Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
19
Out 17

Beja.JPG

O Salão Nobre dos Paços do Concelho recebeu, ontem, a cerimónia de tomada de posse dos novos órgãos autárquicos de Beja. 

O novo presidente, Paulo Arsénio, disse que este era o “1º dia de um novo tempo” e que a nova equipa “vai tratar de Beja” como se fosse “a sua casa”, frisou que começa agora um ciclo baseado na voz e na participação das pessoas e prometeu que neste mandato se vai recuperar a autoestima do concelho, valorizando o seu potencial.

Paulo Arsénio indicou as prioridades deste mandato, identificando a primeira como a captação de investimento, tendo em vista a criação de postos de trabalho. Neste contexto relevou que este Executivo quer fazer melhor e diferente, apostando na marca Beja e na sua internacionalização. Prometeu “para já”, um alívio no IMI.

À eleição da Mesa da Assembleia Municipal foram postas a votação duas listas, uma proposta pelos eleitos do PS e outra pelos da CDU, tendo vencido a “A”, apresentada pelo PS, composta por Fernando Romba, presidente, Carla Barriga, 1ª secretária, e José Pereira, 2º secretário.

Fernando Romba, presidente da Assembleia Municipal, também usou da palavra, dizendo que nos próximos quatro anos, o PS vai manter um diálogo permanente com as populações e propôs um minuto de silêncio pelas vítimas dos incêndios florestais, que foi respeitado.

Ler e ouvir AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 08:52
Temos grandes expectativas.
Anónimo a 19 de Outubro de 2017 às 11:36
É um bom anfitrião... para quem ele gosta. Já começou o rol de cabeças dentro da câmara, e a entrada dos amigos. 4 já estão na câmara! Viva á arte de bem receber, viva o PS!
Anónimo a 20 de Outubro de 2017 às 17:49
Em 2009 Pulido Valente nomeou pessoas para o lugar dos que tinham sido nomeados por Francisco Santos, em 2013 João Rocha tirou essas pessoas e nomeou outras novas que sairam agora. Paulo Arsénio faz as nomeações políticas a que tem direito. Ou queriam que ele trabalhasse com o Manuel Reis,com o candidato da CDU a Aljustrel e com aquela senhora que veio de Almada para dirigir o Pax Julia?
Daqui a 4 anos se a CDU ganhar saem os que foram agora nomeados e entrarão os da sua confiança política.
Isto é assim nas câmaras, nos governos e até na presidência da República.
bejense a 20 de Outubro de 2017 às 21:25
E fez muito bem! Ia ficar com o Gabinete de JR ora, ora... Porque não ficou JR com o pessoal de Gabinete de JPV? Muito bem Paulo! Rodeia-te de pessoas da TUA confiança pessoal.
Anónimo a 21 de Outubro de 2017 às 02:06
Chama-se a isto a "dança das cadeiras", que na Proteção Civil deu no que deu agora com os últimos incêndios e a inexperiência de quem lá foi posto pela cessante Ministra da Administração Interna, sob o mesmo argumento da confiança política.
Ou seja tirou-se de lá a boyada do PSD/CDS, para se colocar a PS, sabendo-se depois que um desses "quadros competentes" foi demitido porque se veio-se a saber que nem o curso tinha tirado.

Até quando é que este país atrasado em que o servilismo e o compadrio são a sua imagem de marca e cada vez mais condição única para se subir na vidinha, resolve evoluir alguma coisa?
E colocar através de concursos os melhores, com formação e o melhor curriculum para o desempenho dessas funções públicas especificas. Separando de vez os lugares políticos para os políticos, e os técnicos para os técnicos, e estes últimos independentemente da suas opções politicas.
Anónimo a 21 de Outubro de 2017 às 09:30
As cabeleireiras que freneticamente rodeavam PA ja tem local de trabalho na CMB ?
anonimo a 20 de Outubro de 2017 às 21:43
maria a 20 de Outubro de 2017 às 21:48
Substituem as do jr!
Receoso a 20 de Outubro de 2017 às 22:04
Tanta língua venenosa... Não se mordam, senão morrem!
Anónimo a 20 de Outubro de 2017 às 22:17
As que rodeavam o PA eram todas giras. Agora as que rodeavam o jr meu deus, era cada uma... sai mais uma caixa de RENNIE para a rua da ancha
Jorge a 20 de Outubro de 2017 às 23:37
Continuam ressabiados e mesquinhos disparando em todas as direções. Não concebem que as pessoas se movam sem interesse! Por mais que tentem bloquear e sabotar será enorme a diferença ! Contra factos...
Anónimo a 21 de Outubro de 2017 às 12:16
A máquina está "montada" e o caminho será dificil .A estratégia é identificar e desactivar eficazmente as "minas" .
AmigoPublico a 21 de Outubro de 2017 às 12:30
Já o outro dizia o mesmo
a 23 de Outubro de 2017 às 22:02
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O Oliveira foi sacudido ainda antes das eleicoes.
Só espero que tem dinheiro para receber não veja i...
O acolhimento politico e pessoal do executivo às i...
Como foi possível proceder a um aumento salarial c...
O vereador que não fazia parte do CA da EMAS é que...
P'ra parceiros até que não se dão mal!
O novo executivo tomou posse há um mês, depara-se ...
Isso foi já com a máquina do alcatrão ou essa foi ...
Então o picado assume que usam a Emas para fazer r...
O vitor, se optasse pelo silêncio ganhava mais.
Estava tão bem que a dias das eleições ...
Então mas não estava tudo bem?
Por cá temos uma colecção de personagens que conse...
É a mesma pessoa! o eng.º José Velez ex-vereador d...
Excelente debate que já há bastante tempo se impun...
blogs SAPO