Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
02
Out 16

IMG_0968.JPG

Num tempo em que persisitem em apagar a Memória e as memórias do que foi o fascismo e a guerra colonial, a luta contra eles e as suas consequências, a Biblioteca Municipal de Beja acolheu a apresentação de dois interessantes livros que têm como objectivo comum salvaguardar essa Memória. 

Pedro Martins apresentou o seu livro "A inscrição dos Dias, cartas para Q.", com testemunhos reais das suas vivências na guerra colonial e António Louçã apresentou a biografia de Varela Gomes "Que outros triunfem onde nós fomos vencidos". 

Foi uma sessão intensa, que contou ainda com testemunhos ao vivo de Pezarat Correia, um dos participantes no assalto ao quartel de Beja e da filha do casal de Vila de Frades, onde se albergou Humberto Delgado, depois do falhanço da Revolta, que justificava a presença de responsáveis políticos locais, que têm a obrigação de preservar a Memória.

publicado por Zé LG às 00:38
Varela Gomes foi de facto uma personalidade ímpar na vida política deste país e que bem merece ser aqui recordado.
Se bem que nem todos os portugueses, antes pelo contrário, se revejam no seu pensamento político, sobretudo no período após o 25 de Abril de 1974.
No que diz respeito à sua ação durante a ditadura, aí parece que não será louvada apenas por muito poucos. Havendo que salientar a sua coragem nesses tempos difíceis que espera-se, não voltem mais.

Porém, e como atrás referi, imediatamente a seguir ao 25 de Abril de 1974, e exceto para os pouco mais de 15% dos atuais eleitores/votantes, a sua acção política já me parece ser tão consensual.
Pois Varela Gomes esteve na altura à frente da célebre e temida 5ª Divisão do EMGFA, ou seja na vanguarda militar do então PREC. De que ainda hoje não se conhece muito bem até onde formam e todo o rol das suas actividades e acções então praticadas.

Quanto a mim, embora lhe reconheça mérito e coragem, considero que apenas será um herói para uma certa esquerda, tal como por exemplo Paiva Couceiro o será para a direita e para os monárquicos.
E um como outro, heróis desfasados no tempo e nas ideias, e que apenas servem de exemplo e de ideal às suas respectivas minorias.
Pois, muito mal estaríamos nós todos, a esmagadora maioria dos cidadãos deste país, se alguma vez tivéssemos que levar com o modelo de sociedade de qualquer um destes dois sectores políticos da sociedade.
Não, tal como não quero a mandar no meu país de novo a nobreza e a realeza.
Também não quero que os burocratas do fisco andem a seu belo prazer a vistoriar as contas de quem ao longo da sua vida amealhou mais de 50.000 euros sem motivo algum que o justifique, como fuga ou fisco ou enriquecimento ilícito. Ou então que me criem mais impostos além aqueles muitos que já tenho que pagar religiosamente, como será o caso do Saque Mortágua, isto para pagar os dislates cometidos por políticos e banqueiros. Resumindo, não quero porque não confio num sistema politico em que o estado seja uma espécie de paizinho que tudo faz para proteger os seus filhotes, como defendia Varela Gomes.
Anónimo a 2 de Outubro de 2016 às 11:19
E como dizia um célebre poeta, "O canto nocturno nasce quando a memória sucumbe".

Um abraço,
PM
Pedro Martins a 3 de Outubro de 2016 às 09:26
Muito profundo. Sem dúvida.
Anónimo a 3 de Outubro de 2016 às 22:01
Outubro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
23
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O Oliveira foi sacudido ainda antes das eleicoes.
Só espero que tem dinheiro para receber não veja i...
O acolhimento politico e pessoal do executivo às i...
Como foi possível proceder a um aumento salarial c...
O vereador que não fazia parte do CA da EMAS é que...
P'ra parceiros até que não se dão mal!
O novo executivo tomou posse há um mês, depara-se ...
Isso foi já com a máquina do alcatrão ou essa foi ...
Então o picado assume que usam a Emas para fazer r...
O vitor, se optasse pelo silêncio ganhava mais.
Estava tão bem que a dias das eleições ...
Então mas não estava tudo bem?
Por cá temos uma colecção de personagens que conse...
É a mesma pessoa! o eng.º José Velez ex-vereador d...
Excelente debate que já há bastante tempo se impun...
blogs SAPO