"Foi uma decisão tomada pela EDP, mas temos de nos concentrar naquilo que é o mais importante e encontrar alternativas para os trabalhadores que direta ou indiretamente exerceram funções durante muitos anos nesta central", sublinhou.

2-4-330x242.jpg

A EDP “tem estado sempre disponível para colaborar com o Governo no que respeita a garantir a segurança do abastecimento, e sempre que tal é necessário, estando a realizar investimentos na central do Alqueva para reforço da prestação de serviços de sistema (a nível do controlo de tensão)”.

ULSBA aumenta capacidade de internamento Covid-19

Zé LG, 16.01.21

O hospital de Beja aumentou o número de camas para internamento de doentes com covid-19, quase duplicando de 24 para 46 as do serviço de medicina e dobrando de quatro para oito as de cuidados intensivos, que hoje estão todas ocupadas.

imgLoader2.ashx.jpgEm consequência do aumento do número de camas, "foi necessário um rigoroso trabalho de gestão e de afetação de recursos humanos e de equipamento" da ULSBA, frisa a administração, registando, "com agrado, a imediata cooperação das equipas envolvidas e de todo o pessoal que, nas diferentes áreas de trabalho, permitiram a criação das condições para que tudo se concretizasse".
O conselho de administração da ULSBA apela "ao respeito pelas regras em vigor neste período difícil" e ao cumprimento das medidas de proteção, nomeadamente o distanciamento social, a etiqueta respiratória, o uso de máscara e a higienização das mãos.

CONFINAR, MAS POUCO...

Zé LG, 15.01.21

202003021242426463.jpgFoi publicada esta quinta-feira em Diário da República o decreto do Governo que regula todas as medidas no âmbito do confinamento que entra em vigor esta sexta-feira, 15 de janeiro, a partir das 00h00 e termina a 30 de janeiro. Leia o documento na íntegra.

Lido o decreto do governo com as medidas de (para o ) confinamento, a conclusão a que cheguei é que quem vai ficar confinado (em termos gerais) são: funcionários públicos (com excepção da Saúde, das Escolas, dos Tribunais, Serviços de Segurança e Protecção Civil, Forças Armadas, o que não é pouco...) e empresários e trabalhadores da Restauração e Similares, Turismo, Cultura, Desporto, Eventos e Animação e quem não trabalha…

Entrou o primeiro avião, para manutenção de linha, no hangar da "Mesa", no Aeroporto de Beja

Zé LG, 14.01.21

Obtidos os licenciamentos necessários, na sequência dos testes realizados na primavera e no verão de 2020, por parte das entidades aeronáuticas competentes, o dia 12.01.2021 fica assinalado no calendário como aquele em entrou no hangar a primeira aeronave para manutenção. Trata-se de um A-321 da empresa-mãe "Hi Fly".

139094460_1120316428400599_2682082891549921132_n.jNeste momento o hangar emprega 40 pessoas, prevendo a empresa mais10 em fevereiro/março. A "Mesa" prevê concluir a 2.fase do hangar em 2023, altura em que o empreendimento deverá ter um total de 150 postos de trabalho diretos.

Prémio CA Ovibeja - 10º Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra avança com formato adaptado

Zé LG, 14.01.21

cartaz_2021_pt_PT.jpgA ACOS, em colaboração com a Casa do Azeite, vai realizar em 2021 o 10º Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja, com o patrocínio exclusivo do Crédito Agrícola. Mantém-se a abrangência internacional do concurso e dos membros do Júri, assim como a presidência de José Gouveia, especialista em azeites a nível mundial.

Mesmo que o formato do concurso tenha de ser adaptado de acordo com medidas nacionais e/ou internacionais de controlo da Covid-19, é imperativo, para os organizadores, a realização do mesmo. Por um lado, porque vem incentivar a aposta na qualidade dos azeites nacionais, e por outro, revelar o seu potencial não só no mercado interno, mas também na conquista de mercados internacionais.

Consultar: www.azeite-ovibeja.pt.