Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
07
Nov 17

280920152020-123-475551.png

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, anunciou, no debate do Orçamento do Estado para 2018, que vai dar prioridade à aquisição do material circulante para as linhas do Alentejo, Oeste e Douro, o que vai permitir garantir a ligação direta Beja/Lisboa já em 2018.

Este novo material circulante, bi-modo, permite fazer a viagem, diretamente, de Beja para Lisboa, sem eletrificação da linha, evitando assim, as paragens em Casa Branca, a que as pessoas que fazem este trajeto têm estado sujeitas, desde 2011.

Recorde-se que a eletrificação da linha ferroviária Beja/Casa Branca não está contemplada no Plano Ferrovia 2020, porque tinha que ser concretizada através do Orçamento do Estado, segundo o ministro Pedro Marques.

 

Já se conseguiu alguma coisa. É preciso continuar a luta pela concretização desta promessa e pela modernização da linha. Beja e o Baixo Alentejo merecem mais.

Este domingo, DIA 12, REALIZA-SE UMA REUNIÃO MAGNA DO BEJA MERECE+, NO PAX JULIA – Teatro Municipal, para analisar a situação e tomar novas medidas em defesa da região.

publicado por Zé LG às 08:49
05
Nov 17

578px_d1a315097064562248b56c.png

 

publicado por Zé LG às 21:00
04
Nov 17

"...

Quais das alternativa é que consideraria que seria mais vantajosa para o país ao longo prazo?

A) O governo gasta algum dinheiro (não muito comparado com outros projectos em outras partes do país) para eletrificar a linha de comboio e terminar a auto-estrada para depois o país beneficiar, ao longo de largos anos,de todo o potential florescimento económico que daí verá com mais exportações, em especial agrícolas e agro-industriais e potencialmente outros tipos de indústria também, como indústrias ligadas à aeronáutica.
B) O governo continua a fazer o que tem feito até agora, o distrito de Beja morre, aldeias e vilas desaparecem do mapa, e Beja torna-se numa simples vila de 8000 habitantes com um enorme deserto à sua volta. Perde-se todo o potential agrícola e económico e perde-se ainda toda uma cultura e uma região líndissima em termos de património.
Qual das opções lhe parece melhor, para os bejenses e para Portugal? E até para o próprio governo. Embora o governo obviamente já escolheu a sua opção há muito tempo.

..." 

Trecho do comentário de Eu a 3 de Novembro de 2017 às 00:49, AQUI.

publicado por Zé LG às 10:22
03
Nov 17

DA.jpg

publicado por Zé LG às 10:14
tags: , ,
01
Nov 17

Jorge-Rosa.jpg

O presidente da Câmara de Mértola foi eleito, ontem, presidente do Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo- CIMBAL.

Jorge Rosa foi escolhido pelos 13 presidentes dos municípios da região que integram a CIMBAL. Paulo Arsénio, presidente da Câmara de Beja, eleito pelo PS e Tomé Pires, presidente da Câmara de Serpa, eleito pela CDU, são os vogais do Conselho Intermunicipal.

A eleição do autarca de Mértola “quebra” uma regra que previa que fosse o presidente da Câmara de Beja a presidir o Conselho Intermunicipal.

A escolha do novo secretariado foi adiada.

Depois das eleições autárquicas de 1 de Outubro, o PS conseguiu maioria na CIMBAL com nove municípios, contra quatro da CDU.

publicado por Zé LG às 10:01
01
Nov 17

publicado por Zé LG às 00:50
31
Out 17

Capoulas-1060x594.jpg

Não é por ter sido o anterior governo a suspender a construção dos IP’s (ou autoestradas) 2 e 8 que este não a retoma e os mantém afunilados a 30 ou 40 kms de Beja.

Não é por ter sido construído o Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva que agora o Estado não investe mais no Baixo Alentejo. Alqueva foi construído onde foi porque é aqui que existem as condições para tal, tal como o Porto de Sines foi construído em Sines e não em Elvas… E, como sabemos, esses são projectos nacionais e não apenas locais ou regionais.

Não é por ir ser feita a ligação ferroviária de Sines ao Caia (e porque não mais a Sul?) que não se arranja a ligação de Casa Branca a Beja ou, pelo menos, se põem a circular comboios com um mínimo de condições.

publicado por Zé LG às 18:03
30
Out 17

210720171649-409-CatarinaMartins.jpg

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE) esteve de visita a uma exploração, situada perto de Beja, onde uma empresa espanhola terá destruído uma ponte romana e quase duas dezenas de sítios arqueológicos assinalados no Plano Director Municipal para plantar 3 mil hectares de amendoal.
A líder do BE falou do Alqueva e da necessidade da água para “haver agricultura, emprego, desenvolvimento”, acrescentando que “o que estamos a assistir é que o terreno está todo a ser ocupado, nomeadamente o melhor terreno agrícola, por culturas intensivas”, que “não criam emprego propriamente na região, ... e têm tido danos a vários níveis, ambientais desde logo”.
Catarina Martins não tem dúvidas “que é preciso novas regras para o ordenamento dos nossos recursos hídricos, porque Portugal precisa de água, tem de a proteger, tem de a saber usar”.

publicado por Zé LG às 08:48
29
Out 17

21150313_1919361908090793_8228194591321293404_n.jp

A Coordenadora do Bloco de Esquerda participa na Assembleia Distrital do seu partido, que se realiza hoje, às 15h00, na Casa da Cultura de Beja, para tratar do balanço das eleições autárquicas e da Situação política: OE para 2018; incêndios; saúde; educação; combate às agressões ambientais (e não só) das monoculturas;  greve na Somincor; plenário de imigrantes na Zambujeira.

A chegada de Catarina Martins está prevista para o meio-dia (12h00), com paragem na reta Beringel-Beja (junto à Diabrória) para denunciar a destruição de sítios arqueológicos numa área de 3000 hectares para plantação de amendoal pela empresa espanhola De Prado, seguindo-se um almoço no restaurante Luís da Rocha às 13h00.

publicado por Zé LG às 09:27
29
Out 17

578px_9c5c150911915325733449.png

A EMAS de Beja foi distinguida com o Selo de Qualidade exemplar de água para consumo humano, uma distinção relativa à prestação dos serviços de abastecimento público de água. A atribuição da entrega dos “Selos de Qualidade” irá decorrer no dia 8 de novembro, durante a 12.ª Expo Conferência da Água, que se realiza em Lisboa.
In: B NEWSLETTER | 27 de outubro de 2017 | Câmara Municipal de Beja

publicado por Zé LG às 00:33
28
Out 17

015.JPG

publicado por Zé LG às 17:55
27
Out 17

DA.jpg

CA.jpg

publicado por Zé LG às 10:41
tags: , ,
26
Out 17

Vozes do Cante.jpg

publicado por Zé LG às 21:30
26
Out 17

Paulo-Arsénio-2.jpg

O presidente da Câmara de Beja considera que “o mais urgente neste momento é corrigir a questão do transporte de passageiros entre Beja e Casa Branca”.

Lembrando que a linha “não será electrificada nos meses mais próximos”, pois tal não está previsto pelo Governo, Paulo Arsénio considera que, para melhorar o serviço, é necessário “substituir o material circulante”, frisando que “Não podemos continuar a permitir que as pessoas do baixo Alentejo, de Beja, de Alvito e de Cuba e das estações servidas por esta linha sejam tratadas da forma como estão a ser tratadas”.

O presidente da Câmara de Beja assegurou que vai exigir junto do Governo a electrificação da linha ferroviária até Beja e defendeu que, até que a linha seja electrificada, sejam colocados novos comboios a circular na linha.

Recorde-se que o Gabinete de Comunicação da CP reconhece que a supressão de horários, a substituição do comboio por autocarros e os atrasos constantes devem-se ao facto, do trajeto Beja/Casa Branca/Beja não estar eletrificado, situação que obriga, segundo este organismo, à utilização de material circulante obsoleto, ou seja de automotoras a diesel com mais de 50 anos. O Gabinete de Comunicação da CP deixou claro, igualmente, que por tudo isto é impossível evitar supressão de horários e atrasos na circulação de comboios.

publicado por Zé LG às 12:47
26
Out 17

251020171729-512-DSC_0575.JPG

Já foram escolhidos os vereadores a tempo inteiro e fixadas as suas funções. Já foi nomeado, também, o vice-presidente da autarquia bejense.

Paulo Arsénio designou o vereador Luís Miranda, como vice-presidente da Câmara de Beja, a quem, para além de outras funções que lhe sejam atribuídas, cabe substituir o presidente da autarquia bejense, nas suas faltas, férias e impedimentos.

Relativamente aos novos elementos de administração da empresa municipal, EMAS – Empresa Municipal de Água e Saneamento de Beja, foi nomeado para presidente Luís Miranda, para administrador executivo, Rui Marreiros e para administradora não executiva, Helena Barbosa.

No que se refere à Alentejo XXI, associação de direito privado, a representação no Conselho Administrativo recai sobre a vereadora Marisa Saturnino.

publicado por Zé LG às 08:44
25
Out 17

NOVO 1_ciclo-1-actor-1musico.png

publicado por Zé LG às 21:30
25
Out 17

CONVERSAS.jpg

publicado por Zé LG às 13:52
25
Out 17

150520171833-151-JooPauloTrindade.jpg

Foi publicado, em Diário da República, o despacho de homologação da eleição do presidente do Instituto Politécnico de Beja (IPBeja), João Paulo Trindade. Com esta publicação são afastadas as alegadas irregularidades imputadas, em recurso, ao processo eleitoral que deu a vitória ao docente do IPBeja João Paulo Trindade, que substitui, no cargo, Vito Carioca.

Recorde-se que João Paulo Trindade é professor adjunto e diretor da Escola Superior de Tecnologia e Gestão, do IPBeja e viu a sua candidatura escolhida, entre as duas apresentadas, a outra foi a de um docente da Universidade de Évora, com 18 votos a favor e 3 abstenções, em maio deste ano.

Alvitense sucede a alvitense.

publicado por Zé LG às 12:48
25
Out 17

151120152319-777-CMBeja.jpg

Realiza-se hoje, dia 25, pelas 15.00 horas, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a primeira reunião da Câmara Municipal de Beja, recém-eleita para o mandato 2017-2021.

Da ordem de trabalhos agendada destacamos: “Proposta de aprovação do Regimento da Câmara Municipal de Beja para o mandato de 2017-2021”; “Delegação de competências da Câmara no presidente e subdelegação do presidente da Câmara nos vereadores em permanência de funções”; “Delegação de competências da Câmara Municipal no respetivo presidente, no âmbito do Regime Jurídico da Urbanização e da Edificação”; “Proposta do presidente à Câmara Municipal para a escolha de vereador a tempo inteiro”; “Designação do vice-presidente”; “Distribuição de funções por pelouro, nos vereadores”; “Constituição do Conselho de Administração da Empresa Municipal de Água e Saneamento de Beja (EMAS); “Indicação de elemento para a Alentejo XXI – Associação de Desenvolvimento Integrado do Meio Rural” e “Nomeação de funcionários para secretariar as reuniões da Câmara Municipal e sessões da Assembleia Municipal”.

publicado por Zé LG às 08:46
25
Out 17

Li no Facebook: "E de repente... eis que faleceram os blogs da cidade :( Paz à sua alma. Com tanto para publicar...", o que já mereceu uma série de comentários sobre "vaga de nomeações externas para a Câmara, a automotora que desapareceu, as obras na cidade que pararam...", como pequena síntese da actividade do Executivo Camarário, que tomou posse há uma semana!!!...

Comecei a escrever este alvitre para comentar aqueles escritos... mas não, acho que disseram tudo.

publicado por Zé LG às 00:05
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
É a mesma pessoa! o eng.º José Velez ex-vereador d...
Excelente debate que já há bastante tempo se impun...
Por muitos ilustres que cite não apaga a força do ...
Expus os meus argumentos com a mesma honestidade q...
Para começar, ter preferências é um luxo que todos...
Já vi que tem preferência pelo consumo de azeite d...
O que o PCP pretende no desenvolvimento agricola d...
Não, não sou a favor desse tipo de culturas.O que ...
Caro anónimo, não sei se é adepto deste tipo de cu...
Não precisa do futuro para estar enganado, já o es...
Estas reivindicações do PCP não são novas, são ali...
Só que nada fizeram até agora e que o engenheiro d...
ETAR de Vales Mortos: https://www.publico.pt/2017/...
qual situação?
A situação da "ETAR" de Vale de Vargo não é notíci...
blogs SAPO