Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
14
Jan 18

IMG_3712.JPG

Ontem à tarde, o Município de Alvito realizou uma Sessão Solene em que, para além de atribuir medalhas de mérito aos trabalhadores da autarquia e aos bombeiros com 15, 25 e 35 anos de serviço, distinguiu também o GDCA, Dona Maria Pia, fundadora do Lar de Vila Nova da Baronia e os antigos presidentes da Câmara, com a Medalha Municipal de Bons Serviços, Grau Ouro.

publicado por Zé LG às 00:30
04
Jan 18

2018010220405494.jpg

Tomei há pouco conhecimento da morte de António Veríssimo de Sousa, de 76 anos, natural da Cabeça Gorda e antigo funcionário / fiscal da Câmara Municipal de Beja, onde o conheci e com ele convivi.

Se bem me lembro, tinha sido paraquedista e, na guerra colonial, ficou pendurado pelo paraquedas numa árvore em pleno teatro de guerra, de onde lhe ficaram bem patentes os traumas de que padecia. Talvez por isso, era um homem muito fechado, que falava pouco.

 

À família apresento os meus sentidos pêsames.

publicado por Zé LG às 17:55
04
Jan 18

030120181127-287-fotointernos2018.jpg

A Unidade Local de Saúde do Baixo recebeu, no início deste ano, mais 21 médicos internos.  

7 são médicos internos do ano comum e 14 são médicos em formação específica, nas especialidades de Cirurgia Geral, 1, Psiquiatria, 1, Pediatria, 1, Medicina Interna, 3, Patologia Clínica, 1, Saúde Pública, 1, Endocrinologia, 1, Ortopedia, 1 e Medicina Geral e Familiar, 4. Este grupo de médicos veio juntar-se aos 46 Internos que estão actualmente em formação na ULSBA.

A vinda destes Médicos Internos para a instituição é um acontecimento muito importante, uma vez que estimula a dinamização dos Serviços Clínicos e cria a possibilidade de fixação de médicos na região.

Leia mais AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 12:48
29
Dez 17

Estou convicto de que a criação no Hospital de Beja de Centros de Responsabilidade Integrados - entre os quais o de Cardiologia - permitiria melhores condições de contratualização, de atração de mais especialistas, de aumentos da produção e qualidade. Defendo essa perspectiva desde o mandato em que exerci funções de Diretor Clínico (1996-2000). A legislação atual contempla essa possibilidade. Seria um caminho de desenvolvimento, contrariando o processo de definhamento em curso nos últimos anos. Mas não temos sinais visíveis de que o Conselho de Administração da ULSBA pretenda implementá-los.

Munhoz Frade a 28 de Dezembro de 2017 às 23:09, AQUI.

publicado por Zé LG às 15:30
24
Dez 17

Há muito que entre nós, comunidade Bejense, propugno uma cultura de transparência, diálogo e envolvimento cívicos, entre responsáveis pela gestão e a população. Já em agosto de 2003, num extenso artigo publicado no Diário do Alentejo, afirmava:
“Manter informados os utentes e dialogar com os seus representantes, eis uma das legítimas expectativas que os cidadãos contribuintes têm sobre a atividade dos gestores hospitalares.”
“A defesa do interesse público exige não só rigor na administração de recursos. Exige também a transparência dessa gestão perante a comunidade.”
Daí para cá muito se legislou, sendo hoje possível aceder online a muita informação pertinente. No entanto, esses dados poucas vezes chegam aos cidadãos.
Mas é outra razão que implica a necessidade de informar os utentes em “tempo real”: a de que estes possam dar força para a resolução de dificuldades com que se debatem os responsáveis nomeados no dia-a-dia. É nesse objetivo, de Unidade, que convergem as ações de intervenção pessoal, entre as quais as que um blogue como este possibilita.

Munhoz Frade a 23 de Dezembro de 2017 às 10:00, AQUI.

publicado por Zé LG às 10:00
22
Dez 17

HospitalSerpa-768x512.jpg

O deputado do PCP eleito por Beja voltou a questionar o governo sobre o Hospital de S. Paulo em Serpa. O parlamentar quer saber qual o futuro dos trabalhadores daquela unidade de saúde.

João Ramos quer saber se o ministério da Saúde garante que os direitos dos trabalhadores são respeitados no processo de extinção do acordo de cooperação; por que razão não têm sido prestados todos os esclarecimentos aos trabalhadores sobre este processo; que intenções existem relativamente aos trabalhadores que têm contracto de trabalho com a ULSBA; por que razão não está ainda resolvida a situação do pagamento das horas em divida e quando será resolvido esse problema.

Ler e ouvir também AQUI.

publicado por Zé LG às 19:17
22
Dez 17

081120171103-373-greveSomincorGNR.jpg

Os trabalhadores da SOMINCOR estão, hoje, de regresso à greve. Uma paralisação de 24 horas, decretada pelo STIM-Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira, que se repete, na próxima semana, das 6.00 horas do dia 27 às 6.00 horas do dia 28 e das 6.00 horas do dia 29 às 6.00 horas do dia 30.
As reivindicações continua a ser as mesmas de sempre pelo fim do regime de laboração contínua no fundo da mina, pela humanização dos horários de trabalho, pelo estabelecimento de protocolo, entre a empresa e a Segurança Social, que permita a antecipação da idade de reforma dos trabalhadores adstritos às lavarias, pastefill e backfill e central de betão, pela progressão nas carreiras, pela revogação das alterações unilaterais na política de prémios, pelo fim da pressão e repressão sobre os trabalhadores.

publicado por Zé LG às 01:14
18
Dez 17

210520171718-916-HospitalBeja1(1).jpg

Segundo me informaram, os serviços de Obstetrícia do Hospital de Beja estarão encerrados nos próximos dias 24, 25 e 31, devido à falta de médicos. A ser assim, os pais que possam estar à espera dos seus filhos nesses dias terão de pedir a reprogramação dos partos ou ir tê-los noutros sítios. 

A ser assim - volto a colocar as coisas no condicional -, não seria correcto haver uma informação pública desses lapsos na prestação desse serviço? Os cidadão não têm direito a saber com que serviços públicos podem contar? Ou a crise e as ausências de prestação de serviços correntes já se banalizou no Hospital de Beja?

publicado por Zé LG às 19:31
17
Dez 17

O artigo “Enfermagem de Reabilitação e a Acessibilidade da Pessoa com Incapacidade”, publicado na última edição da RIASE, Revista Ibero-americana de Saúde e Envelhecimento, teve como co- autores Paulo Silva e Luís Ribeiro, Enfermeiros da Unidade de Cuidados Intensivos Polivalente, e Susana Góis, Enfermeira do Serviço de Especialidades Médicas da ULSBA.

“Este trabalho pretende reflectir sobre os direitos das pessoas com incapacidade e sobre o papel dos profissionais na acção global da reabilitação (…). Pretende, igualmente, mobilizar e reflectir estratégias para a promoção da acessibilidade”, explica a ULSBA.

publicado por Zé LG às 00:39
15
Dez 17

091220132045-433-Sade.jpg

A criação do Hospital Central do Alentejo, em Évora, “não pode implicar a menorização dos demais hospitais do Alentejo e a capacidade de financiamento de Serviços e equipamentos destes”. Esta foi uma das conclusões saídas de uma reunião dos Conselhos Sub-Regionais de Beja, Évora, Portalegre e Setúbal da Ordem dos Médicos, que assumiram o compromisso de “contribuir para uma solução que salvaguarde os interesses da Saúde global do Alentejo, como factor de desenvolvimento geral e de fixação de população”.

Pedro Vasconcelos, presidente do Conselho Sub-Regional de Beja da Ordem dos Médicos frisou que o entendimento de que a saúde do Alentejo deve ser pensada e praticada não por projetos avulsos, mas de uma forma global, integrando ofertas e necessidades gerais foi uma das grandes conclusões retiradas deste encontro.

publicado por Zé LG às 00:04
13
Dez 17

Somincor-1859.jpg

O Sindicato dos Trabalha-dores da Indústria Mineira (STIM) apresentou um novo pré-aviso de greve para as minas de Neves-Corvo, para os dias 22, 27 e 28 deste mês, o terceiro apresentado nos últimos três meses, após um período de 14 anos de paz social na empresa.
Os trabalhadores reivindicam o “fim do regime de laboração contínua no fundo da mina” e a “humanização dos horários de trabalho”, o “estabelecimento de um protocolo entre a empresa e a Segurança Social que permita a antecipação da idade da reforma dos trabalhadores das lavarias, pastefill e backfill e central de betão” e a “progressão nas carreiras”.

publicado por Zé LG às 17:54
12
Dez 17

582px_d37215126669613079be6b.jpg

publicado por Zé LG às 18:00
09
Dez 17

free.jpgO oftalmologista alentejano João de Deus, de Elvas, integra a lista das 100 personalidades "mais influentes da saúde a nível mundial" e é o único português dessa lista, do grupo editorial brasileiro "Grupo Mídia".

João de Deus é membro do Conselho Nacional da Ordem dos Médicos e presidente da Associação Europeia dos Médicos Hospitalares e um especialista na área do "Task Shifting", que transfere tarefas médicas para outros profissionais da saúde. É ainda professor na Escola Superior de Tecnologias da Saúde de Lisboa e integra o Comité Permanente dos Médicos Europeus (CPME) e o Secretariado Nacional do Sindicato Independente dos Médicos (SIM).

Entre os "100 Mais Influentes" estão figuras como Melinda Gates, copresidente da Fundação Bill & Melinda Gates ou Yoshinori Ohsumi, Nobel da Medicina de 2016.

publicado por Zé LG às 15:01
08
Dez 17

thumbs.web.sapo.io.jpg

Cristiano Ronaldo foi galardão com a Bola de Ouro de 2017, o quinto da sua carreira. O português igualou o argentino Lionel Messi no top dos jogadores que mais vezes venceram o troféu da revista francesa ´France Football`.

publicado por Zé LG às 17:10
30
Nov 17

2017112915363473.jpg

Arnaldo Praça de Cristo Fragoso, viúvo, natural de Vera Cruz, Portel, morreu ontem, com 83 anos, no Hospital de Beja. O funeral realiza-se hoje, às 09h30, das Casas Mortuárias para o Cemitério de Beja.

Arnaldo Fragoso foi fiscal e técnico de turismo da Câmara Municipal de Beja, sendo uma figura muito conhecida na Cidade de Beja.

Lidei de perto com ele quando exerci funções na área do turismo, quer na Câmara Municipal de Beja, quer na Região de Turismo da Planície Dourada, tendo sempre mantido com ele uma relação cordial.

À família apresento os meus sentidos pêsames.

publicado por Zé LG às 08:30
24
Nov 17

231120171604-207-grevetecnicos.jpg

Os técnicos superiores das áreas de diagnóstico e terapêutica estão em greve por tempo indeterminado, desde o dia 2 de Novembro, e garantem que esta paralisação só termina quando o Governo decidir cumprir a lei.

O Sindicato Nacional dos Técnicos Superiores de Saúde das Áreas de Diagnóstico e Terapêutica recorda que há cerca de 10 mil profissionais em exercício nos serviços públicos de saúde que querem ver a sua carreira regularizada. A nível europeu a carreira é reconhecida, mas em Portugal não, disse o técnico de radiologia do Hospital de Beja, António Balsinha, frisando que esta greve já dura há 22 dias.
Esta greve está a afectar praticamente todos os serviços de saúde, com especial incidência nos blocos operatórios, altas e internamentos hospitalares, diagnósticos diferenciados em todas as áreas de intervenção clínica, planos terapêuticos em curso, distribuição de medicamentos e prevenção em saúde.

publicado por Zé LG às 13:54
24
Nov 17

578px_9c5c150911915325733449.png

220720151035-773-stal2.jpg

O STAL informa que o reposicionamento remuneratório foi exigido por si à administração anterior, e que o mesmo “resulta da aplicação das medidas inseridas na Lei do Orçamento de Estado para 2017 e do respectivo Decreto-Lei de Execução Orçamental, conforme foi amplamente divulgado aos trabalhadores nos plenários realizados na empresa”, e que “estas medidas foram aplicadas em todas as empresas públicas onde existem Acordos Colectivos de trabalho em vigor, como é o caso da EMAS”.

Rui Marreiros afirma que os aumentos feitos pela anterior administração são “ilegais”. A nova administração sustenta a decisão num parecer da CCDR Alentejo.  O administrador executivo da EMAS, adianta que “era uma situação insustentável (…) para os trabalhadores porque não tardaria até que a decisão [de revisão dos salários] fosse imposta pela via dos Tribunais” com prejuízos para os trabalhadores que teriam, eventualmente, de repor as verbas recebidas.

Ler e ouvir AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 08:48
22
Nov 17

23659136_1708257312538209_2651310999530327703_n.jp

O TeatroThalia em Lisboa foi ontem palco da entrega da distinção Entidades Empregadoras Inclusivas, uma distinção pública às boas práticas de gestão abertas e inclusivas, desenvolvidas por entidades empregadoras relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade.

O município de Portel, no Alentejo Central, foi o único município alentejano a receber esta distinção, enquanto empregador, reconhecido pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional, por promover um "mercado de trabalho inclusivo" e se distinguir ao nível do recrutamento, desenvolvimento e progressão dos trabalhadores, pelas suas acessibilidades e pela qualidade de serviço e relação com a comunidade.

A distinção foi recebida pela presidente da autarquia, José Manuel Grilo.

publicado por Zé LG às 12:42
22
Nov 17

manchete_text_311020171052-183-aljustrelmina.jpg

O protesto que surge, por melhores salários, horários e condições de segurança no trabalho, abrange todos os trabalhadores nomeadamente os da empresa concessionária das minas, a Almina-Minas do Alentejo, e das outras duas empresas que prestam serviços no complexo mineiro, a EPDM-Empresa de Perfuração e Desenvolvimento Mineiro e Urmáquinas.

Jacinto Anacleto, dirigente do STIM-Sindicato dos Trabalhadores da Industria Mineira, critica o facto de grande parte dos trabalhadores terem um vencimento mensal de 600 euros, com horários diários de 10 horas. Jacinto Anacleto, aponta ainda o dedo às administrações das três empresas porque até agora têm recusado dialogar com o sindicato que representa os trabalhadores.
A realização da greve foi decidida no plenário geral de trabalhadores das minas, que decorreu no dia 18 de Outubro.

publicado por Zé LG às 00:10
21
Nov 17

201120171800-111-SIMBOLOACT1.jpg

Na passada semana, a ACT realizou uma ação inspetiva conjunta com a GNR, o SEF e a Delegada de Saúde, numa herdade no Alentejo, no âmbito da apanha da azeitona, com o objetivo de combater o trabalho não declarado no setor agrícola. No decorrer da visita os inspetores do trabalho analisaram a situação de 154 trabalhadores, dos quais 97 se encontravam não declarados. Imediatamente as várias empresas envolvidas foram notificadas para proceder à respetiva regularização, avança a Autoridade para as Condições do Trabalho na nota de imprensa enviada à nossa redação.

A ACT refere ainda, que vai acompanhar estas situações para que seja reposta por completo a legalidade das relações laborais e promovido o cumprimento das regras legais.

publicado por Zé LG às 13:50
Janeiro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Que políticos! Uma vergonha!
Muito bem, anónimo das 11:53!
Não se percebe mesmo, porque é que nuns tempos em ...
Camaradas vocemecês não eram para estar reunidos a...
A CIMBAL deveria fazer um esforço para sair do "se...
são mesmo uns tristes...insistem na conversa de me...
chega-lhes roupa, não sejes cagarolas
Esta Câmara de CABELEIREIRAS, ESTETICISTAS, PROFES...
Os "outros" prometeram, "estes" vão fazer... Esper...
A estratégia é disparar em todas as direcções! An...
Deserto de ideias e iniciativas já é.
Mais que o centro do sul esta camara de cabeleirei...
Nã leio o dalentejô. Só veijo a capa! falari, fala...
atã nã fali do que nã sabi
blogs SAPO