Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
19
Abr 17

180420171657-97-IMG_38871.JPG

Foi assinado ontem, no Salão Nobre da Câmara de Beja, o Protocolo de Colaboração do Setor Aeronáutico do Alentejo. Um momento simbólico que significou “um dia marcante para a afirmação nacional e internacional do cluster aeronáutico do Alentejo" e “um passo decisivo para o desenvolvimento”.

Um protocolo que visa estabelecer formas de cooperação entre os seus signatários, no respeito pelos objetivos e identidade de cada um, acordando entre si promover iniciativas de desenvolvimento relacionadas com o setor aeronáutico na região Alentejo, de forma abrangente, inclusiva e geradora de valor acrescentado, alinhada com a especialização inteligente nacional e regional. E o documento foi assinado pela Comissão de Coordenação de Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDR Alentejo), pela Federação Portuguesa das Indústrias Aeronáuticas Espaço e Defesa, pela Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo (ADRAL), pelos municípios de Beja, Évora e Ponte Sôr, pela Universidade de Évora, pelo Parque de Ciência e Tecnologia do Alentejo e pelas associações empresariais do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral, de Évora e de Portalegre.

Considera-se de máxima importância aproximar os territórios, definindo uma estratégia de complementaridade e especialização que potencie maior atratividade nacional e internacional para a instalação de novos projetos de investimento. A ligação Ponte de Sôr, Évora e Beja são um fator preponderante no desenvolvimento de um espaço privilegiado de desenvolvimento deste sector, deixa claro, igualmente, o documento assinado ontem, em Beja.

DAQUI e DAQUI.

publicado por Zé LG às 08:54
18
Abr 17

Mais de uma dezena de instituições regionais rubricam, hoje, às 11 horas, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Beja, o Protocolo de Colaboração do Sector Aeronáutico do Alentejo.

O acordo visa, segundo os promotores, “estabelecer formas de cooperação entre os seus signatários, no respeito pelos objectivos e identidade de cada um”.

De acordo com as diversas instituições regionais é de “máxima importância aproximar os territórios, definindo uma estratégia de complementaridade e especialização que potencie maior atractividade nacional e internacional para a instalação de novos projectos de investimento”.

A ligação Ponte de Sor, Évora e Beja é apontada como “um factor preponderante no desenvolvimento de um espaço privilegiado de desenvolvimento deste sector”.

publicado por Zé LG às 00:55
10
Abr 17

Não me parece útil a personalização da crítica mas, na verdade, as capacidades de comunicação de João Rocha foram uma menos valia na discussão.

De qualquer modo, mais importante que isso, para mim, foi a conclusão da diminuta força de lobbying político da região em grande parte devida à desunião das diferentes forças políticas e dos seus agentes locais.

Estou em Beja parcialmente e há muito pouco tempo mas essa constatação tem sido das piores coisas que por aqui encontrei. Uma região extensa, com baixa densidade populacional e de acessos muito difíceis tem sempre muito mais dificuldade em se fazer ouvir, se a isso juntarmos a presença de um caciquismo local poderoso e um precário exercício de cidadania a tendência é piorar. Iniciar e manter querelas de pequena política não é um meio razoável e eficaz para melhorar o estado das coisas. E ó se Beja - cidade e distrito - merece e precisa.

PS: Gosto desta terra, gosto das gentes desta terra que tão bem me têm tratado.

Ana Matos Pires a 9 de Abril de 2017 às 13:11, AQUI.

publicado por Zé LG às 12:41
27
Mar 17

A Câmara Municipal de Moura encontra-se a apoiar os esforços de expansão da Moura Fábrica Solar, propriedade da espanhola ACCIONA, mas que se encontra a ser gerida pela Projinko, empresa portuguesa detida pela multinacional JinkoSolar, com sede em Shanghai, que é líder mundial na produção de módulos fotovoltaicos.

A Projinko que está em Moura desde Abril de 2014, pretende ampliar as instalações da unidade fabril de Moura, por forma a aumentar a sua capacidade de produção instalada, bem como o número de postos de trabalho que nesta altura chega a 105.

3744_big.jpg

Neste âmbito, o Presidente da Câmara Municipal de Moura, Santiago Macias e uma delegação de dois responsáveis da Projinko e um da ACCIONA, reuniram, no passado dia 17, em Évora, com o Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, Roberto Grilo, com o objectivo de obter informações sobre os apoios disponíveis, no âmbito do QREN 2014-2020, em que poderia ser enquadrada a expansão da Moura Fábrica Solar.

Leia mais AQUI.

publicado por Zé LG às 13:52
15
Mar 17

140320171636-30-isabel-oneto_.jpg

Isabel Oneto, a Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna preside, hoje, à Sessão Pública de apresentação do balanço do Contrato Local de Segurança de Serpa – MAI Cidadão.

A cerimónia, que conta com a presença do Presidente da Câmara de Serpa, Tomé Pires, e com representantes das várias entidades envolvidas neste projecto, tem lugar na autarquia.

O Contrato "MAI Cidadão", assinado entre o Ministério da Administração Interna e o município de Serpa, tem por objectivo “a intervenção em fenómenos atípicos e específicos como os movimentos migratórios e outros fenómenos sazonais susceptíveis de alterar o quotidiano das populações em matéria de sentimento de segurança”.

publicado por Zé LG às 01:11
20
Fev 17

Desde Janeiro de 2017 que os doutorados do CEBAL passaram a integrar a Unidade de Investigação do ICAAM – da Universidade de Évora http://www.icaam.uevora.pt/

16105882_701160860064681_2667404642906728659_n.jpg

Trata-se de uma associação que se esprera que traga vantagens para o CEBAL, na medida em que os seus investigadores passam a estar integrados numa unidade de investigação classificada pela FCT com BOM e que alberga 105 investigadores. Durante o ano, será preparado o novo ciclo de avaliação que decorrerá no final de 2017.

logotipo_site.jpg

 

Os doutorados do CEBAL deslocaram-se ao ICAAM no sentido de se apresentarem e apresentarem o Centro, onde ouviram que é notável o que o CEBAL conseguiu alcançar até ao presente.

É importante que a região tenha consciência que o rigor imprimido às atividades que o CEBAL desenvolve é altamente reconhecido como diferenciador entre os seus pares, para que saiba valorizar e apoiar, porque se trata de uma mais-valia importante para o desenvolvimento da região.

publicado por Zé LG às 08:56
19
Fev 17

170220171645-250-Berlinde.jpgJogar ao pião, ao berlinde, ao mata ou ao jogo do botão, são agora as novas atividades de recreio para as crianças do 1º ciclo da Escola Básica de Santiago Maior. Semanalmente, um grupo de alunos da Universidade Sénior de Beja promove a troca de saberes entre gerações, revela a autarquia, na sua newsletter.

Promover o papel ativo da população sénior no desenvolvimento social e cultural do concelho é o objetivo do projeto “Viver com Alma Criativa”, que o Município está a desenvolver, em parceria com a ULSBA/UCC – Unidade de Cuidados na Comunidade de Beja e a Universidade Sénior de Beja.

publicado por Zé LG às 10:38
16
Fev 17

140220171025-925-socialberingel.jpg

O projecto foi apresentado, no último fim de semana, numa iniciativa que inclui também a realização de uma mesa redonda sob o tema “Envelhecimento activo em Beringel e a sua importância para a comunidade local”.
Quanto ao gabinete, que vai funcionar nas instalações da “cadeia velha”, nasce de mais uma parceria entre a Junta de Freguesia e a Casa do Povo de Baleizão a que se junta a BADAJAN - Associação de Desenvolvimento de Beringel.
Neste gabinete, os utentes podem obter esclarecimentos e informações sobre diversas situações sociais, está também disponível apoio técnico no preenchimento de formulários, como, o Rendimento Social de Inserção, Complemento de Dependência, Pensão por Invalidez ou Velhice, Abono de Família Pré-Natal, Subsidio Escolar ou Complemento Social Idosos, entre outros.

publicado por Zé LG às 08:55
28
Dez 16

O Chefe de Gabinete do Presidente da Câmara Municipal de Beja visitou os municípios chineses de Tianjin e Taizhou, ... a convite do Conselho Consultivo para os Assuntos de Imigração e Liga dos Chineses em Portugal e consistiu em estabelecer contactos institucionais com autoridades chinesas, que mostraram interesse em desenvolver uma geminação entre Beja e Tianjin, cidade que também tem um aeroporto civil, e de trazer para Beja empresas que procuram a internacionalização tendo em conta as oportunidades de negócios que o futuro aeroporto oferece.

Esta é uma parte dum alvitre que publiquei aqui, há precisamente 10 anos. Uma década depois, era bom termos informação do ponto em que se encontra a geminação e de quantas empresas vieram para Beja na sequência dos contactos institucionais com autoridades chinesas.

publicado por Zé LG às 12:40
15
Dez 16

141220162233-663-Bejabanner.jpg

O Salão Nobre dos Paços do Concelho, recebe, esta tarde, às 18.00 horas, a apresentação do programa “Reabilitar para Arrendar- Habitação Acessível”, que inclui também a assinatura do Protocolo de cooperação institucional entre a Câmara Municipal de Beja e o IHRU-Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana, I. P. .

O novo programa do IHRU, que tem por objectivo o financiamento de operações de reabilitação de edifícios com idade igual ou superior a 30 anos, que após a reabilitação se destinem predominantemente a fim habitacional, devendo as fracções habitacionais destinar-se a arrendamento em regime de renda condicionada, vai ser apresentado, na sessão desta tarde, por Víctor Reis, Presidente do Conselho Directivo do IHRU.

publicado por Zé LG às 17:41
10
Set 16

convite_MSD.jpg

Uma intervenção aguardada pelas populações há mais de 30 anos, vai agora avançar por muita insistência desta autarquia, que com o todo o seu empenho e dedicação criou condições e fomentou parcerias para que tal seja finalmente possível!

Está assim assegurada a coordenação e o enquadramento das iniciativas destinadas à valorização do potencial cultural, turístico e geológico desta área mineira.

A estratégia na qual se baseia o Projeto de Requalificação da antiga Mina de São Domingos pretende recuperar ambientalmente a área, fazendo nascer uma nova dinâmica para o desenvolvimento económico, valorização do território e aproveitamento dos recursos, com um elevado impacto, no concelho de Mértola seguramente, mas alargado a toda a região Alentejo. 

(Recebido por e-mail)

publicado por Zé LG às 09:00
09
Set 16

080920161812-260-CmaraFerreiradoAlentejo(2).jpg

A Câmara de Ferreira do Alentejo celebra hoje um protocolo com a Direcção - Geral dos Assuntos Consulares para criação do Gabinete de Apoio ao Emigrante no Concelho.

Na cerimónia marca presença o Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro.

O Gabinete vai funcionar nas instalações da Divisão de Acção Social, Educação e Formação da Câmara.

Este Gabinete dá resposta às necessidades sentidas por todos os ferreirenses que deixaram o concelho e o país, explica Aníbal Costa, presidente da Câmara de Ferreira do Alentejo.

publicado por Zé LG às 12:46
19
Jul 16

700px_e5789199d1990b759601.jpg

700px_e5789199f7b9ec759603.jpg

 

publicado por Zé LG às 17:43
28
Jun 16

270620161241-126-ULSBA.jpg

As Administrações Regionais de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve assinaram 25 Protocolos de Afiliação, envolvendo 15 unidades hospitalares.

Acordos que marcam um novo rumo na Saúde em Portugal, com vista a melhorar o serviço prestado aos utentes e contribuindo para a otimização de recursos humanos e materiais. Os protocolos têm como objetivo melhorar articulação entre as unidades hospitalares, permitindo assim ganhos de eficácia dentro do Serviço Nacional de Saúde (SNS), em áreas tão diversas como Anatomia Patológica, Psiquiatria, Oncologia, Radioterapia, Ortopedia, Dermatologia, Urologia/Litotrícia, Hematologia ou Cirurgia Vascular, ou ainda protocolos de aquisição conjunta de material de consumo clínico (próteses, reagentes, material de gastrenterologia e eletrofisiologia, ventiladores, roupa e fardamento, etc.), transporte de doentes e teleradiologia, entre outras.

publicado por Zé LG às 08:53
18
Jun 16

transferir (1).jpg

A Seleção Nacional não foi além de um empate a zero com a Áustria no jogo da segunda jornada e fica agora praticamente obrigado a ganhar para seguir em frente.

… o momento capital do jogo: aos 78 minutos, Ronaldo sofreu falta para penálti e o árbitro Nicola Rizzoli apontou de imediato para a marca do castigo máximo. Em mais um capítulo de falta de inspiração do craque português neste Europeu, o remate foi ao poste e a Áustria respirou de alívio. Ronaldo não conseguiu ainda marcar pelo quarto Europeu consecutivo, como tanto procura. 

 

Muito se pode dizer a propósito da Selecção, de ter um domínio avassalador sobre os adversários, designadamente ter tantas oportunidades de golo e não marcar, não aproveitar a marcação de nenhuma bola parada,... mas talvez não seja o momento adequado para o fazer. O momento exige confiança na selecção e o apoio de todos. Mais do que nunca, devemos estar unidos no apoio à Selecção Nacional. FORÇA PORTUGAL!

publicado por Zé LG às 23:23
06
Jun 16

030620161714-688-Protocolo_.jpg

O Salão Nobre dos Paços do Concelho recebe, a partir das 10.30 horas, a cerimónia de assinatura do Protocolo de Cooperação para a criação do Centro UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial, em Beja. 

A cerimónia inclui a actuação do Grupo Coral Cantadores do Desassossego, assinatura do protocolo e, no final, uma palestra sobre património imaterial por Vitor Villafuerte Medina, director do Centro de categoria 2 da UNESCO para o Estudo e Salvaguarda do património Imaterial da América Latina.

Recorde-se que o Centro UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial vai nascer nas antigas instalações do Clube Bejense, na Rua do Sembrano. O edifício que está a ser recuperado, as obras começaram recentemente e têm um prazo de execução de 10 meses

Ler AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 08:45
01
Jun 16

O protocolo que assinala a entrega por parte do Município do terreno onde vão ficar instalados os tribunais de Família e Menores, Trabalho, a Instância Central Cível e o Tribunal Administrativo e Fiscal foi assinado na manhã desta quarta-feira, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, numa cerimónia onde marcaram presença, igualmente, o presidente do Conselho Diretivo do Instituto de Gestão Financeira e de Equipamentos da Justiça, o diretor-geral da Administração da Justiça e a secretária de Estado Adjunta.

Através deste protocolo, o Município de Beja assumiu também, a responsabilidade dos projetos de arquitetura, que deverão ficar concluídos até ao final deste ano e neste contexto, a ministra da Justiça garantiu que a construção do novo edifício vai ser feita em três anos, devendo ficar concluída em 2020. Mas, o protocolo desta quarta-feira prevê ainda, mudanças para o Tribunal de Família e Menores, que funciona desde setembro de 2014 no Tribunal de Ferreira do Alentejo, na medida em que determina a construção rápida de uns módulos pré-fabricados no espaço onde vai ficar o novo Palácio da Justiça, de forma a permitir a transferência desta instância para Beja, a partir do início do próximo ano e esta foi outra das garantias deixada por Francisca Van Dunen. A ministra da Justiça avançou ainda, que aqueles pré-fabricados vão receber, igualmente, o Tribunal do Trabalho e que vão ser feitas melhorias no edifício que alberga o Tribunal Administrativo e Fiscal.

 

Entretanto, o deputado do PS, eleito por Beja,  do Pedro do Carmo questionou o Governo sobre se “foi ponderada a adaptação dos edifícios do Banco de Portugal ou do Governo Civil para alojar o novo Palácio da Justiça de Beja”.

publicado por Zé LG às 22:18
11
Abr 16

080420161736-718-CAL.jpgA Câmara Municipal de Beja apresentou uma candidatura ao programa comunitário Erasmus+, com a designação de “IBERIACAL- Património, Tradição, Futuro”.

A autarquia vai coordenar uma parceria composta por sete organizações portuguesas e espanholas.

O projecto, segundo o município, “visa levar a cabo um conjunto de actividades de formação e intercâmbio de boas práticas na área educativa”.

De acordo com a mesma fonte o território do concelho seleccionado recaiu em Trigaches, “dada a existência de práticas que permitem a demonstração das técnicas tradicionais”.

Para além do município, a candidatura integra o Agrupamento de Escolas n.º 1 de Beja, o Instituto Politécnico de Beja e a Universidade de Évora, o município de Morón de la Frontera, a Associação Cultural Cal de Morón e o Instituto Educativo Fuente Nueva.

O projecto pretende sensibilizar a comunidade escolar e académica para a salvaguarda do uso da cal e a recuperação das práticas ancestrais num património comum aos países ibéricos.

publicado por Zé LG às 00:33
03
Mar 16

O Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (CEBAL) é uma unidade de investigação e desenvolvimento privada, sem fins lucrativos, sediada na cidade de Beja. Foi criada há quase uma dezena de anos por iniciativa do presidente da CMB de então, Francisco Santos e do Professor João Batista, com o apoio de diversas entidades e pessoas.

O CEBAL representa o melhor que alguma vez se fez na nossa região. Resultou de uma visão estratégica, que se mostra cada vez mais actual e da iniciativa e do envolvimento cooperativo de pessoas e entidades que souberam colocar os interesses da região acima dos interesses de capela.

Quando estavam a ser criadas condições para a sua consolidação e desenvolvimento, eis que as vistas curtas e os interesses de capela de alguns se estão a sobrepor aos interesses da região, que precisa de investigação e conhecimento nestas áreas, para poder dar um salto qualitativo na afirmação dos seus produtos .

Esta situação está a levar ao definhamento do CEBAL, que já viu partir alguns dos seus principais investigadores e corre o risco de ter de encerrar, uma vez que dispõe de recursos financeiros para poucos meses de actividade e não mostra capacidade de recorrer a fontes de financiamento, para o que necessita da cooperação de outros centros de investigação.

A Câmara Municipal de Beja, o NERBE, a ACOS e o IPBeja (entre outras entidades) têm de ser capazes de encontrar soluções capazes de inverter este caminho e assegurar a viabilidade de uma das mais importantes (até pelo simbolismo) instituições da região. Se não o fizerem – elas e os seus responsáveis -, não deixarão de ser julgados pela História se o não forem antes pela sociedade.

publicado por Zé LG às 13:50
25
Fev 16

manchete_banner_240220162226-723-MuseuRegional.jpg

Já foi assinado o Protocolo de Colaboração Técnica e Científica para a Valorização do Museu Regional de Beja e o Acordo de Colaboração Mecenática para a valorização deste espaço. São 27 mil euros da Fundação Millenium BCP que permitem, requalificar o edifício, assim como conservar e valorizar o seu acervo e que significam um “momento de viragem para o Museu Regional de Beja”.
Ler e ouvir AQUI.

publicado por Zé LG às 18:55
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
"Contador de visitas">Contador de visitas
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Atão, não vi lá o paulo Arsenio, não digam que não...
Pois com certeza que sim!...Nem é preciso fazer ca...
A "esquerda festiva" e a "ortodoxa" continuam a ac...
Não me parecem mal de todos estes considerandos.At...
Quando alguém se refere à imagem, apenas exemplifi...
Os comentários anteriores são de facto pertinentes...
Meu caro anónimo, pois e disso que se trata, enten...
Tudo ao contrário do deputado João Ramos o deputad...
Imagem de marca: camisa à pescador, barba de radic...
Mas fama onde?
A de Beja e a de Cuba estão no papo.
O Paulo Arsénio ainda vai dar que falar com a vota...
Bom bom era o Paulo Arsenio retirar a candidatura ...
Há pessoas que só para terem 2 minutos de fama dão...
Como se pode dizer tantos disparates? Há quem trab...
blogs SAPO