Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
18
Out 17

PA.jpg

A Câmara Municipal e a Assembleia de Beja, eleitas no passado dia 1, tomam posse hoje, dia 18 de Outubro, às 11 horas, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Recordamos que o PS ganhou as eleições, alcançando a maioria na Câmara Municipal, que será presidida por Paulo Arsénio e terá como vereadores Luís Miranda, Marisa Saturnino e Arlindo Morais, dos PS, e João Rocha, Vítor Picado e Sónia Calvário, da CDU, e que a Assembleia Municipal será constituída por 10 eleitos do PS, 9 da CDU, 1 do PSD e 1 do BE, mais 6 presidentes de Juntas de Freguesias de maioria CDU, 5 do PS e 1 de Cidadãos Independentes (São Matias).

publicado por Zé LG às 00:27
15
Out 17

PA.jpg

Paulo Arsénio vai tomar posse como presidente da Câmara de Beja na próxima quarta-feira, 18, tornando-se no segundo socialista a liderar os destinos da autarquia da capital de distrito. E assim que entrar em funções, uma das primeiras decisões será pedir uma auditoria às contas do Município. "Muito provavelmente iremos pedir uma auditoria às contas da Câmara Municipal, não por uma atitude de desconfiança para quem esteve lá antes mas para conhecermos exactamente qual é a nossa base de partida e aquilo que podemos fazer ao longo do mandato", anuncia Paulo Arsénio.

 

Recordo o que defendi AQUI: Tal como há quatro anos, defendo “Uma avaliação externa às contas da Câmara e das empresas municipais... logo no início do mandato", feita por uma empresa e acompanhada por uma equipa representante dos eleitos no executivo, o que "devia ser uma prática corrente no início de cada mandato para que se soubesse com que base financeira um novo executivo inicia o mandato", evitando dessa forma as polémicas que surgem sobre a situação financeira do Município.

publicado por Zé LG às 10:05
14
Out 17

aLVITO 001.bmp

Não podendo estar presente, esta tarde, às 15 horas, na tomada de posse dos novos Órgãos Autárquicos do Município de Alvito, utilizo este espaço para divulgar a cerimónia e, ao mesmo tempo, saudar todos os eleitos e desejar-lhes bom trabalho em prol do desenvolvimento do Concelho e da melhoria da qualidade e das condições de vida das suas populações.

publicado por Zé LG às 12:33
11
Out 17

Já são conhecidas algumas datas das tomadas de posse dos novos órgãos municipais:

aLVITO 001.bmp

13 de Outubro - Serpa

14 de Outubro - Alvito

17 de Outubro - Castro Verde

18 de Outubro, às 10h00 horas - Odemira

18 de Outubro, às 11 horas - Beja

18 de Outubro, às 18h30 - Mértola

19 de Outubro, às 18h30 - Aljustrel

20 de Outubro, às 17h30 horas - Cuba

20 de Outubro, às 18h30 - Almodôvar

20 de Outubro, às 18h30 - Ourique

22 de Outubro - Vidigueira

23 de Outubro, às 16h00 - Ferreira do Alentejo

publicado por Zé LG às 08:50
08
Out 17

061020172323-154-DSC_0533.JPG

DAQUI.

publicado por Zé LG às 00:15
07
Out 17

19642330_1698940500146113_983428634953608299_n.jpg

O Presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, solicitou ontem, com caráter de urgência, uma reunião ao Secretário de Estado da Saúde, Manuel Delgado, por alegada existência de "graves problemas na Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA), em particular no Hospital do Litoral Alentejano".

Segundo comunicado do município há falta de recursos humanos naquela unidade hospitalar, que "colocam em risco o funcionamento do serviço de paliativos e mesmo o encerramento do serviço de convalescença, situação confirmada pelo Presidente do Conselho de Administração da ULSLA, Luís Matias".

No ofício enviado ao Secretário de Estado da Saúde, Álvaro Beijinha exige “medidas efetivas e urgentes com vista a ultrapassar imediatamente esta situação” já que esta não é a primeira diligência junto do ministério e "ainda que Manuel Delgado se tenha comprometido a reavaliar a situação, a verdade é que, ao invés de melhorar, a situação está mesmo a agudizar-se".

publicado por Zé LG às 09:50
04
Out 17

1 - Luís Pita Ameixa (Ferreira do Alentejo/ PS) – 67,96%

2 - António Bota (Almodôvar/ PS) – 66,02%

3 - Marcelo Guerreiro (Ourique/ PS) – 62,31%

4 - Nelson Brito (Aljustrel/ PS) – 58,93%

5 - José Alberto Guerreiro (Odemira/ PS) – 55,69%

6 - Jorge Rosa (Mértola/ PS) – 53,65%

7 - João Português (Cuba/ CDU) – 51,06%

8 - António José Brito (Castro Verde/ PS) – 50,86%

9 - António Valério (Alvito/ CDU) – 49,05%

10 - Tomé Pires (Serpa/ CDU) – 49,04%

11 - Álvaro Azedo (Moura/ PS) – 48,34%

12 - Paulo Arsénio (Beja/ PS) – 46,25%

13 - Rui Raposo (Vidigueira/ CDU) – 44,66%

14 - João Serranito Nunes (Barrancos/ PS) – 44,62%.

 

A maior diferença de votação (47,44) para o segundo foi alcançada em Ferreira do Alentejo e a menor em Barrancos (2,44).

 

Metade dos presidentes das câmaras foram eleitos pela primeira vez:  Barrancos, Beja, Castro Verde, Ferreira do Alentejo, Moura, Ourique e Vidigueira, tendo Barrancos, Beja, Castro Verde (pela primeira vez), e Moura mudado da CDU para o PS. A Câmara de Serpa é a única que ainda não mudor de cor (CDU).

 

Importa, no entanto, referir que Luís Pita Ameixa voltou a ser eleito em Ferreira do Alentejo três mandatos depois e que Marcelo Guerreiro já era presidente da Câmara de Ourique, tendo substituído Pedro do Carmo quando este foi eleito deputado à Assembleia da República.

publicado por Zé LG às 13:50
03
Out 17

19601153_1415855635160377_3287238290512885150_n.jp

Nelson Brito (Aljustrel/ PS)

António Bota (Almodôvar/ PS)

António Valério (Alvito/ CDU)

João Serranito Nunes (Barrancos/ PS)

Paulo Arsénio (Beja/ PS)

António José Brito (Castro Verde/ PS)

João Português (Cuba/ CDU)

Luís Pita Ameixa (Ferreira do Alentejo/ PS)

Jorge Rosa (Mértola/ PS)

Álvaro Azedo (Moura/ PS),

José Alberto Guerreiro (Odemira/ PS)

Marcelo Guerreiro (Ourique/ PS)

Tomé Pires (Serpa/ CDU)

Rui Raposo (Vidigueira/ CDU).

Parabéns a todos e votos de bom trabalho.

publicado por Zé LG às 00:30
21
Set 17

F silva.jpg

Quando em Janeiro de 2002 assumi o cargo de eleito pela CDU para a Assembleia Municipal de Beja, carregava comigo a vontade de intervir na defesa de um projeto autárquico coletivo, que visava, e visa ainda hoje, o desenvolvimento sustentável do nosso concelho.

Aos longos dos anos passados neste órgão estabeleci com eleitos de todas as bancadas uma saudável convivência democrática, pontuada aqui e ali por saudável picardia própria do confronto político.
Num balanço breve sobre a minha passagem pela Assembleia Municipal de Beja, como eleito em representação do Partido Comunista Português, é impossível não recordar os anos passados na bancada da CDU como oposição ao executivo socialista liderado por Jorge Pulido Valente.
O único mandato do PS na autarquia bejense começou pelo signo da afronta, anunciando “a chegada a Beja do 25 Abril”. A infeliz afirmação do autarca Jorge Pulido Valente marcou um estilo e uma forma de gestão que perduraria em todo o seu único mandato.
Na banda do PS pontuava como primeiro responsável o agora candidato à Câmara Municipal de Beja, Paulo Arsénio.
Nessa funções, suportou e defendeu as políticas autárquicas implementadas pelo seu camarada Pulido Valente enquanto presidente da autarquia bejense.

 

publicado por Zé LG às 20:44
18
Set 17

jmr cópia.jpg

As tardes de domingo televisivas são assombradas por programas tenebrosos. Cantores de quinta categoria enquadradas por “dançarinas” da quarta divisão guincham slogans que querem parecer canções. De vez em quando aparece o apresentador, que entrevista artesãos e entidades locais. Há, sempre, lugar à inevitável entrevista do autarca. O custo financeiro destas coisas é sempre muito mais alto que o verdadeiro interesse que possam ter. Saem caro e é dinheiro deitado à rua. Sempre me recusei, enquanto presidente da câmara, a trazer a Moura programas que saem caro e nos quais metade do tempo é gasto a promover concursos (“ligue para o 700” etc.).

 

 

publicado por Zé LG às 18:48
17
Set 17

150920171421-448-BERNARDOLOFF.jpg

A Assembleia Municipal de Beja aprovou, por aclamação, na reunião realizada esta semana, um voto de louvor, proposto pela CDU, a Bernardo Loff, que presidiu este órgão durante seis mandatos.

No voto de louvor é frisado que “a forma como Bernardo Loff desempenhou as funções”, de presidente da Assembleia Municipal de Beja, “ao longo de seis mandatos, 24 anos, mantendo sempre uma postura de verticalidade e independência, recebeu o acolhimento e respeito de todos os eleitos, apesar das diferentes forças representadas neste órgão autárquico e as óbvias e naturais diferenças políticas”.

Nota: Foto IPBeja

publicado por Zé LG às 23:59
07
Ago 17

Em Agosto de 2014, o movimento independente e plural “Por Beja Com Todos” apresentou ao presidente da Câmara de Beja uma proposta intituladaLINHAS ESTRATÉGICAS PARA O INCREMENTO DA ATIVIDADE FÍSICA E DESPORTIVA NAS FREGUESIAS - CONCELHO DE BEJA “… com o objetivo primordial de aumentar a participação das populações em atividades que privilegiem uma vida mais saudável e participativa ao nível da sua comunidade, … para além de contribuir para o reforço do movimento associativo do concelho através do aumento significativo de praticantes desportivos, tendo reflexos igualmente ao nível do aparecimento de novos dirigentes.

img144.jpg

O presidente da Câmara mostrou desinteresse pela proposta e afirmou que o que a Câmara ia fazer era organizar os Jogos Concelhios e construir um novo Pavilhão Desportivo. Em Setembro do ano passado, aquando da reunião obrigatória com o Movimento para tratar do Plano de Actividades para este ano, afirmou que ia avançar ainda antes do final do ano com a construção do Pavilhão Desportivo.

Ora três anos depois da apresentação daquela proposta e um ano depois desta última garantia, questionamos se aqueles objectivos foram alcançados, quando se realizam os Jogos Concelhios e para quando está previsto o início do novo Pavilhão Desportivo.

publicado por Zé LG às 08:46
04
Ago 17

Deveres (Artigo 4.º)

No exercício das suas funções, os eleitos locais estão vinculados ao cumprimento dos seguintes princípios:
a) Em matéria de legalidade e direitos dos cidadãos:
i) Observar escrupulosamente as normas legais e regulamentares aplicáveis aos actos por si praticados ou pelos órgãos a que pertencem;
ii) Cumprir e fazer cumprir as normas constitucionais e legais relativas à defesa dos interesses e direitos dos cidadãos no âmbito das suas competências;
iii) Actuar com justiça e imparcialidade;
b) Em matéria de prossecução do interesse público:
i) Salvaguardar e defender os interesses públicos do Estado e da respectiva autarquia;
ii) Respeitar o fim público dos poderes em que se encontram investidos;
iii) Não patrocinar interesses particulares, próprios ou de terceiros, de qualquer natureza, quer no exercício das suas funções, quer invocando a qualidade de membro de órgão autárquico;
iv) Não intervir em processo administrativo, acto ou contrato de direito público ou privado nem participar na apresentação, discussão ou votação de assuntos em que tenha interesse ou intervenção, por si ou como representante ou gestor de negócios de outra pessoa, ou em que tenha interesse ou intervenção em idênticas qualidades o seu cônjuge, parente ou afim em linha recta ou até ao 2.º grau da linha colateral, bem como qualquer pessoa com quem viva em economia comum;
v) Não celebrar com a autarquia qualquer contrato, salvo de adesão;
vi) Não usar, para fins de interesse próprio ou de terceiros, informações a que tenha acesso no exercício das suas funções;
c) Em matéria de funcionamento dos órgãos de que sejam titulares:
i) Participar nas reuniões ordinárias e extraordinárias dos órgãos autárquicos;
ii) Participar em todos os organismos onde estão em representação do município ou da freguesia.

 

 

publicado por Zé LG às 18:34
15
Jun 17

19105482_1401783086565191_2029484310766985407_n.jp

Albano Silva é o novo presidente do Instituto Politécnico de Portalegre (IPP) substituindo no cargo Joaquim Mourato que já não se podia recandidatar por ter atingido o limite máximo de mandatos determinado pelos estatutos da instituição.

O novo presidente do IPP obteve 14 votos dos 22 membros do Conselho Geral do IPP, contra 8 votos de Luís Cardoso o outro candidato à presidência do IPP.

A tomada de posse do Presidente eleito acontecerá após a homologação dos resultados da votação, por parte do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Albano Silva é professor adjunto da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais (Departamento de Educação e Formação) e, desde março de 2010, é vice-presidente do Instituto Politécnico de Portalegre

publicado por Zé LG às 14:48
tags: ,
03
Jun 17

18767658_1700995459930904_3971681736815699502_n.jp

Fotografia de José Baguinho

publicado por Zé LG às 00:10
20
Mai 17

190520171044-352-CamaraMunicipalAlmodovar.jpg

O presidente da Câmara de Almodôvar exonerou o vereador Ricardo Colaço.

A decisão foi tomada depois do vereador do PSD com quem o PS tinha um acordo ter aceite integrar a lista do Partido Social Democrata à Câmara nas eleições de Outubro.

António Bota, presidente da Câmara de Almodôvar, justifica a decisão com a “quebra de confiança política” em Ricardo Colaço e que não poderia ter no seu gabinete alguém contra as suas ideologias.

O presidente do município de Almodôvar acrescenta que Ricardo Colaço, ao aceitar integrar a lista do PSD à Câmara, aliou-se a um grupo de pessoas que politicamente criticava.

 

Almodôvar é tradicionalmente palco de acesos confrontos políticos entre grupos, mesmo dentro dos partidos. Mas esta é difícil de entender. O presidente da Câmara "exonerou" um vereador por ser candidato do seu partido? O que sigifica "exonerar"? É retirar-lhe pelouros e deixar de exercer funções a tempo inteiro? Interessa esclarecer esta notícia, porque confunde, porque um vereador não pode ser exonerado pelo presidente, porque não é um funcionário da Câmara, mas sim um eleito com tanta legimidade democrática quanto o presidente.

 

publicado por Zé LG às 00:48
16
Mai 17

joao_paulo_almeida_trindade-1829.jpg

O conselho geral do Instituto Politécnico de Beja (IPBeja) já escolheu o novo presidente para a instituição. Das duas candidaturas apresentadas, foi escolhido João Paulo Trindade para gerir o IPBeja durante os próximos quatro anos. 
Recordamos que João Paulo Trindade é professor adjunto e diretor da Escola Superior de Tecnologia e Gestão, do IPBeja, e numa entrevista recente ao “Diário do Alentejo” referiu que o grande objetivo da sua candidatura é “valorizar o que somos e o que temos, reconhecendo e potenciando os recursos humanos”, ao mesmo tempo que “assumimos um IPBeja proativo, impulsionador e liderante na defesa de causas e projetos regionais”.

 

Parabéns! Acho que foi uma escolha acertada. Pelo que conheço de João Paulo Trindade, estou certo de que irá fazer tudo para cumprir os objectivos que apresentou.

publicado por Zé LG às 00:01
12
Mai 17

CarlosGoes-1807.jpg

Carlos Jorge Labego Goes, natural de Vidigueira,morreu hoje, vitima de doença prolongada, com 85 (?) anos.

Foi bancário, gestor de empresas agrícolas, trabalhou no ex-Grémio da Lavoura de Vidigueira e como estivador em Inglaterra.

Presidente da Comissão Administrativa de 1976 a 1977 e Presidente da Câmara Municipal de Vidigueira entre 1981 e 2001, marcou profundamente o desenvolvimento do concelho de Vidigueira e teve grande influência no desenvolvimento do Poder Local Democrático. Foi fundador a Associação de Municípios do Distrito de Beja, tendo tido um papel decisivo na aquisição da antiga Tipografia Carlos Marques e Diário do Alentejo, entre muitas outras funções públicas que exerceu.

Tive o privilégio de ser amigo deste grande Homem bom, que apesar de ser também um Homem grande, que gostava de “falar grosso”, tinha um enorme coração e era extremamente solidário. Foi uma figura marcante do concelho de Vidigueira, do Alentejo e para gerações de autarcas que o tiveram como referência.

A toda a Família apresento os meus sentidos pêsames.

 

O Município de Vidigueira determinou três dias de luto municipal, até ao dia 15, segunda-feira, com a colocação  da  bandeira a meia haste.

O corpo de Carlos Goes é velado na Casa Mortuária de Vila de Frades. O funeral terá lugar este Sábado pelas 14h30.

publicado por Zé LG às 23:50
06
Mai 17

18058094_10211114452689790_3889576017923442499_n(2

Divórcio consumado...

Vinte anos depois de entrar pela porta da política enquanto autarca de freguesia sempre pela mesma força política, chegou hoje o dia de romper com um casamento de fachada. Nestes vinte anos, ligados principalmente à causa pública na Junta de Freguesia de Vila de Frades e em todos os órgãos inerentemente ligados, sempre ajudei e liderei as equipas que deram o nome e o rosto pelas vitórias, valorizadas por uns e desvalorizadas por outros, mas tenho a certeza que a política é nobre e o poder local ainda está acima da política e dos partidos políticos, e mais, a política é nobre para aqueles que a utilizam para as comunidades, pelo seu desenvolvimento. Hoje divorciei-me e estou aliviado, porque aqui, em Vila de Frades, onde todos os dias trabalhamos, nunca permiti a influência daqueles que se derem a cara para ganhar votos, perderiam sempre e mais, no dia 25 de Abril disse à minha população que estou farto de políticas e políticos e daqueles que mandam nisto escondidos. A política é nobre mas está descredibilizada e as pessoas têm razão, tal como eu, estão fartas de farsas, de casamentos políticos por conveniência, amanhã serei o mesmo de hoje, com a mesma vontade, com o mesmo empenho, mas amanhã, nos corredores do conversio, lá vêm a terreno aqueles que me vêm apontar o dedo, como se de um judas me tratasse, é assim, sou imperfeito, cometi erros, mas tenho a consciência que a minha decisão vem de encontro aquilo que acho melhor para mim, para a minha família e para as pessoas para quem sempre trabalhei. Quanto àqueles que jogam sujo, mais tarde falamos, não vou jogar com o mesmo jogo, mas não me vou esquecer deles, nem que seja para os pendurar como porcos acabados de matar. Hoje, como amanhã continuarei a desempenhar as minhas funções e quanto ao futuro, pois, aí reservo para outros episódios.
Viva a democracia, viva a liberdade e vivam os corajosos.
NN.

Luís Amado, in: https://www.facebook.com/luis.amado.92?fref=ts

publicado por Zé LG às 17:35
02
Mai 17

photo.jpg

A decisão de não continuar, comunicada em carta ao PCP no passado dia 2 de março, coloca ponto final neste percurso político. 

 

A ligação a Moura continuará. Disso não tenho dúvidas.

publicado por Zé LG às 08:49
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não abundam por aí alavancas dessas...
Já esperei demasiado tempo. Ou se explica ou parti...
...feira de castro, feira de castro levo as bordas...
L.G.:Não foi por causa do decrépito depósito da ág...
Tanto fel ou será ressabiamento de quem não deixou...
Ao triste anónimo das 13:49h. Ou nao me conhece ou...
Não é só a voz do Dr.Frade que se silencia.O silên...
Em Beja, só não fecham três tipos de empresas: caf...
Mal entendido essa Joia da coroa?Esse oportunista ...
É o que dá apostar no cavalo errado. lool
Não se faça de mal-entendido.
Mas qual vingança qual quê? Eu sou lá de vinganças...
O Dr. Frade retirou-se da arena política, será por...
É um nojo ver que os “novos” herdam as vinganças d...
Dá-lhe gozo colaborar com a vingança?
blogs SAPO