Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
22
Fev 09

publicado por Zé LG às 23:57
Preciso urgentemente de trabalho, não emprego.
- Quando é que a Câmara começa a dispensar aqueles que não dão valor ao que têm?
- Lamentam-se, choram ... porque não têm atenção devida.
- Mas não se lamentam de :
> receber a tempo e horas,
> beberem cafezinhos à borla,
> fumarem cigarrinhos na hora de trabalho,
> aguainhas à borla,
> comprinhas no mercado na hora se serviço,
> idas ao cabelereira na hora de serviço,
> peqenos almoços às 10h quando entraram às 9.15h,
> ... tanta comodidade ... precisam de mais motivação, oui eu no Américo, motivação???? E onde está o brio profissional?

- Deviam trabalhar uma semana na tycos

A minha questão, tem que ser o MS para os por na linha, não conseguem sozinhos dar valor ao que têm? Nem imaginam como vos invejo.

Preciso urgentemente de trabalho, não emprego.
Desempregado a 23 de Fevereiro de 2009 às 12:02
Percebo a sua ironia e a vontade de gozar com uma situação que a todos incomoda, porque ´verdade que nestas alturas os funcionários publicos deviam agradecer o facto de terem um emprego sem sentirem a guilhotina do desemprego. Como não há bela sem senão quando fala do MS, o tal que disse ter visto trabalhadores da CMA com lágrimas nos olhos, só porque os mudam de lugar fisico, certamente não os iria pôr na ordem, antes sim perpetuar o desleixo. Não vá por aí, com esse homem andávamos 30 anos para atrás e no fim só restariam dividas e os nomes das tias.
Anónimo a 24 de Fevereiro de 2009 às 19:00
Compreendo muito bem a dor e a desesperança da pessoa que escreveu o comentário anterior, até porque já passei pelo mesmo.

Quem tem um emprego não sabe o que sofre quem o não tem.

Quantos aos trabalhadores das câmaras municipais. Não pense que tudo são rosas.
Pois embora a esmagadora maioria não seja avaliada pelo que faz ou não faz e os que mais sobem serem os bufos e os lambe-botas. Também têm os seus espinhos, e se você gosta de trabalhar, de certeza não é aí que se sentirá bem.

Um abraço de amizade.
Carlos a 23 de Fevereiro de 2009 às 16:25
Não me importando saber, pois não conheço pessoalmente Mário Simões, mas já que entrei neste diálogo.
Gostaria de perguntar ao Anónimo de cima, uma vez que se saiba Mário Simões ainda não desempenhou nenhuma função executiva. Como é que tem a certeza que este irá prolongar ou até agravar o desleixo e balanlhice que reina nos trabalhadores das câmaras municipais, de que Alvito será um exemplo entre outros.
Carlos a 25 de Fevereiro de 2009 às 09:02
Não contestando que existem problemas com (a falta de) brio profissional dos trabalhadores autárquicos, tal como existe com os outros funcionários públicos e trabalhadores de muitas empresas, coném não esquecer a responsabilidsade maior dos poíticos, autarcas, empresários e dirigentes.
Responsabilizar sempre os mesmos e só eles por tudo o que acontece de mal não me parece ser correcto nem contribuir para uma justa distribuição de responsabilidades.
Veja-se um alvitre que aqui deixei, com os resultados de um estudo europeu, que refere que a produtividade cresceu e os salários decresceram em Portugal comparativamente com a UE...
Zé LG a 25 de Fevereiro de 2009 às 10:52
E aos autarcas quem os motiva? Para além dos vencimentos chorudos, reformas antecipadas, indeminizações e outras regalias, o que mais se pode fazer para os motivar????

Quem deve motivar quem?
Hip 1 - O autarca motiva o chefe, o chefe o funcionário e o funcionário o autarca?
Hip2 - O funcionário motiva o chefe e o chefe o autarca?
Hip 3 - O autarca motiva o chefe e o funcionário e fica ele próprio motivado?
Hip 4 - ??????
autarca na reforma a 25 de Fevereiro de 2009 às 14:16
Não percebeu ou finge não ter percebido? Parece-me que fui claro. Quem deve ser mais responsabilizado é quem mais responsabilidades tem, neste caso os autarca.
Zé LG a 25 de Fevereiro de 2009 às 15:32
Nesse caso a motivação do autarca será a reforma antecipada e a indeminização para reintegração na vida activa, né? Por isso estes MIS já não querem candidatar-se, reformam-se com 40 anos, que bom né??? Tal e qual outros que tais. Vem MS, salva-nos!!!!
autarca na reforma a 25 de Fevereiro de 2009 às 22:39
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
23
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Por acaso alguém saberá dizer o que estavam a faze...
Ja andam a apagar vestigios . Suam por todos os po...
Uma boa pergunta, onde estão os contratos dessas o...
Estratégia isto é uma anedota! 4 anos de vazio pol...
O candidato do CDS terá que intenções ao ser candi...
Caro Zé: ora aqui está um assunto de verdadeiro in...
Ridículo. Um militante do PCP, candidato à Assembl...
O hospital está morte não há mais a fazer.O Consel...
São péssimos com numeros e com pedidos de desculpa...
Deviam ter vergonha de lhe mandar bocas anónimas. ...
Mesmo no lugar onde fica intervém muitíssimo.
Mas que não irá a lado algum...
A cdu no seu melhor a jogar areia para os olhos da...
Sim. Antes deste nunca tal se viu. Ainda se fosse ...
Desculpe mas não vejo a relevância, para mim o est...
blogs SAPO