Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
06
Nov 17

031120171013-542-EDIAagricultura.jpg

Durante esta primeira quinzena de Novembro, realiza-se um conjunto de sessões para apresentação do Modelo Participativo dos Perímetros de Rega de Alqueva aos agricultores dos perímetros de rega geridos pela EDIA.

No total foram convocados cerca de 6 mil agricultores abrangidos por estas infraestruturas. As sessões estão abertas a todos os agricultores e proprietários, e pretendem abordar, para além das informações gerais de apoio ao agricultor, também a avaliação de satisfação do serviço prestado pela EDIA e o novo tarifário da água.
A primeira sessão, realiza-se, hoje, às 11.00 horas, no auditório da EDIA, em Beja, à tarde, às 15.00 horas, em Ferreira do Alentejo.

Estas sessões surgem numa altura em que a campanha de rega se aproxima do fim, sendo possível desta forma fazer um balanço do serviço prestado aos agricultores.

publicado por Zé LG às 08:45
06
Nov 17

201711031222261.jpg

Os trabalhadores da Somincor, empresa concessionária da mina de Neves-Corvo, no concelho de Castro Verde, iniciam às 6h00 desta segunda-feira, 6 de Novembro, uma nova greve de cinco dias.
A paralisação vai prolongar-se até ao dia 11 de Novembro e segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Mineira (STIM) tem por base o facto de a administração da empresa não dar resposta às revindicações dos trabalhadores.
Segundo o STIM, as greves servem para os trabalhadores reivindicarem o fim do regime de laboração contínua no fundo da mina, a "humanização" dos horários de trabalho, a antecipação da idade da reforma para os funcionários das lavarias, a progressão nas carreiras, a revogação das alterações unilaterais na política de prémios e o "fim da pressão e da repressão sobre os trabalhadores".

publicado por Zé LG às 00:13
05
Nov 17

Continuam as ondas de choque sobre o lamentável programa da passada segunda-feira. O Alentejo não saiu lá muito bem na chapa, como é costume dizer-se. Aqui vão algumas notas diversas sobre o que me vai na alma, podendo ter razão ou não:

 

* O fundo da questão não reside num jogo Évora vs. Beja, os que se aproveitam de um lado, os que são prejudicados do outro;

* As intervenções primaram pela falta de clareza e pela falta de concisão, uma velha pecha lusitana, nós que tanto amamos o floreado e o barroco;

* Não percebo o que tanto divertiu o senhor ministro, que riu o tempo todo;

* Não percebo o que lá foi fazer o representante de um movimento qualquer, Melhor Alentejo ou algo assim, que se limitou a alinhavar um chorrilho de banalidades;

* Não percebo o que lá foi fazer outro senhor que acabou a tentar cantar qualquer coisa;

* O Presidente da EDIA devia ter tido tempo para explicar coisas importantes;

* Alguém devia explicar ao Dr. José Roquette que o sul da Europa é diferente do norte da Europa;

* Não percebo porque é que deram a palavra a um promotor de gin que foi dizer que Reguengos é diferente (claro, se fosse igual é que seria espantoso) e não permitiram que o Presidente da CCDRA, um homem decente e de grande qualidade, dissesse uma só palavra;

* Há geógrafos que, em poucas palavras, poderiam ter explicado o porquê das coisas;

* Há quem pudesse ter explicado que o triste episódio da automotora não é um detalhe mas o reflexo da realidade que vivemos;

* A penosa e subserviente intervenção do Presidente da Câmara de Beja é o espelho de uma certa política local...

 

Quem falou melhor? Um senhor chamado Carpinteiro Albino. Falou muito bem. Em poucas palavras, disse o essencial e pôs a nu as terríveis debilidades e limitações da nossa administração. E a estupidez de tanta e tanta legislação. Sei do que falo! E ele mais ainda que eu!

 

Publicada por Santiago Macias à(s) 22:28, no seu Avenida da Salúquia 34.

publicado por Zé LG às 15:54
05
Nov 17

Primeira Rota de Touring Cultural no nosso país, a Rota do Fresco agrega 15 municípios alentejanos: Alvito, Cuba, Vidigueira, Viana do Alentejo, Portel, Évora, Montemor-o-Novo, Borba, Vila Viçosa, Alandroal, Serpa, Moura, Castro Verde, Aljustrel e Beja.

600px_e59f75497d2907732431.png

A Rota do Fresco propõe a descoberta do tesouro escondido do Alentejo — a Pintura Mural a Fresco — que se guarda, por razões muito concretas e directamente relacionadas com o desenvolvimento deste território — na maior parte das igrejas, capelas e ermidas da região. A Rota do Fresco é assim uma oportunidade única de transpor estas portas, usualmente fechadas, e desvendar pinturas com 500 anos de existência, preservadas, por vezes, sem mácula, em monumentos esquecidos.

As Rotas têm duração variada (de 1/2 dia a 4 dias) e destinam-se a grupos. Poderá ainda aventurar-se num Atelier de Pintura Mural a Fresco sazonal ou num Atelier de Caiação. Todas as Rotas são acompanhadas por um Intérprete do Património, licenciado em História ou História da Arte e formado especialmente em pintura mural e cultura alentejana.

FOTOGRAFIA DO MÊS da Rota do Fresco - Ermida de S. Sebastião, Alvito

publicado por Zé LG às 10:17
04
Nov 17

gisnasta cv.jpg

A jovem Cristina Rakasi, atleta do FC Castrense, conquistou a medalha de bronze durante a Taça da Europa de Patinagem Artística, que está a decorrer desde terça-feira, na cidade de Tomar. A atleta de 12 anos estava ao serviço da Selecção Nacional e garantiu a terceira posição na prova de Patinagem Livre no escalão de Iniciados Femininos.

publicado por Zé LG às 16:04
04
Nov 17

"...

Quais das alternativa é que consideraria que seria mais vantajosa para o país ao longo prazo?

A) O governo gasta algum dinheiro (não muito comparado com outros projectos em outras partes do país) para eletrificar a linha de comboio e terminar a auto-estrada para depois o país beneficiar, ao longo de largos anos,de todo o potential florescimento económico que daí verá com mais exportações, em especial agrícolas e agro-industriais e potencialmente outros tipos de indústria também, como indústrias ligadas à aeronáutica.
B) O governo continua a fazer o que tem feito até agora, o distrito de Beja morre, aldeias e vilas desaparecem do mapa, e Beja torna-se numa simples vila de 8000 habitantes com um enorme deserto à sua volta. Perde-se todo o potential agrícola e económico e perde-se ainda toda uma cultura e uma região líndissima em termos de património.
Qual das opções lhe parece melhor, para os bejenses e para Portugal? E até para o próprio governo. Embora o governo obviamente já escolheu a sua opção há muito tempo.

..." 

Trecho do comentário de Eu a 3 de Novembro de 2017 às 00:49, AQUI.

publicado por Zé LG às 10:22
04
Nov 17

Ricardo Pinheiro.jpg

O presidente da Câmara Municipal de Campo Maior, Ricardo Pinheiro (PS), foi eleito, esta terça feira, presidente da Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA).

O socialista, que tem pela frente um mandato de quatro anos, encabeçava a única lista apresentada que foi votada por unanimidade.

O Conselho Intermunicipal da CIMAA, presidido por Ricardo Pinheiro, tem como vice-presidentes, Rogério Silva (PSD), presidente da Câmara de Fronteira e Gonçalo Lagem (CDU), presidente da Câmara de Monforte.

publicado por Zé LG às 00:21
03
Nov 17

22885884_1578026962259077_5739418698613663780_n.jp

Ver PROGRAMA.

publicado por Zé LG às 13:51
03
Nov 17

DA.jpg

publicado por Zé LG às 10:14
tags: , ,
03
Nov 17

logo-ps_17-copia.jpg

A edição de 2017 do Encontro Transfronteiriço de Profissionais de Museus realiza-se nos dias 3 e 4 de novembro, em Mértola. O programa do Encontro conta com a intervenção de instituições/investigadores que têm vindo a desenvolver propostas e atividades acessíveis e com a visita aos núcleos museológicos do Museu de Mértola e à Mina de S. Domingos. O Encontro contará também com a colaboração do Campo Arqueológico de Mértola que apresentará o projeto LIMUS e dará continuidade ao Ciclo Conversas com …, neste caso com a Doutora Susana Gómez Martinez sobre a Casa Islâmica.

O Encontro Transfronteiriço de Museus (ETPM) realiza-se desde 2012, organizado pela Associación de Museólogos y Museógrafos de Andalucía (AMMA) e pela Associação Portuguesa de Museologia (APOM), e mais recentemente com a colaboração da Acesso Cultura, com o objetivo de apresentar projetos, trocar experiências e fornecer pontos de vista sobre o acesso à cultura e introduzir Tecnologia de Informação e Comunicação como fator chave para o desenvolvimento social e cultural das pessoas com deficiência com um elevado risco de exclusão. O projeto comemora anos de trabalho e pretende na edição de 2017 mostrar projetos e experiências do ponto de vista do público e dos usuários com necessidades especiais.

Programa, informações e inscrições em http://etpmuseos.com

publicado por Zé LG às 00:17
02
Nov 17

cm portalegre.jpg

O CLIP assinou um “acordo tripartido” com a CDU e o PSD para conseguir estabilidade governativa, dado não ter maioria absoluta, quer na Câmara, quer na Assembleia Municipal Portalegre.

O acordo foi subscrito pelos três eleitos do CLIP para a Câmara de Portalegre, Adelaide Teixeira, Nuno Lacão e João Cardoso, e pelos eleitos da CDU, Luís Pargana, e do PSD, Armando Varela, e estabelece a atribuição de mandatos de vereação a tempo inteiro, com a atribuição de pelouros a todos os signatários.

publicado por Zé LG às 22:55
02
Nov 17

AljustrelEnergia.jpg

Aljustrel tem em curso o Plano Integral de Reconversão de Iluminação Pública para LED. O município assume-se como o primeiro a sul do país a avançar com a reconversão total.

O Secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches, que esteve na assinatura dos contractos que permitem a reconversão de luminárias com tecnologia convencional por tecnologia LED, no concelho de Aljustrel, considerou que o país “tem um potencial extraordinário na energia renovável” e afirmou que “ter medidas de eficiência energética e os municípios a liderá-las (…) é em excelente exemplo”.

O Governante lembrou que “há um conjunto significativo de medidas, quer a nível de apoios comunitários, quer ao nível de apoios do Ministério da Economia para ajudar as famílias e as empresas a fazerem melhor eficiência energética e a poupar energia”.

publicado por Zé LG às 13:48
02
Nov 17

170420141648-890-PORCOEMMONTADO.jpg

Marcelo Guerreiro, presidente da Câmara Municipal de Ourique, afirma que a criação da cooperativa (PACOOP-Cooperativa do Porco Alentejano ) é mais um passo para a afirmação de Ourique como capital do Porco Alentejano.

A autarquia de Ourique, recorda que “a aposta na fileira do porco alentejano tem sido uma realidade fundamental para a economia local e para a afirmação de Ourique como Capital do Porco Alentejano” e que “no quadro de consolidação desta opção estratégica, o Município e a ACPA-Associação de Criadores do Porco Alentejano têm trabalhado para consolidar a estratégia, ampliar a fileira e lançar sementes para um futuro melhor, mais sólido e com novas oportunidades para o sector e para o mundo rural”.

publicado por Zé LG às 12:43
02
Nov 17

Há muitos grandes investimentos em curso no Alentejo.

Uns são resultado da iniciativa privada, outros da responsabilidade do Estado e outros, ainda, de parcerias público-privado.

Uns são completamente nacionais, outros completamente estrangeiros e outros, ainda, integram as duas componentes.

Alguns já estão a ser concretizados no terreno, outros estão em projecto, em diferentes fases, e outros ainda estão em fase de pré-projecto.

Os PIN’s – Projectos de interesse Nacional, a revisão de PDM’s e de outros planos de ordenamento têm facilitado o aparecimento e aprovação de muitos desses projectos.

Muitos outros projectos poderiam já estar no terreno não fora o atraso, de mais de um ano, registado na entrada em funcionamento pleno do QREN e do Programa Operacional do Alentejo e na consequente aprovação de financiamentos.

Entretanto, se apreciarmos bem como esses investimentos são implantados no terreno e, depois, como são ou vão ser explorados concluiremos que as consequências para a dinamização da economia local, mas, principalmente, para a criação de emprego e uma maior justiça social na região não são tão significativas como se poderia esperar.

 

 

publicado por Zé LG às 00:13
01
Nov 17

014.JPG

publicado por Zé LG às 22:10
01
Nov 17

Jorge-Rosa.jpg

O presidente da Câmara de Mértola foi eleito, ontem, presidente do Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo- CIMBAL.

Jorge Rosa foi escolhido pelos 13 presidentes dos municípios da região que integram a CIMBAL. Paulo Arsénio, presidente da Câmara de Beja, eleito pelo PS e Tomé Pires, presidente da Câmara de Serpa, eleito pela CDU, são os vogais do Conselho Intermunicipal.

A eleição do autarca de Mértola “quebra” uma regra que previa que fosse o presidente da Câmara de Beja a presidir o Conselho Intermunicipal.

A escolha do novo secretariado foi adiada.

Depois das eleições autárquicas de 1 de Outubro, o PS conseguiu maioria na CIMBAL com nove municípios, contra quatro da CDU.

publicado por Zé LG às 10:01
31
Out 17

Capoulas-1060x594.jpg

Não é por ter sido o anterior governo a suspender a construção dos IP’s (ou autoestradas) 2 e 8 que este não a retoma e os mantém afunilados a 30 ou 40 kms de Beja.

Não é por ter sido construído o Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva que agora o Estado não investe mais no Baixo Alentejo. Alqueva foi construído onde foi porque é aqui que existem as condições para tal, tal como o Porto de Sines foi construído em Sines e não em Elvas… E, como sabemos, esses são projectos nacionais e não apenas locais ou regionais.

Não é por ir ser feita a ligação ferroviária de Sines ao Caia (e porque não mais a Sul?) que não se arranja a ligação de Casa Branca a Beja ou, pelo menos, se põem a circular comboios com um mínimo de condições.

publicado por Zé LG às 18:03
31
Out 17

logo.png

A empresa Águas Públicas do Alentejo (APdA) adjudicou uma empreitada no valor de 2,6 milhões de euros com o objectivo de reforçar o abastecimento de água aos concelhos de Barrancos, Mértola, Moura e Serpa.

Esta empreitada, com um prazo de execução de 450 dias, é financiada a 85% pelo POSEUR-Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos e vai reforçar a continuidade do serviço de abastecimento de água ao concelho de Serpa, estender o abastecimento a partir da ETA do Enxoé aos concelhos de Moura e de Barrancos e ainda reforçar a adução de água a Mértola.
A ligação à ETA do Enxoé, para além de assegurar o abastecimento de água em quantidade aos quatro municípios alentejanos, vai também permitir melhorar a qualidade da água distribuída às populações que são actualmente servidas por captações subterrâneas, pouco produtivas e com problemas de qualidade.

publicado por Zé LG às 12:48
31
Out 17

O programa Prós e Contras da RTP1, realizou-se, ontem à noite, em Reguengos de Monsaraz, em torno das questões da (falta de) água, despovoamento, desertificação e esquecimento do Alentejo, em particular, e do Interior, em geral. 

A moderadora Fátima de Campos Ferreira, revelou a sua habitual falta de capacidade de moderação, ao intervir excessivamente e ao cortar frequentemente a palavra aos intervenientes, não lhes permitindo concluir o que estão a dizer. Alguns dos intervenientes também não ajudaram, falando pelos cotovelos e revelando dificuldades em falar nas coisas concretas. Deu demasiado tempo de antena ao ministro da Agricultura, chegando a parecer um debate na AR sobre o estado da Nação...

Os representantes do movimento Beja Merece + estiveram bem, conseguindo mostrar ao país como Beja tem estado a ser votada ao ostracismo pelo poder central, designadamente através da não concretização ou conclusão das acessibilidades essenciais ao desenvolvimento e as tentativas que têm vindo a ser desenvolvidas para acabar com a ligação ferroviária a Lisboa. O presidente da Câmara de Beja foi pouco veemente no apoio aquelas posições do Movimento, optando mais por transmitir uma visão optimista do futuro da região.

Apesar de tudo, parece-me que resultou clara a necessidade de uma melhor gestão da água, um maior investimento no Interior, de forma a combater o despovoamento e a desertificação e a fixar as populações, e de melhorar as acessibilades a Beja.

 

publicado por Zé LG às 08:42
29
Out 17

andaremfrente.jpg

publicado por Zé LG às 21:00
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
É a mesma pessoa! o eng.º José Velez ex-vereador d...
Excelente debate que já há bastante tempo se impun...
Por muitos ilustres que cite não apaga a força do ...
Expus os meus argumentos com a mesma honestidade q...
Para começar, ter preferências é um luxo que todos...
Já vi que tem preferência pelo consumo de azeite d...
O que o PCP pretende no desenvolvimento agricola d...
Não, não sou a favor desse tipo de culturas.O que ...
Caro anónimo, não sei se é adepto deste tipo de cu...
Não precisa do futuro para estar enganado, já o es...
Estas reivindicações do PCP não são novas, são ali...
Só que nada fizeram até agora e que o engenheiro d...
ETAR de Vales Mortos: https://www.publico.pt/2017/...
qual situação?
A situação da "ETAR" de Vale de Vargo não é notíci...
blogs SAPO