Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
21
Mai 15

.. no dia 22, Sexta-Feira, pelas 18 horas, com partidas de Santiago do Cacém, do Largo Zeca Afonso, e da Aldeia de Santo André, até ao Hospital do Litoral Alentejano (H.L.A.).
Esta Marcha é organizada pelas Assembleias Municipais do Litoral Alentejano (Alcácer do Sal, Grândola, Odemira, Santiago do Cacém e Sines), para reivindicar MELHORES Acessibilidades e MELHORES Serviços de Saúde, tais como:
- Reparação URGENTE do Itinerário Complementar Nº1 (I.C.1), Estrada Nacional Nº120 (E.N.120), no troço entre Palma, no Concelho de Alcácer do Sal e Grândola;
- Conclusão URGENTE das obras do Itinerário Principal Nº8 (I.P.8), entre Sines e Beja;
- Construção do Itinerário Complementar Nº4 (I.C.4), Via Vasco da Gama;
- Conclusão URGENTE do Itinerário Complementar Nº33 (I.C.33);
- Construção URGENTE do Eixo Ferroviário Sines-Évora-Elvas-Caia-Badajoz;
- Revogação da Portaria Nº82/2014;
- Reabertura de Extensões de Saúde;
- Reforço das valências do Hospital do Litoral Alentejano (H.L.A.);
- Contratação de Médicos(as), Enfermeiros(as) e outros(as) Profissionais de Saúde, em número suficiente, para colmatar a GRAVE falta nos diversos Serviços da Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano;
- Cumprimento por parte do Governo/Ministério da Saúde da Resolução da Assembleia da República Nº57/2011, que obriga a reabertura do Serviço de Atendimento Permanente (S.A.P.) do Centro de Saúde de Grândola 24 Horas e do Posto-Médico do Canal Caveira.
A Coordenadora das Comissões de Utentes apela a todos os Utentes que se juntem a esta Marcha pela URGÊNCIA da manutenção e melhoria dos diversos Serviços Públicos!

publicado por Zé LG às 20:51
19
Mai 15

180520152114-812-catarinaeufmia.jpgA iniciativa começa às 19.00 horas, com uma romagem ao cemitério de Baleizão que vai contar com as presenças do capitão de Abril, Mário Tomé e Cipriano Pisco, da Direcção da UDP-AP, para homenagear Catarina Eufémia e o seu sobrinho Manuel da Saudade, dinamizador da UCP “Terra de Catarina”.
Para as 20.00 horas está agendado um jantar convívio, e às 21.30 horas, no Largo do Touril, passa um documentário sobre a luta das mulheres no séc.XX, com destaque para Catarina Eufémia.

publicado por Zé LG às 01:32
12
Mai 15

Um grupo de amigos, preocupados com a situação do Alentejo, decidiu no início do passado mês de Abril, durante um momento de confraternização, na Casa do Alentejo, avançar com a criação do AMAlentejo,
Um movimento com três objectivos fundamentais, intervir no sentido de contribuir para o desenvolvimento económico e social do Alentejo, desenvolver acções conducentes à regionalização consagrada na Constituição da República como importante pilar do Poder Local e da organização democrática do Estado e ainda apoiar, valorizar e defender o Poder Local Democrático resultante do 25 de Abril, a sua natureza plural e representativa e o funcionamento colegial dos seus órgãos executivos, bem como, a sua abertura à participação crescente dos cidadãos.
A Comissão Promotora do AMAlentejo afirma que, este movimento, é um exemplo genuíno de uma ampla unidade no respeito pela diversidade de opções políticas ou ideológicas de cada um dos seus membros.

publicado por Zé LG às 00:32
20
Mar 15

11972977_gJM9i.jpegO PS que, na Assembleia Intermunicipal da Cimbal, não votou a favor das Grandes Opções do Plano e Orçamento, bem como do Organigrama e do Mapa de Pessoal para 2015, defendeu que “a melhor solução para o património e para os funcionários, da Assembleia Distrital de Beja (ADB), é a passagem da universalidade para a esfera da Câmara Municipal de Beja”.

“No passado recente autarcas da CDU defenderam a integração do Museu Regional de Beja na Câmara Municipal de Beja. Eis a oportunidade de concretizarem”, concluem os socialistas.
Recorde-se que a transferência da universalidade da ADB para a Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (Cimbal) já anteriormente tinha sido confirmada pelo Conselho Intermunicipal da Cimbal. A decisão foi tomada com os votos a favor da CDU e contra do PS.
In: http://da.ambaal.pt/noticias/?id=7452

 

11889237_jzuuS.jpeg

 

Ambos estiveram mal, ambos são culpados, de parte a parte há posições assumidas por certas pessoas diferentes das assumidas há menos de 3 anos. O que defendiam antes já não defendem agora, sem qualquer tipo de sustentação e credibilidade, simplesmente porque se opõem politicamente.

Vitor Paixão, in: https://www.facebook.com/events/1563227723933172/permalink/1569840686605209/

 

Perante esta situação que põe em risco os salários dos trabalhadores do Museu e o seu próprio emprego, o que dizem e fazem os dinamizadores do manifesto "Em defesa do Museu Regional de Beja"?
In: http://alvitrando.blogs.sapo.pt/2118694.html

publicado por Zé LG às 23:27
tags: , , , ,
07
Mar 15

180220151617-868-manifestao7MaroBeja.jpgA concentração está marcada para as 10.30 horas junto à Casa da Cultura, os participantes seguem depois a pé em direcção ao Jardim do Bacalhau.
Esta manifestação está integrada num protesto decretado pela CGTP-IN que inclui a realização de manifestações em todas as capitais de distrito, pela defesa dos serviços públicos e pela reposição dos direitos sociais e laborais dos portugueses.
Casimiro Santos, coordenador da União de Sindicatos do Distrito de Beja, afirma que esta é uma iniciativa importante que dá continuidade à luta que tem sido travada contra as políticas deste governo.
In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=5270

publicado por Zé LG às 00:36
03
Mar 15

020320152239-240-JooRocha1.JPGAs obras na A26 e no IP2 não foram retomadas em Fevereiro, conforme admitido pela Sociedade Portuguesa para a Construção e Exploração Rodoviária (SPER), subconcessionária do Baixo Alentejo.
Após conseguir financiamento, a subconcessionária garantiu ao “Jornal de Negócios” a retoma da obras paradas desde 2011, no mês passado.
João Rocha, presidente da CIMBAL e da Câmara de Beja, não se mostra surpreendido pelo facto dos trabalhos não terem recomeçado. Em seu entender é “mais do mesmo”, “mentiras atrás de mentiras”.
In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6472

 

Entretanto a Petição Publica em defesa das acessibilidades tem cerca de 400 subscritores, in: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6473

publicado por Zé LG às 08:48
10
Fev 15

200520131403-619-2_FranciscoDuarte1-1615.jpgA Câmara Municipal de Castro Verde aprovou, por unanimidade, uma Moção onde manifesta o seu desacordo face ao regime jurídico de delegação de competências para os Municípios nas áreas sociais aprovado no Conselho de Ministros de 15 de Janeiro de 2015.
Ainda segundo o município a transferência de competências deve ser acompanhada dos meios humanos, recursos financeiros e do património adequados ao desempenho das funções transferidas, e não assumida, como a prática tem demonstrado, num processo de redução de investimento público e transferência de ónus e insatisfação para o Poder Local.
Uma ideia reforçada por Francisco Duarte, presidente da Câmara Municipal de Castro Verde, afirma que existe toda a receptividade para receber competências desde que venham acompanhadas de contrapartidas financeiras e que sejam acordadas e não impostas.
In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=5061

publicado por Zé LG às 22:00
03
Fev 15

030220151136-713-fotografiagrevecallcenterBeja.jpgCom este lema, os trabalhadores de call centers da PT fizeram greve nesta terça-feira e realizaram concentrações em Beja, Santo Tirso, Porto, Évora, Castelo Branco, Coimbra e Lisboa, com o objetivo “combater os despedimentos que estão a ocorrer em todas as empresas, a forma indigna como os trabalhadores são tratados por alguns coordenadores, os objetivos inatingíveis que lhes são impostos e os bancos de horas ilegais”, segundo o SINTTAV- Sindicato Nacional dos Trabalhadores das Telecomunicações e Audiovisual.
Esta foi uma ação, segundo João Calado, para chamar a atenção para a precariedade que estes trabalhadores vivem, no que se refere às contratações e às condições de trabalho em que desenvolvem a sua atividade.
O Sindicato afirma ainda, que desde dezembro de 2014, já foram despedidos 500 trabalhadores dos diversos call centers do país.
In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=5012

publicado por Zé LG às 22:41
31
Jan 15

cropped-site31jan.png

publicado por Zé LG às 00:17
29
Jan 15

580px_e54c778f841f3e5271136.jpg“A coesão territorial e a coesão social são fundamentais para o desenvolvimento sustentado e harmonioso do concelho e das suas populações. Para que existam uma e outra são necessárias boas acessibilidades …”.
(extrato do Programa Eleitoral de 2013 do Movimento “Por Beja Com Todos”)

Num Concelho e Distrito do interior, como é o caso de Beja, a existência de adequadas acessibilidades assume uma importância vital, quer do ponto de vista económico, quer social.

Uma adequada rede rodoviária, associada a um bom serviço ferroviário, constituem-se como peças essenciais para a dinamização de outras estruturas da região, designadamente o Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva, o Aeroporto e a sua ligação ao Porto de Sines.

A contínua degradação a que foram votadas as ligações rodoviárias (IP8, IP2), e a desvalorização das ligações ferroviárias, têm vindo a contribuir para um crescente isolamento de Beja.

É cada vez mais urgente requalificar a ligação ferroviária entre Beja e Lisboa e entre Beja e o sul do país, promovendo a eletrificação do troço “Casa Branca – Funcheira”.

Esta justíssima aspiração esteve na base do “sobressalto cívico” a que o Movimento “Beja Merece” deu corpo.

É igualmente necessária e urgente a retoma e conclusão das obras de construção do IP8 e IP2.

O estado de degradação a que estas vias rodoviárias chegaram é não só lastimoso como cada vez mais perigoso para quem os tem de utilizar.

Assim, a Comissão Dinamizadora do Movimento “Por Beja Com Todos” decidiu subscrever o Manifesto “Nós Existimos, Nós Exigimos!” e apoiar ativamente o Dia de Luta pelo IP8, IP2 e estradas regionais, convocada pela CIMBAL e outras entidades regionais para o dia 30 de Janeiro, com início em Beja, às 11 horas, e prosseguir a luta também por um bom serviço ferroviário.

Beja, 28 de Janeiro de 2015

publicado por Zé LG às 23:22
28
Jan 15

580px_e54c778f841f3e5271136.jpg

publicado por Zé LG às 08:43
26
Jan 15

230120151714-501-STALprotesto.jpg

In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=4946
e http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6161

publicado por Zé LG às 21:52
25
Jan 15

Vertical.png

 Assine MANIFESTO em:  http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT75900

publicado por Zé LG às 13:15
18
Jan 15

160120151944-341-IP2.JPGO Baixo Alentejo volta a sair à rua, a 30 de Janeiro, sexta-feira, para exigir a conclusão das obras nos itinerários principais.
João Rocha, Presidente da CIMBAL; Filipe Pombeiro, Presidente do NERBE/AEBAL e Ceia da Silva, Presidente da ERT, representantes da Comissão Organizadora do Dia de Luta denominado “Nós existimos, Nós exigimos”, apelam à participação do distrito.
Empresários e autarcas exigem a retoma e conclusão das obras do projecto de construção do IP8 e do IP2 e reparação das estradas regionais.
In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6086

publicado por Zé LG às 13:23
14
Jan 15

201220131335-265-DSC_0613.JPG«Os vereadores do PS em Beja admitem apresentar queixa formal por eventuais “irregularidades” e “ilegalidades” procedimentais e financeiras praticadas pelo executivo da CDU, acusando a maioria liderada por João Rocha de “constantes atropelos à lei e ao normal funcionamento dos órgãos autárquicos”, dando como exemplo a última reunião de Câmara.
De acordo com os vereadores do PS, nessa sessão os eleitos comunistas insistiram em propor para aprovação “procedimentos de adjudicação e de autorização de despesa para acções e iniciativas que já se realizaram”, o que “viola claramente a lei”.
“Acresce que a maioria dessas adjudicações de serviços, que anteriormente eram exemplarmente assegurados por funcionários da autarquia, não observaram minimamente as boas regras da contratação pública, sendo que, para além de não terem sido convidadas pelo menos três concorrentes, foram todas adjudicadas à mesma empresa, coincidentemente, propriedade de um conhecido e manifesto apoiante da candidatura autárquica de João Rocha”.»
Leia mais em: http://www.correioalentejo.com/?diaria=13052&page_id=36
e http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6052

publicado por Zé LG às 08:48
13
Jan 15

170520131741-6-MUSEUREGIONALDEBEJA.jpgO Conselho Intermunicipal da CIMBAL - Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo decidiu hoje aceitar o património e os trabalhadores da Assembleia Distrital. A proposta foi aprovada pela maioria CDU com os votos contra dos autarcas socialistas.
A proposta apresentada pelo PS previa algumas condições como a aceitação por parte da Câmara de Beja, no prazo de 3 anos, do património e dos funcionários.
A última palavra cabe à Assembleia Intermunicipal da CIMBAL, onde o PS tem maioria.

Ver e ouvir em:
http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6043
http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=4835

publicado por Zé LG às 00:10
10
Jan 15

Torre Tombo.jpgO auditório da Torre do Tombo, Lisboa, encheu esta tarde/noite para assistir ao documentário "Los Refugiados de Barrancos", das Producciones Morrimer. No final do documentário seguiu-se um debate muito participado, moderado por António Tereno, Paula Godinho e Dulce Simões, que não conseguiu esconder a emoção na introdução do tema, aliás como muitos dos presentes.
Entre o público, para além de barranquenhos e amigos de Barrancos, residentes na zona de Lisboa, havia muitos professores, investigadores e jornalistas interessados na temática da história e da memória. Na sala estavam também dois netos do tenente Augusto Seixas, o herói da história.
A passagem do documentário e o debate estavam integrados no âmbito da exposição "Entre margens: 150 anos do Tratado de Limites Portugal-Espanha (1864)", que em breve poderá ser vista em Barrancos, com o apoio do diretor do Torre do Tombo, segundo o próprio fez questão de dizer ao presidente da câmara de Barrancos, António Tereno, momentos antes do início do evento.
Publicada por Jacinto Saramago à(s) 9.1.15, em: http://estadodebarrancos.blogspot.pt/2015/01/los-refugiados-de-barrancos-enchem.html

publicado por Zé LG às 00:21
12
Dez 14

111220140006-93-Enfermeiros.jpgOs enfermeiros com contrato individual de trabalho no Hospital de S. Paulo, em Serpa, exigem o direito de opção à semelhança dos seus colegas.
De acordo com o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), a ARS-Alentejo e a Unidade Local de Saúde pretendem transferir estes profissionais para a Santa Casa da Misericórdia de Serpa, entidade que vai gerir o Hospital. Aos enfermeiros com contrato de trabalho em funções públicas foi concedido o direito de optarem pelo serviço público ou pela Santa Casa da Misericórdia.
Edgar Santos, coordenador do SEP, em Beja, diz que se trata uma decisão injusta que prejudica os profissionais com contrato individual.
In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5794

publicado por Zé LG às 00:17
06
Dez 14

051220141229-165-reunioCIMBAL.jpgOs autarcas do Baixo Alentejo vão, durante este mês de Dezembro “estudar” as acções a realizar para reivindicar, junto do governo, a conclusão as obras do IP8 e do IP2.
Os autarcas pretendem ainda envolver mais entidades nesta “luta”.
Estas foram as principais conclusões que saíram da reunião extraordinária do Conselho Intermunicipal da CIMBAL que decorreu, ontem, em Beja.
Recorde-se que na segunda- feira os autarcas do Baixo Alentejo foram, a Lisboa, em busca de respostas junto do secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações relativamente às obras paradas do IP8 e IP2 mas o governante não se comprometeu com datas. Uma situação que os autarcas consideram “grave” porque a paragem das obras está a ter consequências a vários níveis na região.
In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=4546
e http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5744

 

Esta é uma boa decisão, que devemos saudar. Esta é uma luta que a todos deve envolver porque a todos interessa ter boas acessibilidades.

publicado por Zé LG às 09:48
05
Dez 14

f3ebf710f11f562bede75b1a58a10af4_L.jpgPelas 16:00 do dia 06 de Dezembro é apresentado, no Centro de Artes de Sines, o novo romance de Francisco do Ó Pacheco, "Searas Vermelhas de Abril".
A acção do livro desenrola-se em 1975, durante a Reforma Agrária no Alentejo, relatada pela perspectiva de um prospetor bancário e de uma jornalista.
"Searas Vermelhas de Abril" segue o início da reforma agrária, as primeiras ocupações das herdades abandonadas, a formação das cooperativas e o intenso e duro trabalho desenvolvido para transformar terras incultas em terras produtivas.
Em simultâneo, "Searas Vermelhas de Abril" centra-se na ocupação da Empresa de Concentrados de Alvalade pelos seareiros e agricultores de tomate da zona, acontecimento real que ocorreu em Fevereiro de 1975 e que Francisco do Ó Pacheco acompanhou pessoalmente.
O título do livro é evocativo deste período da história contemporânea portuguesa a vários níveis, recordando o período revolucionário do 25 de Abril, a designação dada às searas de tomate e o nome de uma união de 22 cooperativas agrícolas, com mais de 2000 cooperantes, criada na altura na região de Alvalade, lê-se na nota de imprensa.

publicado por Zé LG às 18:08
Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
"Contador de visitas">Contador de visitas
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
A propósito de Diário do Alentejo, 3 respostas a 3...
É uma possibilidade, mas fazer a oposição num "blo...
E você confirma que afinal esteve lá, tal como eu ...
Uma central para fazer ruas e estradas a trabalhar...
A unica oposição , embora débil , tem sido efectiv...
Nem apreço nem desapreço pelo Velez ou pelo Costa....
Já me apercebi que tem especial apreço pelo veread...
Já agora, alguém leu as actas da Câmara? Tomaram a...
Afinal parece que é verdade. O psicólogo até ouviu...
A sua preocupação em afirmar que não esteve ĺá, qu...
Só para animar a malta. Esta vou contá-la tal como...
Não há défice de debate. Há é dificuldade em apura...
Afinal há assuntos para todos os gostos!
É para ler mesmo é o editorial do Paulo Barriga.
A questão é que durante o mandato do Pulido Valent...
Outras paragens
blogs SAPO