Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
01
Fev 17

310120171831-914-Beja.jpg

O Instituto de Cidades e Vilas com Mobilidade (ICVM), no contexto da Rede de Cidades e Vilas de Excelência, atribui o galardão da Bandeira de Cidades de Excelência - Nível II, à cidade de Beja, por se constituir um Município de Excelência nas áreas da acessibilidade e do turismo.

Esta atribuição ocorre no dia de amanhã, pelas 11.00 horas, numa cerimónia que decorrerá no Salão Nobre, da Câmara Municipal de Beja, como “reconhecimento público do meritório trabalho que esta autarquia tem vindo a desenvolver no âmbito dos trabalhos de qualificação da cidade, ao nível urbanístico, de mobilidade e turístico”, avança a autarquia, em nota de imprensa.

Para este reconhecimento contribuíram, os projetos aprovados, em Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano Sustentável de Beja (PEDU), nas  Prioridades de Investimento 4.5 (Promoção de estratégias de baixo teor de carbono para todos os tipos de território, nomeadamente as zonas urbanas, incluindo a promoção da mobilidade urbana multimodal sustentável e medidas de adaptação relevantes para a atenuação), no âmbito do Portugal 2020.

A promoção do uso de transportes públicos, não só na cidade, mas também nas freguesias rurais, e a implementação do PETRAS, projeto de bicicletas de uso partilhado gratuito, que podem ser levantadas em locais como o Castelo, Casa da Cultura e Paços do Concelho, também, contribuíram para este reconhecimento.

publicado por Zé LG às 08:55
17
Set 16

160920161654-802-FIG.jpg

 Ler notícia AQUI.

publicado por Zé LG às 09:51
11
Set 16

14224948_757379637735612_3537444290555421369_n.jpg

«É impressionante esta "Beja", capital de distrito. Com um tesouro destes à porta; numa cidade que necessita de dinâmicas que quebrem a imobilidade tão bem espelhada nos internacionalmente conhecidos "domingos de beja"; numa cidade com um Instituto Politécnico; com um Turismo Alentejo que deveria ter uma atitude mais proactiva na criação de lógicas de território que trouxessem mais visitantes e mais turismo; numa região que necessita criar polos provocadores de excelência que reflictam outras mais valias e que as ajudem a "vender", estou a falar da pecuária e da agricultura por exemplo, deixa capitular de forma criminosa uma pérola da arqueologia portuguesa. Um sítio cuja valorização seria fonte de atracção para o comércio e para a hotelaria da região. É Beja no seu melhor. Caro Paixão... mexam-se, revoltem-se, criem uma associação de defesa do património que vá para o terreno e comece a trabalhar. Aproveitando a actual Direcção Regional de Cultura, tendo aí na cidade arqueólogos com alguma responsabilidade "política", com gente e instituições que têm muita responsabilidade cívica para forçar mudanças de atitude, com uma instituição "Câmara Municipal" que tem obrigação em provocar mudanças (não pela cor política, mas pelo objecto social que a enforma - para mais nos 40 anos do Poder Local Democrático). Se quiseres uma mãozinha posso ir aí de vez em quando (a título pessoal, claro). Caro Paixão... mais do que um HELP, faz outro post a gritar Pessoal, BORA reconstruir Pisões 2000 anos depois. Como é para começar, posso dar uma ajuda, apesar de estar a mais de 40 quilómetros de distância. Depois do processo despoletar, volto descansado para casa, porque seguramente haverá muito intelectual em Beja para assumir a liderança. Paixão, BORA LÁ!»

Miguel Rego, AQUI

publicado por Zé LG às 14:15
04
Ago 16

130320141758-335-SIMBOLOALENTEJOXXI.jpg

A Alentejo XXI - Associação de Desenvolvimento Integrado do Meio Rural promove, a partir de hoje, um conjunto de sessões de divulgação sobre o PDR-Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020.

Com a realização destas sessões pretende-se prestar esclarecimentos a potenciais investidores. Em destaque vão estar as candidaturas para “Pequenos investimentos na exploração agrícola” e “Pequenos investimentos na Transformação e comercialização de produtos agrícolas”.

A primeira sessão realiza-se, esta tarde, às 18.00 horas, na Cooperativa Agrícola de Vidigueira.

publicado por Zé LG às 08:50
30
Jun 16

290620161744-357-Montado.jpg

O Alentejo recebe novo projeto LIFE: Adaptação do Montado às Alterações Climáticas. A ADPM - Associação de Defesa do Património de Mértola assinou esta semana o contrato de execução do projeto LIFE-Montado-Adapt - MONTADO & CLIMATE, A NEED TO ADAPT.  

Esta iniciativa apoiada pela Comissão Europeia, reúne 17 parceiros de Portugal, Espanha e Holanda com o objetivo de implementar medidas de adaptação às alterações climáticas nas paisagens de Montado e Dehesa, em 11 propriedades piloto em Portugal e Espanha. 

Ler e ouvir AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 08:51
13
Jun 16

O Desenvolvimento Local de Base Comunitária – DLBC visa promover, em territórios específicos, a concertação estratégica e operacional entre parceiros, focalizada no empreendedorismo e na criação de postos de trabalho, em coerência com o Acordo de Parceria Portugal 2020, e no quadro da prossecução dos objetivos da Estratégia Europa 2020.

publicado por Zé LG às 08:52
29
Abr 16

image002.jpg

 Consultar toda a informação relativa à Conferência AQUI.

publicado por Zé LG às 08:57
21
Abr 16

O Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos promove esta tarde, nas instalações da ACOS, na Ovibeja, o 1º Fórum Politécnico.

A iniciativa é desenvolvida em parceria com o Instituto Politécnico de Beja.

Esta primeira edição do Fórum, à qual se seguirão outras ainda durante este ano em vários Institutos Politécnicos do País tem como título “Bio-regiões, valorização agroindustrial e produção animal: das Escolas Superior Agrárias às Quintas de investigação e desenvolvimento experimental”.

De acordo com o Instituto Politécnico de Beja, esta 1ª edição pretende “discutir toda a cadeia de valor dos sectores agroalimentar, das florestas e da produção animal, incluindo serviços de apoio à atividade empresarial e ao desenvolvimento de políticas públicas de estímulo à atividade agrícola, florestal e animal”.

publicado por Zé LG às 12:44
21
Mar 16

Distrito de BEJA é:

- o 5º com melhor situação das empresas;

- o 3º com maior dificuldade em lançar um negócio;

- o 1º com pior acompanhamento do governo local/regional a pequenas empresas;

- o 1º com maior dificuldade em recrutar.

É o que diz o 1º Estudo de Competitividade Regional para micro e pequenas empresas, da Zaask, que pode consultar Aqui

 

Com demasiada frequência, envolvemo-nos em discussões mais ou menos estéreis ou marginais. Aqui temos um tema que deve merecer a nossa maior atenção, pelo que desafio todos os interessados no futuro da nossa região para o debater, procurando apontar soluções para tornar o nosso distrito mais atractivo.

publicado por Zé LG às 17:52
07
Mar 16

rectangle_290220161818-140-movimento.jpgNa sequência da criação do movimento de cidadãos “Baixo-Alentejo existe!!!”, dinamizado em defesa dos projetos de desenvolvimento da região, a Comissão Executiva, constituída por Jorge Serafim, Florival Baiôa, Jorge Barnabé, entre outros, recebe hoje, às 14.00 horas, o deputado do PS, Pedro do Carmo e, às 16.00 horas, a deputada do Bloco de Esquerda, Catarina Martins..
Nas reuniões que o movimento vai realizar com os representantes na Assembleia da República serão dados a conhecer os objetivos e as propostas do movimento, em defesa da região e das infraestruturas necessárias ao seu desenvolvimento.

publicado por Zé LG às 01:00
04
Mar 16

Esta terá sido a principal conclusão da primeira reunião plenária do novo movimento "BAIXO ALENTEJO EXISTE", que esta noite encheu a Casa da Cultura de Beja. Um movimento independente, de cidadãos, que quer agir activamente - sem se envolver no processo de regionalização -, em defesa de uma região que o poder central insiste em ostracizar.

DSC_0003.jpg

Esta noite, aprovou o seu manifesto constituinte, que define como principais reivindicações: a modernização da linha ferroviária Beja-Casa Branca; o alargamento da área de regadio de Alqueva; a requalificação das acessibilidades (IP2, IP8 até VVFicalho, IC); a dinamização do Aeroporto de Beja; a melhoria dos cuidados de saúde e o reforço das especialidades médicas na área da gestão da ULSBA.

DSC_0004.jpg

É de saudar o aparecimento de mais este movimento de cidadãos que apela à participação de todos em defesa da nossa região, contra a resignação, a ostracização e a marginalização. Não aceitamos que tratem a região como se fosse um deserto e a sua poulação como se fosse uma reserva de índios.

Serão anunciadas acções que corporizem esses objectivos. 

publicado por Zé LG às 00:05
03
Mar 16

O Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (CEBAL) é uma unidade de investigação e desenvolvimento privada, sem fins lucrativos, sediada na cidade de Beja. Foi criada há quase uma dezena de anos por iniciativa do presidente da CMB de então, Francisco Santos e do Professor João Batista, com o apoio de diversas entidades e pessoas.

O CEBAL representa o melhor que alguma vez se fez na nossa região. Resultou de uma visão estratégica, que se mostra cada vez mais actual e da iniciativa e do envolvimento cooperativo de pessoas e entidades que souberam colocar os interesses da região acima dos interesses de capela.

Quando estavam a ser criadas condições para a sua consolidação e desenvolvimento, eis que as vistas curtas e os interesses de capela de alguns se estão a sobrepor aos interesses da região, que precisa de investigação e conhecimento nestas áreas, para poder dar um salto qualitativo na afirmação dos seus produtos .

Esta situação está a levar ao definhamento do CEBAL, que já viu partir alguns dos seus principais investigadores e corre o risco de ter de encerrar, uma vez que dispõe de recursos financeiros para poucos meses de actividade e não mostra capacidade de recorrer a fontes de financiamento, para o que necessita da cooperação de outros centros de investigação.

A Câmara Municipal de Beja, o NERBE, a ACOS e o IPBeja (entre outras entidades) têm de ser capazes de encontrar soluções capazes de inverter este caminho e assegurar a viabilidade de uma das mais importantes (até pelo simbolismo) instituições da região. Se não o fizerem – elas e os seus responsáveis -, não deixarão de ser julgados pela História se o não forem antes pela sociedade.

publicado por Zé LG às 13:50
02
Mar 16

Nasceu em Beja um movimento social a favor do desenvolvimento do Baixo-Alentejo. O “Baixo-Alentejo existe!!!” quer juntar vários cidadãos e mobilizar para a defesa deste território esquecido pelos sucessivos governos, incluindo o atual.

rectangle_290220161818-140-movimento.jpg

Nas razões que levaram à criação do movimento, os seus promotores - entre eles nomes como os de Jorge Serafim, Paulo Barriga, José Pedro Fernandes, Miguel Tavares, Florival Baiôa, Pedro Vasconcelos - chamam a atenção para o facto, dos anteriores governos, e este também, se terem esquecido do Baixo-Alentejo, pelo menos até 2020, na medida em que se conta para estradas 0, para comboios 0, para aeroporto 0 e para o Hospital -1. Perguntam ainda: “Políticas de desenvolvimento 0 até quando?”.
Nesta quinta-feira, dia 3, às 21.00 horas, o movimento dá-se a conhecer, na Casa da Cultura de Beja, apresenta o manifesto com os seus princípios orientadores, para mostrar que esta formação não é contra ninguém, mas sim para unir todos, em defesa dos interesses do Baixo Alentejo e para pressionar a classe política. Na quinta-feira, o movimento vai apelar também, a que muitos se juntem às vozes dos que já o integram.

publicado por Zé LG às 08:51
18
Jan 16

cartaz_iygu.jpg

 Ver toda a informação AQUI.

publicado por Zé LG às 23:20
08
Jan 16

A Herdade Vale da Rosa venceu na Categoria “Boas Práticas em Alqueva” e o projecto "H20 Processing&Mitig: Mitigação de CO2 atmosférico, produção de soluções nutritivas, correctivos organominerais e produtos hortofrutícolas através de processo", do CEBAL e do IPBeja,venceu na Categoria “Inovação em Alqueva” e receberá 2 500 euros.
Os prémios atribuíram ainda Menções Honrosas à AABA – Associação dos Agricultores do Baixo Alentejo pelo projecto IRRICROP; à EMAS -Empresa Municipal de Água e Saneamento de Beja pelo Projecto Heróis da Água e à Paxberry, Lda. pelo projecto “Paxberry”.
Criado no âmbito dos 20 anos de existência da EDIA, o prémio é uma parceria da empresa com o Green Project Awards e visa reconhecer as boas práticas em projectos que promovam o desenvolvimento sustentável na região de Alqueva, nos quais o recurso "água" seja o factor de desenvolvimento fundamental.

publicado por Zé LG às 08:54
26
Nov 15

A ADPM-Associação de Defesa do Património de Mértola é a entidade responsável por dinamizar e coordenar o projecto “Agricultura para o futuro-Programa ACCOR para Portugal”. Um projecto financiado pela rede hoteleira ACCOR.
Para além de proteger a biodiversidade e os recursos hídricos, pretende-se também regenerar e combater a erosão dos solos na área protegida do Parque Natural do Vale do Guadiana. Esta é uma iniciativa que se foca em agricultores jovens para ajudar a diversificar as fontes de rendimento através do combate à monocultura intensiva, ao mesmo tempo, promove os recursos e a economia local. Um projecto apresentado por Jorge Revez, presidente da ADPM.

publicado por Zé LG às 13:47
18
Nov 15

171120151707-919-Sampaio.jpgJorge Sampaio, ex-presidente da República, é o convidado da palestra “Modelos de Desenvolvimento - Que Portugal Queremos?”, que decorre, esta noite pelas 21 horas, no BejaParque Hotel, organizada pelo Conselho Distrital de Beja da Ordem dos Médicos. é o mote para uma palestra.

publicado por Zé LG às 12:57
11
Nov 15

Prémio.png

publicado por Zé LG às 23:53
31
Out 15

170420141242-525-OrlandoPereirafoto.jpgOrlando Fonseca e a editora Caleidoscópio fazem hoje, o lançamento do livro “Reflexões estratégicas de desenvolvimento local no contexto da apresentação da preservação da identidade de Penedos”.
O livro é apresentado pelo professor António Pedro Sousa Marques, com uma nota do professor Carlos Silva, ambos da Universidade de Évora e a sessão realiza-se às 15.00 horas, na Aldeia de Penedos, no Centro de Popular dos Trabalhadores desta localidade.

publicado por Zé LG às 00:20
15
Ago 15

DSC_0016.jpg

A fotografia mostra o estado em que se encontram as instalações de uma empresa, que julgo que fechou. Nesta mesma rua da 2ª fase do Parque Industrial de Beja quase todas as instalações estão encerradas e têm letreiros de "vende-se” ou “aluga-se”. Mas não é só nesta. Em muitas outras o panorama é o mesmo. O que tem de curioso esta rua é chamar-se do "Fomento”… É bem ilustrativa do "fomento” industrial e empresarial que se tem registado em Beja.

publicado por Zé LG às 10:24
Fevereiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
25
26
27
28
Passaram por cá
"Contador de visitas">Contador de visitas
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Não tenho certezas nenhumas.A única que tenho é qu...
Como é que Vocês têm acesso a informação confidenc...
Se ele fizer na ULSBA o mesmo que tem feito na CIM...
Dinheiro bem gasto? Tem a certeza disso? Não havia...
Há sempre quem rapidamente se disponha a ir ao bei...
São estreantes que passam na cresap pelo reconheci...
Tanto dinheiro bem gasto e gerador de valor para a...
Não,não vai arder pode crer.Estao todos sem forças...
O Rocha vai preparar o comando da saúde.Viva a des...
Não se percebe a confusão do seu ponto de vista!.....
Não acredito!...Ou as ideias dentro do PCP estarão...
Neste dia é que o PCP vai anunciar Pos de mina com...
Parece que o circo vai continuar a arder e o Alvit...
"DOIS REGRESSOS E DUAS ESTRELAS".Os regressos sao...
Mas isso é normal na ULSBA.Desde há muito que os P...
blogs SAPO