Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
28
Nov 16

Deve estar tudo doido! Quem é que de bom senso e no seu perfeito juízo pode estar de acordo com gastar milhares de euros em desfazer uma obra que tem tão pouco tempo (sem juízos de valor sobre a sua qualidade estética e funcional) para fazer outra que nem sequer se faz ideia do que poderá vir a ser (certamente que não será uma reconstituição fiel do que era porque não fará qualquer sentido que assim seja).

Praça epública Beja inícios XX_2blog.jpg

Das duas três (passe o trocadilho): ou a CMB tem tanta dinheiro que não sabe o que lhe há-de fazer, ou não tem visão nem estratégia para a cidade ou é incapaz de definir correctamente as prioridades.

Aponto só algumas das intervenções urbanas que deviam ser prioritárias:
- remodelação e requalificação do Flávio Santos, do mercado, das muralhas, da biblioteca, das piscinas descobertas, pista de atletismo, parque de campismo, do bairro do pelame
- requalificação e melhoria das acessibilidades e equipamentos dos parques industriais 1 e 2
- conclusão dos projectos do complexo desportivo Fernando Mamede
- renovação e requalificação dos paços do concelho
E outros ...que me dispenso de aqui os enumerar porque estes chegam para se perceber o disparate desta ideia de intervir na Praça da República para além de pequenas obras de requalificação decorrentes da necessária conservação e melhorias funcionais.

Beja à mercê a 27 de Novembro de 2016 às 13:56, AQUI.

publicado por Zé LG às 13:52
Qual é a parte que ainda não perceberam que o pavimento da Praça vai OBRIGATORIAMENTE ter de ser substituído, em virtude dos danos causados pelas obras em curso. E que assim sendo, tanto pode levar as atais lajes de mármore como outro tipo de pavimento. Até para ser só do contra é preciso ter uma nesga de inteligência.
Anónimo a 28 de Novembro de 2016 às 15:35
Mas que cabecinhas.... Não leram, não ouviram? Pesquisem! A ignorância tem solução (não há cá Fidei's).

Ninguém leu sobe ERU's e PERU's nos últimos tempos?

Pois, deveriam ter lido/ouvido... temos pena.

Saberiam (se lessem) que os apoios/fundos disponíveis para aos próximos anos apenas contemplam as Zonas Históricas.

NADA PARA: "- remodelação e requalificação do Flávio Santos, do mercado, das muralhas, da biblioteca, das piscinas descobertas, pista de atletismo, parque de campismo, do bairro do pelame
- requalificação e melhoria das acessibilidades e equipamentos dos parques industriais 1 e 2
- conclusão dos projectos do complexo desportivo Fernando Mamede
- renovação e requalificação dos paços do concelho" (fim de citação)

Dará para sermos sérios? ou continuamos na onda "geringoncional" dos últimos tempos?

PS - Não gosto, não votei, nem votarei no JR!
Anti tudo a 28 de Novembro de 2016 às 20:11
@ anti tudo
Mas afinal é reposição da antiga Pr da República ou é apenas a substituição do piso que a CMB incompetentemente deixou que fosse totalmente escavacado?
A sua ignorância aliada a um seguidismo bacoco é aflitiva.
Li sobre os PARU e PEDU tudo o que está disponível e não encontrei nenhuma das limitações nem nada do que refere.
Mesmo que assim fosse muito há a fazer de mais prioritário no CH do que gastar milhares de euros em remodelar a Praça da República
Beja à mercê a 28 de Novembro de 2016 às 21:34
Oh Beja á mercê,

Um belo PEDU merecias tu nas ventas! Achas que a praça está boa como está? Além de ter ficado uma bela porcaria quando a modificaram, agora tem as pedras todas partidas.
Anónimo a 28 de Novembro de 2016 às 22:22
Então se tem as pedras partidas o empreiteiro que as partiu para demolir o deposito que as pague não vamos é nos pagar para o JR forrar beja de pedra vinda de Serpa
Anónimo a 28 de Novembro de 2016 às 22:28
Você não bate mesmo bem. Certo?
Anónimo a 28 de Novembro de 2016 às 22:44
Quem é que não bate certo? Então não sabe que o João Rocha primeiro disse que o empreiteiro tinha de repor as lajes partidas e agora mudou de opinião só por eleitoralismo.
E também irá mudar as lajes da Rua Capitão João Francisco de Sousa que estão partidas por causa daquela boa m... de obra que encomendou a um arquitecto de Braga para desfazer o que um arquitecto da Câmara tinha feito? Já viram bem a porcaria que está ali a nascer? Uma vergonha. E a malta que diz defender o património vai ficar calada?
Anónimo a 28 de Novembro de 2016 às 23:17
LOL,JR no seu melhor.

deixem o homem escoar as pedras da 'sua' Pedreira situada em Ficalho.
o que mais me preocupa são os velhotes que mal dinheiro têm para medicamentos e não vejo apoio da camara. isso sim seria muito bem feito, mas não enche bolsos a ninguem
Anónimo a 1 de Dezembro de 2016 às 17:39
Novembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O Oliveira foi sacudido ainda antes das eleicoes.
Só espero que tem dinheiro para receber não veja i...
O acolhimento politico e pessoal do executivo às i...
Como foi possível proceder a um aumento salarial c...
O vereador que não fazia parte do CA da EMAS é que...
P'ra parceiros até que não se dão mal!
O novo executivo tomou posse há um mês, depara-se ...
Isso foi já com a máquina do alcatrão ou essa foi ...
Então o picado assume que usam a Emas para fazer r...
O vitor, se optasse pelo silêncio ganhava mais.
Estava tão bem que a dias das eleições ...
Então mas não estava tudo bem?
Por cá temos uma colecção de personagens que conse...
É a mesma pessoa! o eng.º José Velez ex-vereador d...
Excelente debate que já há bastante tempo se impun...
blogs SAPO