Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
11
Out 17

IMG_2710.JPG

 Estrada de Pisões (Perto do Penedo Gordo).

publicado por Zé LG às 17:45
10
Out 17

IMG_2716.JPG

A intromissão do regadio intensivo em áreas da rede de protecção e de valorização dos ecossistemas naturais constitui uma preocupação enorme, e que tem sido expressada por vários agentes da administração e das universidades!...E salvo melhor opinião, assiste-se de modo quase irreversível ao empobrecimento dos solos agrícolas de maior potencialidade, destruindo-se áreas vastas de montado de sobro e de azinho, e respectivos ecossistemas! Há muita coisa errada nesta quase ausência de planeamento e de ordenamento agrícola e territorial, e iremos muito em breve pagar a factura desse descontrolo! Hoje é quase um lugar comum, que os solos de culturas intensivas, ficam saturados em poucos anos, irreversivelmente contaminados, esqueléticos e improdutivos!...e isto não é pouco, nem menosprezável pelos agentes com responsabilidades sobre a área, em Portugal!...é olhar para os elementos cartográficos e comparar o resultado nos últimos anos, dessas práticas agrícolas...No terreno ainda é mais notório o efeito nocivo!...Muito haverá a dizer sobre o assunto, mas não faz sentido, assobiarmos para o lado e encolher os ombros!

Ecce homo a 9 de Outubro de 2017 às 09:31, AQUI.

publicado por Zé LG às 13:56
08
Out 17

078.JPG

publicado por Zé LG às 16:21
08
Set 17

cartaz_net.jpg

Veja PROGRAMA.

publicado por Zé LG às 08:50
14
Ago 17

IMG_2704.JPG

O estado em que se encontra a Estação Arqueológica de Pisões e a estrada que lhe dá acesso mostra bem o abandono a que foi votada.

IMG_2708.JPG

O estado da estrada que, além de dar acesso à referida Estação Arqueológica, dá igualmente acesso a uma zona agrícola rica e onde estão a ser feitos diversos investimentos no regadio para aproveitar a água de Alqueva, não facilita o desenvolvimento de um e outros projectos.

IMG_2716.JPG

Será de fundamental importância para o esclarecimento dos eleitores que as diversas candidaturas ao Município de Beja esclareçam se a Estação Arqueológica de Pisões e o apoio à agricultura e ao mundo rural integram a sua estratégia para o desenvolvimento do Concelho de Beja e que propostas têm para pôr cobro à situação que se arrasta há demasiado tempo.

A aposta (ou não) na recuperação e valorização de Pisões e na agricultura como motor do desenvolvimento do Concelho e factor determinante da sua ruralidade será, só por si, talvez o que melhor distinguirá a bondade das candidaturas em presença.IMG_2718.JPG

publicado por Zé LG às 08:46
02
Ago 17

tapada_chaves1-360x300.jpeg

A Fundação Eugénio de Almeida (FEA), de Évora, anunciou a aquisição da propriedade e da marca de vinhos Tapada do Chaves, que mantém a mesma designação.

A Tapada do Chaves, localizada em Frangoneiro, nos arredores de Portalegre, dá origem a vinhos há quase 100 anos e possui duas das mais velhas parcelas de vinha do Alentejo.

Com 60 hectares de terra e 32 de património vitícola, 23 dos quais de castas de uva tinta e nove hectares de castas de uva branca, a Tapada do Chaves localiza-se numa zona fortemente influenciada pela orografia (Serra de São Mamede) e pela cobertura agro-florestal que lhe confere um microclima específico e decisivo para a qualidade e tipicidade dos vinhos aí produzidos.

 

publicado por Zé LG às 12:45
11
Jul 17

No final de Junho cerca de 80% do território português encontrava-se em seca severa ou extrema.

Nesta altura, das 60 barragens existentes em Portugal continental, há 18 que registam menos de metade do nível de água que conseguem armazenar, o que levou já o Governo a activar a Comissão Permanente de Prevenção, Monitorização e Efeitos da Seca, criada há cerca de 1 mês.

O Alentejo é uma das regiões do país que mais está a preocupar o Governo, uma vez que pode chegar a Agosto sem água, uma situação idêntica à da região da Beira interior.

 

A EDIA garante que a reserva de água que hoje existe em Alqueva é suficiente para mais dois anos sem afluências significativas e capazes de responder às necessidades agrícolas e de abastecimento público na sua área de influência, tendo capacidade para satisfazer todas as necessidades de água para a agricultura na região equipada pelo sistema, 120 mil hectares actualmente, estando apenas limitado pela capacidade dos adutores às diferentes albufeiras, tal como acontece em qualquer sistema de distribuição de água.

Relembra que se alguma Associação que gere outras barragens receptoras de água de Alqueva necessita de 20, 30 ou 40 milhões de metros cúbicos, e se sabe que o sistema tem capacidade para debitar cerca de 7 milhões por mês, então esse volume de água terá de ser solicitado à EDIA vários meses antes.

publicado por Zé LG às 08:47
02
Jul 17

IMG_2418.JPG

publicado por Zé LG às 01:15
28
Jun 17

image001.jpg

A FAABA - Federação das Associações de Agricultores do Baixo Alentejo, enviou ao Ministro da Agricultura, Pescas e Desenvolvimento Rural, uma carta alertando para a necessidade de implementação de medidas imediatas, de modo a contrariar os impactos negativos da seca prolongada que já se estão a fazer sentir por todo o Alentejo. Os prejuízos ao nível das culturas de sequeiro, como os cereais, as oleaginosas, as pastagens e forragens e ao esgotamento das reservas hídricas, quer para abeberamento dos efectivos pecuários, quer para o regadio, são visíveis e muito preocupantes.

 

 

publicado por Zé LG às 15:01
27
Jun 17

Campanha de recolha de alimentos para gado visa auxiliar os agricultores do centro do país

A ACOS inicia hoje até ao final do mês de Julho, junto dos seus associados, uma campanha solidária com os agricultores da região Centro do País, cujas explorações foram totalmente devastadas pelos incêndios dos últimos dias.

A campanha consiste na angariação de alimentos para gado - palha, feno, sementes, rações, entre outros -, que são concentrados nas instalações da ACOS, que se encarregará pelo seu armazenamento, transporte e entrega.

Os incêndios destruíram por completo largos hectares de zonas de pastoreio e também muitas reservas de alimentos que os agricultores tinham para alimentar o gado. Com esta iniciativa apelamos à solidariedade dos nossos associados que queiram contribuir. É um gesto simbólico que pode fazer diferença na vida dos nossos colegas que têm o seu sustento totalmente destruído, e no caso das explorações agrícolas e pecuárias, a sua recuperação pode levar anos, para não dizer décadas”, afirma Rui Garrido, Presidente da ACOS.

Quem pretender colaborar deve contactar com a ACOS, através do telefone nº 284310350.

publicado por Zé LG às 16:55
20
Jun 17

190620171116-179-desafiosregadio.jpg

Esta 8ª edição das Conferências da Vida Rural, pretende, debater e ideias e partilhar experiências sobre a importância da boa gestão da água na agricultura, em especial num ano de seca como o que estamos a viver.
Os trabalhos, com início marcado para as 14.15 horas, contam com a presença de José Pedro Salema, Presidente da EDIA-Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas do Alqueva e de outros profissionais ligados à temáticas que vão estar em discussão.

publicado por Zé LG às 08:42
15
Abr 17

075.JPG

Os regantes da ABORO - Associação de Beneficiários da Obra de Rega de Odivelas vão ratear a água disponível.

Desta forma, a Associação quer dar a possibilidade de não recorrer à água de Alqueva aos regantes que assim o entenderem.

Segundo a ABORO, a situação “decorre da aplicação do novo tarifário da água de Alqueva às Associações de Regantes confinantes, que implica um aumento muito significativo do preço da água nestes perímetros de rega”.

A Associação considera que é “imprescindível que o valor da água seja compatível com a rentabilidade das culturas e seja equilibrado entre os vários utilizadores” o que, no seu entender, “não se verifica”.

publicado por Zé LG às 10:39
12
Abr 17

IMG_4372.JPG

“Gostaríamos que a OVIBEJA 2017 fosse a mesma de sempre, mas com um cariz mais agrícola” afirma Rui Garrido, o presidente da direcção da ACOS -Agricultores do Sul, entidade responsável pela realização da OVIBEJA, a pouco menos de um mês da abertura oficial da grande feira do Sul. Com início marcado para 27 de Abril, a OVIBEJA prolonga-se até 1 de Maio, tendo nesta 34ª edição como tema principal a internacionalização dos produtos agro-alimentares de origem animal, tais como os queijos, os enchidos e os presuntos tradicionais do Alentejo. Para Rui Garrido “ainda há muito caminho a percorrer na internacionalização” dos produtos alentejanos, que “é incipiente”, mas o exemplo do azeite ou do vinho “mostra que é possível”.

 

 

publicado por Zé LG às 08:49
01
Abr 17

190220141826-736-feiradaguacorte.jpg

Na sequência do êxito das edições anteriores, realizou-se mais uma Feira da Água, no último fim-de-semana, no Parque de Feiras e Exposições de Beja, que contou com a visita de milhares pessoas.

O saldo positivo do certame não se mede apenas pelo número de visitantes. Manuel Oliveira, vereador da Câmara Municipal de Beja, refere como aspeto muito positivo o número de empresas do setor agrícola representadas na Feira da Água.

Nas declarações de balanço, o vereador Manuel Oliveira disse ainda que estão reunidas todas as condições para que a Feira da Água possa vir a ter futuras edições e com objetivos mais ambiciosos.

16742104_tduHU.jpeg

 

Esta é mais uma aposta ganha pelo actual Executivo Camarário, que definiu como um dos seu grandes objectivos a realização de grandes Feiras em Beja, como forma de promover a economia da região.

A finalidade da Feira da Água é, através dela, introduzir dinâmica empresarial na actividade económica e agrícola, decorrente da viragem a que o território está a assistir com a introdução do regadio e a receptividade que o evento teve “condenou-a” ao sucesso, frisou também o vereador Manuel Oliveira.

 

ESCLARECIMENTO: Como espero tenham reparado, esta foi a minha mentirita do 1 de Abril - Dia das Mentiras.

publicado por Zé LG às 16:38
30
Mar 17

O ministro da Agricultura, Capoulas Santos, já apresentou as linhas gerais da Estratégia Nacional para a Agricultura Biológica (ENAB), um documento que estabelece 5 objetivos estratégicos e 10 metas para atingir no espaço de uma década.

Foi igualmente apresentado o Plano de Ação, ficando ambos os documentos disponíveis para consulta no site da DGADR – Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural, até ao próximo dia 12 de abril.

O Ministro sublinhou que “é necessário valorizar e apoiar a produção em modo biológico por forma a satisfazer uma procura crescente deste tipo de produtos no mercado” e que “o interesse nestes produtos por parte dos consumidores tem vindo a transformar a produção biológica numa área de negócio cada vez mais relevante do ponto de vista económico”.

publicado por Zé LG às 00:38
29
Mar 17

1490651816656615.JPG

Notícia da sua morte AQUI

publicado por Zé LG às 08:58
27
Mar 17

JantarPalestra-02-01.png

publicado por Zé LG às 19:30
15
Mar 17

140320171545-663-CapoulasEDIAgua.jpg

O ministro da Agricultura anunciou, em Beja, na reunião da CAR Alqueva - Conselho para o Acompanhamento do Regadio de Alqueva, o abaixamento do preço da água, com variação de -20 e -33%, para os beneficiários diretos e para os perímetros confinantes.

No que diz respeito à capacidade de armazenamento das albufeiras, o governante adiantou que existem condições para Alqueva fornecer água à barragem do Roxo, sublinhando que “o fornecimento de água para outros destinos que não a agricultura” está “clarificado no despacho que será publicado nos próximos dias”.

Capoulas Santos espera dentro de 3 a 4 semanas obter uma resposta positiva do Banco Europeu de Investimento sobre o alargamento do perímetro de rega de Alqueva,.

O Ministro da Agricultura revelou aos agricultores que 91% dos projectos apresentados ao PDR 2020 já foram analisados.

publicado por Zé LG às 08:55
14
Mar 17

17190904_621581118045074_7897460080680180082_n.jpg

Ver mais AQUI.

publicado por Zé LG às 00:04
12
Mar 17

018.JPG

Segundo a Federação Nacional de Regantes de Portugal, o terceiro ano consecutivo de precipitação inferior ao normal agrava o armazenamento das albufeiras do Alentejo, onde as disponibilidades não ultrapassam os 40% do volume total. 

Na bacia hidrográfica do Sado ocorrem os registos mais críticos, com volumes armazenados úteis nas albufeiras de Odivelas e do Roxo de 6% e 10%, respetivamente. Os Perímetros de Rega do Vale do Sado, Campilhas e Vigia também apresentam limitação hídrica para a campanha de rega deste ano. 
Segundo a Federação Nacional de Regantes de Portugal, a solução é o reforço de água das albufeiras através do sistema de Alqueva, onde existe disponibilidade hídrica. 
Segundo a Fenareg, na campanha do ano passado esse reforço foi já uma realidade, no entanto a viabilidade desse recurso continua por definir, devido à falta da legislação que estabelece o preço da água a estas situações condiciona a decisão dos agricultores. 
O tema do preço da água de Alqueva, aos Regantes e às Associações, foi levado ao Ministério da Agricultura, por parte da Fenareg, resultando a promessa, do Ministro da Agricultura, de baixar o preço da água no primeiro trimestre de 2017.

publicado por Zé LG às 09:56
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Tanto fel ou será ressabiamento de quem não deixou...
Ao triste anónimo das 13:49h. Ou nao me conhece ou...
Não é só a voz do Dr.Frade que se silencia.O silên...
Em Beja, só não fecham três tipos de empresas: caf...
Mal entendido essa Joia da coroa?Esse oportunista ...
É o que dá apostar no cavalo errado. lool
Não se faça de mal-entendido.
Mas qual vingança qual quê? Eu sou lá de vinganças...
O Dr. Frade retirou-se da arena política, será por...
É um nojo ver que os “novos” herdam as vinganças d...
Dá-lhe gozo colaborar com a vingança?
Eis o resultado das politicas de esquerda. Viva a ...
Faz de conta que adivinhi
A "ANINHAS" desconhece.Não "COMPLIKE" a inteligênc...
Que parvoice tão grande, deita-se a adivinhar e nã...
blogs SAPO