Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
12
Jul 17

Ana_Matos_Pires-1837.jpg

Burnout. Queimado, se traduzido à letra. Exausto, se associado à saúde. Burnout é uma síndrome, e não uma doença, que foi descrita em 1974 por um psicólogo alemão, radicado nos Estados Unidos, de nome Herbert Freudenberger, que ligava a fadiga ao modo de vida. Quarenta e dois anos depois foi apresentado um estudo, sob a chancela da Ordem dos Médicos, realizado pelo Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, sobre precisamente a síndrome de Burnout entre a classe médica. Falamos de uma condição que, além de estar a afetar um grande parte desta classe profissional, está já a ter reflexos na vida de muitos portugueses, cujo ritmo de vida acaba por se tornar insuportável.
Texto Natacha Lemos Foto José Ferrolho, in: Diário do Alentejo.

publicado por Zé LG às 17:44
30
Jun 17

hospital_hospitais_saude_saude_foto_lusa3147e943_b

A mulher deu entrada no serviço de urgência cerca das 2h00 da madrugada de quarta-feira, com sintomas de má disposição, tendo obtido alta hospitalar poucas horas depois. Durante a madrugada foi de novo encaminhada para o hospital, mas, segundo João Moura Reis, deu entrada no serviço de urgência já cadáver.

"De acordo com o que me foi transmitido, a paciente enquanto esteve no hospital foi medicada com critério para a patologia que se queixava, obtendo melhoras. Esteve um período de tempo em observação e, quando realmente teve melhoras, foi enviada para casa", disse o presidente do conselho de administração da ULSNA, que adiantou ainda que "dentro de cinco dias" espera ter em seu poder um processo preliminar sobre este caso.

Foto: Lusa

publicado por Zé LG às 17:46
28
Jun 17

EXODUS%20e%20karyna.jpg

O Município de Alvito promove a passagem do documentário ´Exodus, our journey to Europe", uma reflexão sobre a tragédia dos refugiados; como milhares de pessoas arriscam, e por vezes perdem a vida,  a tentar atravessar o Mediterrâneo.

publicado por Zé LG às 21:30
27
Jun 17

Campanha de recolha de alimentos para gado visa auxiliar os agricultores do centro do país

A ACOS inicia hoje até ao final do mês de Julho, junto dos seus associados, uma campanha solidária com os agricultores da região Centro do País, cujas explorações foram totalmente devastadas pelos incêndios dos últimos dias.

A campanha consiste na angariação de alimentos para gado - palha, feno, sementes, rações, entre outros -, que são concentrados nas instalações da ACOS, que se encarregará pelo seu armazenamento, transporte e entrega.

Os incêndios destruíram por completo largos hectares de zonas de pastoreio e também muitas reservas de alimentos que os agricultores tinham para alimentar o gado. Com esta iniciativa apelamos à solidariedade dos nossos associados que queiram contribuir. É um gesto simbólico que pode fazer diferença na vida dos nossos colegas que têm o seu sustento totalmente destruído, e no caso das explorações agrícolas e pecuárias, a sua recuperação pode levar anos, para não dizer décadas”, afirma Rui Garrido, Presidente da ACOS.

Quem pretender colaborar deve contactar com a ACOS, através do telefone nº 284310350.

publicado por Zé LG às 16:55
23
Jun 17

19275186_1408661875877312_7913045914657507542_n.jp

A presidente da Câmara de Portalegre “lamentou” as atitudes e os comportamentos do vereador António Landeiro, nos últimos dias, que a levaram a retirar-lhe os pelouros.

Esta decisão acontece depois de em declarações à Rádio Portalegre António Landeiro ter acusado a presidente do município de querer fazer “show off” com o anúncio da abertura da piscina da Quinta da Saúde esta época balnear.

Contudo, “a gota de água” foi mesmo a presença do vereador, eleito pelo CLIP, no último sábado, no jantar de apresentação do candidato socialista, Correia da Luz, à presidência da Câmara de Portalegre nas autárquicas de outubro.

A autarca referiu ainda que nunca lhe passaria pela cabeça ficar refém de alguém só para não perder a maioria no executivo municipal, à semelhança do que aconteceu na Assembleia Municipal.

publicado por Zé LG às 00:23
19
Jun 17

O presidente da Câmara de Aljustrel queixa-se de que, desde o período em que a empresa realizou limpeza nos depósitos de água de Aljustrel, têm-se verificado carências ao nível do fornecimento de água, “havendo, inclusive, algumas zonas que ficam frequentemente privadas de água em largos períodos do dia” e que “actualmente, basta ocorrer uma rotura na conduta adutora ou uma avaria na estação elevatória de Rio de Moinhos para não haver abastecimento à população, visto que a AgdA - Águas Públicas do Alentejo não está a conseguir manter os níveis dos depósitos”.

“A resolução desta questão e a instalação de alternativas é particularmente imperiosa”, entende a Câmara, que considera que “se verifica um incumprimento contratual por parte da AgdA e que o mesmo deve ter efeitos imediatos, pelo que a autarquia deixará de proceder ao pagamento deste serviço” até que os problemas fiquem resolvidos.

Ler e ouvir também AQUI.

publicado por Zé LG às 12:48
18
Jun 17

thumbs.web.sapo.io.jpg

incendio_em_pedrogao_grande_foto_paulo_leitao65009

61 mortos e 62 feridos é o último balanço conhecido de vítimas provocadas por incêndios que desde ontem à tarde lavram no centro do país. Vidas, aldeias, lugares, instalações e equipamentos de todos os tipos foram destruídos pelas chamas, o que faz deste um dos incêndios com mais vítimas humanas na Europa.

O governo decretou Luto Nacional durante três dias. Muitas famílias choram os seus mortos e muitas outras deseperam à procura de familiares desaparecidos. Para todos eles vai a nossa solidariedade. 

publicado por Zé LG às 22:45
20
Mai 17

190520171044-352-CamaraMunicipalAlmodovar.jpg

O presidente da Câmara de Almodôvar exonerou o vereador Ricardo Colaço.

A decisão foi tomada depois do vereador do PSD com quem o PS tinha um acordo ter aceite integrar a lista do Partido Social Democrata à Câmara nas eleições de Outubro.

António Bota, presidente da Câmara de Almodôvar, justifica a decisão com a “quebra de confiança política” em Ricardo Colaço e que não poderia ter no seu gabinete alguém contra as suas ideologias.

O presidente do município de Almodôvar acrescenta que Ricardo Colaço, ao aceitar integrar a lista do PSD à Câmara, aliou-se a um grupo de pessoas que politicamente criticava.

 

Almodôvar é tradicionalmente palco de acesos confrontos políticos entre grupos, mesmo dentro dos partidos. Mas esta é difícil de entender. O presidente da Câmara "exonerou" um vereador por ser candidato do seu partido? O que sigifica "exonerar"? É retirar-lhe pelouros e deixar de exercer funções a tempo inteiro? Interessa esclarecer esta notícia, porque confunde, porque um vereador não pode ser exonerado pelo presidente, porque não é um funcionário da Câmara, mas sim um eleito com tanta legimidade democrática quanto o presidente.

 

publicado por Zé LG às 00:48
17
Mai 17

18519763_1933781586855392_3504932262394645048_n.jp

Helena Aguilar vai ser candidata à Câmara Municipal de Vidigueira, nas próximas eleições autárquicas de 1 de Outubro.
Rádio Vidigueira sabe que a atual vice-presidente da Câmara Municipal de Vidigueira vai avançar com uma candidatura independente nas próximas autárquicas.

 

publicado por Zé LG às 01:05
27
Abr 17

O presidente da concelhia de Almodôvar do PSD não poupa críticas à distrital de Beja do partido e aos Independentes por Almodôvar.

O compromisso entre a concelhia do PSD de Almodôvar e o movimento Independentes por Almodôvar (IPA) previa como cabeça de lista à Câmara António Sebastião (IPA), seguido de Fernando Palma (PSD) e Sílvia Batista (IPA).

Por decisão da distrital “laranja”, Fernando Palma, número dois da lista aprovada pela concelhia e pelo IPA, foi substituído por Ricardo Colaço, vereador do PSD, que estabeleceu um acordo com o PS no actual mandato.

O PSD de Almodôvar acusa os Independentes de aceitarem a proposta da distrital “traindo assim a confiança cimentada com a concelhia ao longo de mais de dois anos de diálogos e negociação”.

O presidente da concelhia de Almodôvar do PSD assegura que o caso foi denunciado aos órgãos nacionais do partido onde “impera o silêncio, a indiferença e a falta de consideração pelas estruturas de secção” e acusa a distrital de “violar grosseiramente os estatutos do PSD”.

A concelhia de Almodôvar do PSD diz-se “ferida na sua dignidade, ultrapassada e esvaziada de competências”. Nesse sentido, anuncia a “denúncia unilateral do referido acordo entre o PSD de Almodôvar e o IPA por violação do mesmo por parte dos Independentes”.

Ler AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 12:45
28
Mar 17

gaspar-ameaça.jpgos serviços têm levantado sucessivas dúvidas quer em relação ao montante dos dias em causa, quer ao método de tributação e quer, essencialmente, à licitude do ato.

Texto Paulo Barriga 

 

 

publicado por Zé LG às 00:05
23
Mar 17

por: Joana Marques

Amigo de longa data.
Conheço-o há mais de 20 anos.
Trabalhava numa empresa há 17 anos. Uma média empresa.
Era diretor de um departamento.
Trabalhava de dia e de noite. Não tinha férias como deve ser. Feriados só às vezes. Fins de semana só quando calhava
Tinha um horário de trabalho. 8 horas por dia. Nunca era cumprido. Dava todos os dias mais horas à empresa.
Dedicado. Muito dedicado.

Este meu amigo é casado e tem dois filhos.
O Afonso tem 13 anos e o António tem 5.
Os fins de semana, feriados e férias que dedicou à empresa tirou-os à família. Aos filhos.

Um dos poucos fins de semana que não trabalhou foi passá-lo com a família.
Escolheu a casa que herdou dos pais.
Perto da barragem de Montargil.

Não tinha rede de telemóvel.
Na empresa houve um stress qualquer.
Ligaram-lhe. Não atendeu. Porque não tinha rede.

Quando se apresentou na segunda-feira para trabalhar foi despedido.


Deixado por Anónimo a 22 de Março de 2017 às 13:40, AQUI.
publicado por Zé LG às 08:50
19
Mar 17

20170314_121904_campanha_sensibilizacao_afogamento

Aproxima-se a época balnear e o período de calor, desta forma, lançamos uma campanha de sensibilização principalmente para os Pais e também para a população em geral para os cuidados a ter em situações de afogamento em piscinas privadas ou públicas ou praias.

Infelizmente cada vez surgem mais relatos de situações em que por descuido ou acaso, as crianças acabaram por cair nas piscinas e dai resultar uma situação de afogamento.

Em situações destas é importante saber reagir e assim evitar uma possível tragédia ou danos graves na criança, muitas vezes nestas situações a criança acaba por se restabelecer após sofrer uma imersão, o que pode acontecer depois e que muitos pais não sabem é que algumas horas ou mesmo dias após esse restabelecimento da criança e aparentemente parecer estar tudo normal, a criança tenha um colapso em que surgem sintomas tais como sonolência, e dormência ou perda de força (membros moles), sendo que a criança pode adormecer e não voltar a acordar, a este fenómeno dá-se o nome de afogamento secundário.

Leia AQUI todo o artigo.

publicado por Zé LG às 10:01
18
Mar 17

17190579_1496802530371052_3675014827609439440_n.jp

Um momento para encontro e lazer, partilha de informação, formação e reflexão entre familias de pessoas com Síndrome de Dravet.

publicado por Zé LG às 14:30
06
Mar 17

Vila Nova da Baronia sem LUZ por período superior a 1 hora pela 2ª vez no espaço de 1 semana.
A EDP por não querer investir nas nossas linhas, deixa a população sem energia desde as 6:00horas da manhã até às 9:15horas. E isto é um facto, derivado à não reestruturação das linhas e constantes avarias.
Estes cortes frequentes privam assim a população de um serviço que é um direito pelo qual todos pagamos.
Ainda há portugueses de 1ª e de 2ª.

Comentário de João Carvalho a 5 de Março de 2017 às 09:44, AQUI.

publicado por Zé LG às 13:54
08
Fev 17

16388049_10210355225549586_4971601928450238883_n.j

Como diz o velho ditado, "o cabrão da casa é sempre o último a saber..."
Aqui não está em causa a candidatura, mas longe vão os tempos em que a instituição Junta de Freguesia de Vila de Frades era ouvida em matérias como esta, lamento a cada dia que passa a prepotência que é aplicada nestas decisões, as instituições ou as localidades não são propriedade de ninguém, são do povo, povo esse, que felizmente não dorme e está atento a decisões que só visam atingir o "estrelato" de alguns, Vila de Frades e os vilafradenses não merecem e não querem servir de almofada em joguinhos de bastidores, BASTA!

Luís Amado

MUNICÍPIO CANDIDATA VILA DE FRADES AO PRÉMIO 7 MARAVILHAS DAS ALDEIAS DE PORTUGAL

2017-SAO-CUCUFATE_484X383.JPG

publicado por Zé LG às 00:06
06
Fev 17

007.JPG

010.JPG

A Escola de Santiago Maior, de Beja, hoje só abriu às 10 horas, porque os portões foram fechados com cadeados como protesto contra a falta de condições existentes - 8 auxiliares para 400 alunos, alunos com NEE fechados na UAM nos intervalos por falta de acompanhamento, falta de professores de substitução, mau fincionamento do refeitório, climatização avariada há muito tempo, ...

publicado por Zé LG às 13:11
31
Jan 17

Capturar.PNG

In edição nº 1814, de 27-01-2017 do Diário do Alentejo.

publicado por Zé LG às 18:45
27
Jan 17

Cruz-1813.jpg

A Cruz Vermelha Portuguesa de Beja vai reduzir o subsídio de refeição a todos os trabalhadores. José Tadeu de Freitas, diretor do Centro Humanitário, justifica a medida com a não obrigatoriedade desta remuneração à luz do Código do Trabalho.

No final do mês de janeiro, quando receberem os ordenados, os trabalhadores do Centro Comunitário de Beja da Cruz Vermelha Portuguesa levarão para casa apenas 1,75 euros de subsídio de refeição, um valor menor do que auferiam em 2016.
José Tadeu Freitas, numa diretiva interna para “especificar a relação laboral” na instituição, refere, no ponto quatro do documento, que não sendo o subsídio de refeição “referido no Código do Trabalho não é uma remuneração obrigatória”, não obstante o Centro Humanitário ter garantido até ao fim do ano “a alimentação dos seus colaboradores e complementar com o subsídio de alimentação”.
Determina, pois, que “para o ano de 2017” seja pago a todos os trabalhadores, e por cada dia de trabalho, o valor de 1,75 euros.
Numa carta recebida na redação do “Diário do Alentejo” um trabalhador do centro afirma haver “medo e um descontentamento generalizado”, pondo em causa o caráter “humanitário” da instituição onde trabalha.
O mesmo trabalhador acusa ainda a Cruz Vermelha de Beja de impor “um regime de voluntariado à força” e mostra-se apreensivo com a “ameaça de fecho dos dois lares”.
O “DA” tentou, por várias vezes, contactar José Tadeu de Freitas, mas foi impossível chegar à fala com o responsável da instituição.AF

publicado por Zé LG às 08:53
29
Nov 16

15193546_375304012805903_7747355350198273250_n.jpg

(como intervir em caso de ataque epiléptico - convulsão)

publicado por Zé LG às 21:50
Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
"Contador de visitas">Contador de visitas
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Ui ui isto realmente esta ao rubro...pena estes co...
O Dr. pode processá-los por assédio.
Ele à lá agora necessidade de anunciar, comam mas ...
E dificilmente o hospital público se rerguerá porq...
A política da troika continua no Ministério da Saú...
Quem patrocinou esse jantar secreto na casa do gov...
Quem lhe disse que só começaram agora?Não acredite...
Sim, de facto o meu filho não joga futebol.. mas b...
Assim vai a saúde... da política de saúde do Gover...
Estas trabalhadoras agrícolas candidatas, gostava ...
Assim vai a saúde no Algarve....batendo fundo...há...
Candidatura “PS/Somos Beja” em contactos com insti...
Se pretender que o seu voto seja inútil, esteja à ...
Há segunda quarta e sexta reza ao S. Jerónimo, á t...
Vejam lá catequista...,que coisa tão relevante....
blogs SAPO