Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
22
Fev 15

beja_am.jpgA DORBE do PCP está preocupada com a degradação do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e acusa o Governo de “desmantelamento do SNS, conduzindo à sua descredibilização e desqualificação, para justificar a sua privatização”.
O “caos nas urgências, com tempos de espera elevados”, o “excesso de doentes em macas”, a “falta de profissionais de saúde”, a “redução do número de camas nos hospitais” e os “cortes nos apoios ao transporte de doentes não urgentes” são alguns dos problemas identificados pelo PCP.
Nos Centros de Saúde “o problema principal é a falta de médicos de Medicina Geral e Familiar, havendo muitas pessoas sem médico de família”.
No Hospital de Beja, “o encerramento de camas concretizado há um ano é preocupante, pois não foram criadas alternativas viáveis a nível de outro tipo de Unidades de Internamento de curta, média e longa duração e de Cuidados Paliativos, assistindo-se a um acumular degradante e desumano de doentes em macas e cadeiras de rodas na Urgência”. O risco do Hospital de Beja ser desclassificado e perder algumas valências, como a Maternidade, preocupa também Bernardo Loff, membro da DORBE do PCP, que não poupa críticas ao actual estado da saúde na região.
In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6383
e http://www.radioplanicie.com/noticias_2015.php?noticia=244

publicado por Zé LG às 23:26
Qual é a moralidade do porta-voz da DORBE? Serve-se agora de uma linguagem panfletária para tentar limpar o seu passado de colaboracionista. Teria bastado uma palavra ao seu jagunço para se ter evitado o encerramento de camas no nosso Hospital. E o que tem feito, enquanto Presidente da Assembleia Municipal, para cumprir uma deliberação da mesma, designadamente uma comissão de vigilância da saúde?
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 00:21
Este Sr. Dr. não tem moralidade para nada pois sempre esteve com o poder instalado. Dizia que só gostava de ver doentes mas sempre quis foi ser Director de Serviço.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 00:58
Hipocrisia e desplante!
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 08:07
As dúvidas aqui colocadas em relação ao Dr Bernardo Loff vêm na sequencia das colocadas num post anterior sobre lugares politicas e não politicos.
E como os nossos politicos têm posto tudo no mesmo saco. No deles.
Assim até que ponto ser Diretor Clinico de um hospital público deve ser um lugar politico ou não politico.
A minha opinião é que deveria ser não politico, ou seja apenas ser ocupado por um médico que não fosse militante de partido politico algum.
De modo a não prestar-se a dúvidas, como as aqui referidas.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 10:08
A questão deve ser posta de outra forma. Quando alguém se rege por princípios de retidão, fa-lo independentemente de estar filiado em qualquer partido. A filiação num partido é livre e cada um tem os seus motivos para escolher. Não estar filiado em nenhum não é garantia de nada. No caso, a atuação ao longo de décadas parece contradizer a ideologia apregoada...
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 10:45
Só pode ter havido aqui um "clique". Talvez as comadres se tenham zangado. O PC endureceu o discurso sobre a gestão da ULSBA, depois de anos com posições dúbias e tolerantes.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 10:54
É; quer se queira ou não, e por mais retidão que possa haver, aliás como é o caso. Há sempre desconfianças quando se trata de politicos, e que têm toda a razão de o ser.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 12:36
Pois, especialmente os políticos dissimulados. Que dizem pela frente uma coisa e pelas costas o contrário. Os que atiçam a discórdia e ficam atrás a dar risinhos por ver o circo a arder. É o caso.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 13:08
Será que este dito cujo quer protagonizar uma candidatura nas próximas eleições?
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 17:10
É mesmo isso,estrategia autárquica ou outra parecida.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 20:22
O PC parece já ter definido quem será o cabeça de lista. O PS que se cuide.
Anónimo a 24 de Fevereiro de 2015 às 00:14
O PS tem bons trunfos.
Anónimo a 24 de Fevereiro de 2015 às 13:12
o PCP tem sido de uma vergonhosa conivência com o PSD/Ministério da Saude. Se só acordaram agora vêm tarde e a más horas.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 17:37
Os pseudocomunistas no Hospital manipularam pessoas, para instigá-las contra alguém que era a única voz discordante. Não conseguiram manietá-lo.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 18:34
Mas o Dr. Frade aguentou-se, valentemente!
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 19:50
Estes papagaios do PC no hospital andaram caladinhos durante todo o tempo que o encerramento das camas foi denunciado. A Administração até convidou um destacado quadro do PC para o conselho consultivo.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 20:19
E a escola do PCP.
Anónimo a 23 de Fevereiro de 2015 às 20:20
Até a imagem não engana nada.
Anónimo a 24 de Fevereiro de 2015 às 17:35
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
chega-lhes roupa, não sejes cagarolas
Esta Câmara de CABELEIREIRAS, ESTETICISTAS, PROFES...
Os "outros" prometeram, "estes" vão fazer... Esper...
A estratégia é disparar em todas as direcções! An...
Deserto de ideias e iniciativas já é.
Mais que o centro do sul esta camara de cabeleirei...
Nã leio o dalentejô. Só veijo a capa! falari, fala...
atã nã fali do que nã sabi
nã sabe leri?
E a ETAR de Vales Mortos? E as não obras na escola...
Relamente... como foram muito audaciosos!!! Só a g...
Então mas afinal quem é que fala verdade?http://ww...
A montra de uma conhecida loja no centro de Beja a...
blogs SAPO