Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
06
Jun 15

logo.pngOs trabalhadores da Resialentejo – Tratamento e Valorização de Resíduos, EIM, com sede em Beja, deliberaram por unanimidade, em assembleia realizada hoje, dia 4, marcar uma greve para os dias 22, 23 e 24 deste mês. A greve pretende reivindicar junto da administração da empresa “o pagamento integral das dívidas por parte dos municípios à Resialentejo; gestão participada; cumprimento dos estatutos em relação à criação e funcionamento do conselho consultivo; extinção do cargo de diretor executivo como um cargo política; abertura de concurso público para a seleção e recrutamento do diretor executivo, não condicionada à duração dos mandatos do órgão executivo, com a participação e parecer vinculativo da comissão de trabalhadores; fomentar a responsabilidade social da empresa; atualização do acordo de empresa; definição de estratégia de médio/longo prazo com objetivos; e realização de uma reunião anual entre a administração e os trabalhadores para apresentação dos objetivos, orçamento e plano de atividades”.

 

ALGUÉM ME CONSEGUE EXPLICAR BEM ISTO?

publicado por Zé LG às 10:14
Vamos ver agora se os habituais que ultimamente não têm aparecido quando a função pública faz greve, equipados com coletes para parecerem todos iguais e trabalhadores não fazem o mesmo que logo após o 25 de Abril fizeram à porta do liceu de Beja a muitos dos que hoje estão de mão dada com o PCP na gestão autárquica do concelho, se calhar vão obrigar as pessoas a trabalhar ou a sugerir que os inconformados sejam despedidos. Façam concursos públicos para não continuarmos a ser geridos por pessoas incompetentes mas que têm um cartão como é o caso, até quando esta contradição com o que se apregoa para os outros não se faz para nós?
anonima a 7 de Junho de 2015 às 10:48
É por estas e por outras que depois se privatizam empresas estatais.
Curioso é aparecerem logo uns quantos "defensores acérrimos dos trabalhadores e dos seus direitos" mas sem terem nada a ver com eles. A gritarem aqui del-rei por aqueles mas sem qualquer procuração para o efeito.
Anónimo a 7 de Junho de 2015 às 12:18
Está tudo farto da opressão do PCP! E não é só na ResiAlentejo! É na EMAS, na CMB, no Museu Regional...
grevista a 8 de Junho de 2015 às 09:44
Concordo, vamos ver se os responsáveis do PCP e o STAL vão dar apoio aos trabalhadores uma vez que a gestão desta empresa tem sido maioritariamente Comunista. Conheço a empresa e digo que se não fosse o esforço dos trabalhadores ela já tinha ido ao fundo. As Camaras que ficam com o dinheiro dos resíduos dos munícipes para fazer festas e ganhar votos em vez de pagarem a empresa, já consultei as contas da empresa e deparei me com uma autentica vergonha, quase 1 milhão de euros em divida.
anonima a 8 de Junho de 2015 às 09:55
Tachos e tachinhos, a luta continua. Na Câmara, Emas, Resialentejo, Cimbal é o PCP que põe e dispõe. Mas no aparelho do Estado Central, PSD, CDS e PS metem lá todos os que podem. No IEFP, na Segurança Social, na Saúde, nas direcções regionais é um fartar vilanagem. E nem sempre são os mais competentes. O último está aqui, da Educação para o Centro de Emprego : http://www.lidadornoticias.pt/beja-iefp-tres-novos-diretores-adjuntos-de-centros-de-emprego-tomam-hoje-posse/
Anónimo a 8 de Junho de 2015 às 13:20
Desde que vi um porco a andar de bicicleta já nada me admira. De facto a nomeação de Herlander Mira para Director-Adjunto do Centro de Emprego é perfeitamente hilariante. Como não conseguiram meter o homem como Director vá de Director Adjunto que também serve pois o rapazinho já estava mais que queimado na Direcção Regional de Educação.
antonico a 8 de Junho de 2015 às 13:35
Num país com tantos desempregados, um partido que diz defender os trabalhadores e o povo é o partido que:

- Quer trabalhadores da CMB a trabalhar no 1 de Maio na Ovibeja;

- Coloca os altos quadros ou seus familiares em tachos para os quais não têm mínima competência (EMAS, Resialentejo....)

- Compra centrais asfálticas com 20 anos e sem garantia.....

Continuar isto até dói, tanto abusar do erário público e dos contribuintes!
lare a 8 de Junho de 2015 às 22:30
Até muitos PC´s criticam abertamente a gestão Rocha.Então e os PSD´S continuam de amor e companhia com o Rocha, falta total de vergonha.
anonimo a 8 de Junho de 2015 às 23:17
li o comentário do Tomé Pires, mais valia que estivesse calado para defender os amigos dos partidos entra de peito aberto. Diz que o assunto tem que ser resolvido na empresa e não na praça publica, então mas a empresa não é publica? não querem é perder votos e que ninguém saiba. Consultei as contas e a camara de Moura não paga a mais de um ano, com os munícipes a pagar o lixo todos os meses, tomem vergonha na cara vigaristas, ficam com o dinheiro dos munícipes para comprar votos com festas!
xico a 9 de Junho de 2015 às 12:13
Junho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Camaradas vocemecês não eram para estar reunidos a...
A CIMBAL deveria fazer um esforço para sair do "se...
são mesmo uns tristes...insistem na conversa de me...
chega-lhes roupa, não sejes cagarolas
Esta Câmara de CABELEIREIRAS, ESTETICISTAS, PROFES...
Os "outros" prometeram, "estes" vão fazer... Esper...
A estratégia é disparar em todas as direcções! An...
Deserto de ideias e iniciativas já é.
Mais que o centro do sul esta camara de cabeleirei...
Nã leio o dalentejô. Só veijo a capa! falari, fala...
atã nã fali do que nã sabi
nã sabe leri?
E a ETAR de Vales Mortos? E as não obras na escola...
blogs SAPO