Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
17
Mai 17

… olhe-se para a cidade e faça-se uma comparação, fale-se com os comerciantes da zona histórica, fale-se com as associações, fale-se com as empresas de Beja e perguntem se acham que vai tudo para as empresas do norte... O que conta é a resposta que as pessoas vão dar no dia das eleições, elas é que vão decidir se querem um presidente que embora seja rotulado de (porque não é) arrogante, antipático, mas que fez mais obra em 4 anos que os anteriores 8 anos, e não quer saber de cores políticas...

Comentário de Anónimo a 16 de Maio de 2017 às 09:36, AQUI.

publicado por Zé LG às 13:49
Adorei a parte (porque não é),,,,
Anónimo a 17 de Maio de 2017 às 14:07
O homem é rotulado de arrogante? Que injustiça. Perguntem aos trabalhadores da câmara, aos habitantes da cidade e das aldeias e a quem vem de fora reunir no gabinete dele. É só simpatia e cumprimentos a todos. Ficam rendidos com tanto charme.
Anónimo a 17 de Maio de 2017 às 15:15
Sim.Entre as desgraças deixemos estar a desgraça.
Anónimo a 17 de Maio de 2017 às 15:20
Só com muita má fé ou uma distração ainda maior se podia dizer uma coisa dessas. O Pulido Valente com metade do dinheiro fez mais obra que o João Rocha. Mas mais ainda... os projetos que o Rocha apresentou, a maioria já o Pulido os tinha apresentado para este mandato. Por isso, não só fez muito menos obra e obras que qualquer um dos executivos anteriores (Chico Santos e do Pulido) como planeou muito menos também.
Na EMAS então...
Petronela a 17 de Maio de 2017 às 15:37
A verdade é que a maioria dos comunistas de Beja, não queriam João Rocha como candidato novamente em Beja, mas tem que levar com esse charmoso...
viverBeja a 17 de Maio de 2017 às 20:59
Como é que sabe que foram a maioria? Você contou-os? Alguém fez algum inquérito? Eu sou independente, e conheço muitos independentes que votaram no João Rocha, e agora vão voltar a fazê-lo. Mas também não lhe sei dizer se é a maioria ou não, sei que são muitos...
Anónimo a 17 de Maio de 2017 às 23:38
Em tempo de eleições autárquicas muito se fala das personalidades dos presidentes de câmara. Mas isso é apenas um aspecto da questão. O mais importante órgão, em que as escolhas dos munícipes estão representadas, é a Assembleia Municipal. Ora, tem-se visto que o potencial valor político desse órgão autárquico é subestimado e reduzido a um mero papel ratificatório das decisões do executivo. Na nossa região as AAMM não têm tido papel de relevância nem iniciativa própria. Até as comissões específicas criadas com objetivos de acompanhamento e trabalho morrem sem deixar rasto.
Anónimo a 19 de Maio de 2017 às 09:24
No boletim mensal podia vir a informação das datas das assembleias municipais ou de freguesias, assim como nas páginas oficiais desses orgãos e se quisessem no facebook.
Seria mais uma forma de muitos saberem quando funcionavam e poderiam estar presentes, bem como a ordem de trabalhos.
Mas posso estar errado ou não?
antonio ze
antonio ze a 22 de Maio de 2017 às 01:11
Maio 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
29
30
31
Passaram por cá
"Contador de visitas">Contador de visitas
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
A misoginia assinalada num site atento e destinado...
Yeeeeees, boa notícia. O Paulo Barbosa, médico Int...
E a dondoca da associação dos empresários onde and...
Nota: Estes considerandos finais não visam ninguém...
Moura está no papo do PS.
Subida ou descida, tanto faz. Embora no caso, seja...
Não me digas que são "algumas mulheres" que influe...
Agora é altura de se falar tudo e é natural que as...
Até o Capoulas disse em público que o Pedro do Car...
As consequências estão à vista todos os dias e em ...
O mesmo acontece com a subida .Cada um sobe as esc...
A estratégia eleitoral definida em 2015 pela Feder...
Cada um (ou uma) desce as escadas como bem entende...
Não se percebe de forma alguma a sua atitude. Quem...
A questão não é se a população de Beja sabe o que ...
blogs SAPO