Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
17
Abr 17

140420171332-876-RuiRaposo.jpg

A Concelhia de Vidigueira da CDU anuncia Rui Raposo como candidato à Presidência da Câmara Municipal nas eleições autárquicas de 1 de outubro.

Rui Raposo, 38 anos, natural de Vidigueira, é Presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Vidigueira, foi Presidente da Direcção da Associação GAMA, é membro da Direcção da Associação Humanitária de Bombeiros de Vidigueira e é membro da Direcção da Guadiana Sub - Associação Ambiental de Desportos Aquáticos e Subaquáticos de Vidigueira. Tem frequência de Engenharia do Ambiente e é membro do PCP.

Numa nota enviada às redações, a Concelhia de Vidigueira da CDU frisa que “ao apostar num candidato jovem mas conhecedor da vida autárquica, afirma a sua vontade de renovar e enfrentar o futuro com audácia, firmes e seguros nas opções estratégicas que melhorem a qualidade de vida do concelho e em cada uma das suas freguesias, ao serviço de todos e com todos, para o desenvolvimento do concelho”.

Ler e ouvir AQUI e AQUI.

publicado por Zé LG às 08:54
Então a CDU vai ganhar novamente a Camara da Vidigueira?
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 18:52
Sem dúvida que sim.
Trata-se de uma excelente escolha, que pode unir todos os votantes da CDU sem exceções.
Ao contrario do que parecia que iria suceder.
É o PCP no seu melhor, e que não brinca em serviço.
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 20:16
Mas não existia uma facção do PCP -Vidigueira , chefiada pelo Presidente Narra , que pretendia que a actual nº 2 fosse candidata a nº 1 ?
Essa falsa unidade do PCP já foi chão que de uvas.
anonimo a 17 de Abril de 2017 às 20:38
Alguém disse o contrário?
O que se disse, é que o atual candidato, ao contrário da número 2, é a pessoa certa para conseguir unir o partido.
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 20:53
Lido nas redes sociais com autoria de Manuel David Masseno:

Não tenho dúvidas que a ação do atual Governo tem sido muito positiva, em termos globais. Porém, a respetiva atitude para com o Baixo-Alentejo tem ficado marcada pela negligência, para dizer o menos.
O que é incompreensível, e até chocante, ao ter sido o Círculo de Beja aquele onde os Partidos da Maioria Parlamentar obtiveram os melhores resultados em 2015, mais de 70%.
Também não se vêem resultados efetivos da ação do Pedro Do Carmo desde a AR, ao ponto de este ter precisado de dar uma prova de vida publicado um panfleto justificando-se, nem do Hélder Guerreiro junto da Ana Catarina Mendes.
Pelo que é necessário dar um sinal, muito forte, ao António Costa. De minha parte, não alcanço nenhum melhor que o de O PS NÃO TER LISTA PARA A CM DE BEJA ou, tendo-a, não ter votos. Pelo que o Paulo Arsénio prestaria um bom serviço, ao Concelho e à Região, retirando-se.

Nota: o ter a CM de Beja um Presidente "apagado", além de o Proto-Candidato do PSD/CDS também "não existir", ainda piora as coisas.
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 22:06
não existe qualquer coligação PSD com CDS.
O candidato PSD corre sozinho , embora o resultado seja idêntico a concorrer coligado pois é de uma negação total.
anonimo a 17 de Abril de 2017 às 22:12
Com comentários destes, como podem os socialistas ambicionar a alguma coisa de jeito? Se nem dentro da própria casa conseguem arranjar uma estratégia para ganhar a câmara...
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 22:26
Isto é que é a malta do PS no seu melhor, ou seja, perante a antevisão de uma derrota anunciada, como é hábito em ocasiões que tais, já há quem ande a saltar para fora do navio muito, mas mesmo muito antes, de ele ir ao fundo. Ou então, a dar tiros no seu casco de forma a ir ao fundo.
Força, Rocha. A eleição já está ganha.
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 22:53
O Paulo Arsénio com Camaradas destes no PS , nem precisa de inimigos.
anonimo a 21 de Abril de 2017 às 15:09
O PS de Beja sempre assim foi, e o que é de salientar é que não muda e nem aprende nada com o seu passado.
Paulo Arsénio, está feito ao bife. E mesmo antes de se grelhado, já está a ser comido por todos os lados.
Força João Rocha.
Anónimo a 22 de Abril de 2017 às 10:58
Era altura do ps mudar e se libertar do passado e de quem o aprisionou. O ps não é isto, porque será que é assim em beja. Quem tem culpa disso e não permite mudar e se afunda nele e com ele.?
Anónimo a 22 de Abril de 2017 às 11:49
Todos sabem que o Paulo Arsenio vai perder, agora digam lá qual a vantagem disto, digam porra....levar mais não sei quantos anos a aturar comunas quando estava tudo bom para correr com eles ....uma bela porcaria
Anónimo a 22 de Abril de 2017 às 11:55
Grande escolha, sim senhor! Muito bom rapaz, jovem, e com conhecimentos da autarquia pela sua experiência adquirida. Cheira-me á maior vitória de sempre na Vidigueira.
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 22:20
Grande candidato, mais do que uma opção partidária (acertada por acaso) é um candidato promissor para o futuro do concelho e das suas gentes. Paciência, coragem e resistência, pode ser que me engane, mas vai precisar de muita...
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 22:38
Só o Espinho poderá inverter o que está para vir! 😂😂😂😂😂😂
Anónimo a 17 de Abril de 2017 às 23:25
Este Blog não devia permitir comentários anónimos para eviar cair-se na má educação e na brejeirice política.
Foi feito um comentário pouco favorável à minha pessoa como homem e como cidadão, dizendo que eu seria uma nulidade total. Até admitiria que me classificasse como uma nulidade política e nem sequer comentaria mas assim terei que chamar mal educado ao interveniente.
GUIDO PIRES a 18 de Abril de 2017 às 17:59
Esse comentário não era para si mas para o seu colega de Beja, Pinela Fernandes, uma nulidade política total.
Anónimo a 18 de Abril de 2017 às 19:23
Todos os Candidatos e todas as forças políticas envolvidas nas próximas Eleições Autárquicas do Concelho de Vidigueira merecem o meu maior respeito pessoal e não consigo entender que em 2017 ainda se consiga ser tão redutor a analisar a situação política do Concelho e da Região Alentejo. Algumas batalhas narradas nos livros de história mostram claramente que pode existir um erro de palmatória ao fazer a contagem de espingardas apenas pelo seu número absoluto, esquecendo-se que o desgaste das tropas também conta, sobretudo se a guerra já for longa e as vitórias anteriores não tenham sido mais do que vitórias para as forças intervenientes com parcos resultados para retirar a região deste marasmo sufocante...Só tem servido para a bandeirinha tremular...
GUIDO PIRES a 18 de Abril de 2017 às 18:11
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Sempre se vai lutando e fazendo alguma coisa, cara...
Vamos vendo e assistindo .As vezes podem ,querem o...
Não sejamos injustos. Os profissionais que lá trab...
E aí de nós se precisamos de cair na Urgencia! Pod...
Então agora sigam o ditado...
Quem se dispunha foi afastado.
O pior ê que não se vê quem queira,começando pelo...
Mais vale quem quer do que quem pode.
E não tenha dúvidas que os braços caídos são mais ...
Só na cabeça de quem já desistiu!
Ainda tem dúvidas? No hospital já muitos sabem iss...
Uma causa perdida?
Morte muitas vezes aqui anunciada.Depois de “porta...
Eles não estão lá para dar essas respostas.
Sim. Os seguros pagam e os médicos da Urgencia tam...
blogs SAPO