Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
28
Jan 09

Há uns anos, numa entrevista, José Sócrates disse que era um animal feroz. Hoje, no debate na Assembleia da república, pareceu mais um animal acossado e irritado…

publicado por Zé LG às 22:40
Será que a luta política mesmo quando se aproximam eleiçoes não deveria ter limites?
Independentemente das razões que possam existir por parte de todos os quadrantes políticos, uns mais do que outros, não será motivo para que reflitamos sobre a defesa que o senhor professor Freitas do Amaral vem fazer a Sócrates?
É ou não é, Freitas do Amaral uma figura política de envergadura internacional?
Incomoda-me muito menos, ser eu sózinho a atacar continuadamente um só semelhante, do que ver toda a gente a dar porrada num só. É que quando assim é, começa a cheirar a linchamento, e disso a grande maioria do povo não gosta...
Gosto da lisura em todas as coisas, doa a quem doer. Mas esta história, de tanta coisa aparecer e reaparecer quando se aproximam eleições, começa-me a cheirar a passagem de atestados de estupidez e ignorância, e como diz o povo não gosto que me f... e eu a ver.
Manuel Antonio Domingos a 29 de Janeiro de 2009 às 10:43
Neste caso, parece-me que em termos de luta política os partidos têm tido posições muito sóbrias, não entrando na chicana política.
Ontem na AR, por exemplo, acho que Francisco Louçã foi correcto na questão que colocou e que Sócrates o não foi ao fazer juizo de intenções relativamente a Louçã.
Este pocesso deve ser tratado pela polícia e pelos tribunais, não se podendo deixar de tirar ilações políticas.
Zé LG a 29 de Janeiro de 2009 às 12:37
Quando afirma "Ontem na AR, por exemplo, acho que Francisco Louçã foi correcto na questão que colocou e que Sócrates o não foi ao fazer juizo de intenções relativamente a Louçã" está a relatar a sua opinião. Ou seja, pelo seu texto, quem não esteve lá ou naõ ouviu os ditos discursos não consegue ajuizar devidamente. Talvez fosse util transcrever o que cada um deles disse, sem cortes ... é que o Professor Doutor Franscisco Louçã (que eu até admiro como pessoa e como Professor) não costuma ser propriamente macio e delicado na sua oratória .... fica a dúvida ..................
Anónimo a 31 de Janeiro de 2009 às 00:30
A sessão pode ser vista nos vídeos das televisões que transmitem os debates.
O exemplo que referi: Louçã perguntou ao PM se achava que a aprovação do processo do Freepor e outro, aprovado por outro governo nas mesmas condiçoes, respeitava os limites impostos a governos de gestão pela Constituição. O PM, na resposta, começou por dizer que Louçã queria falar era do caso Freeport, fazendo um juizo de intenções....
Zé LG a 31 de Janeiro de 2009 às 00:55
Se assim foi, o PM fez de facto juízo de intenções, como diz ..... mas eu também não acredito que o Professor Franscisco Louçã tenha feito aquela questão inocentemente ,,, quero dizer ..... o que lhe interressava era que o tema fosse falado (mal ou bem, de forma rigorosa ou não, ....) e ganhasse mediatismo ali mesmo. Se é assim, de certa forma, o Sr. F. Louçã também não foi propriamente um exemplo de ética profissional de deputado superior, pois ele sabe tão bem, como o Sr. Lopes Guerreiro sabe, que "Este pocesso deve ser tratado pela polícia e pelos tribunais (..)" e não pela Assembleia da República
Anónimo a 31 de Janeiro de 2009 às 01:22
Se há quem tenha tentado trazê-lo para a esfera política é José Sócrates com as suas diversas declarações públicas. Ou não concorda?
Zé LG a 31 de Janeiro de 2009 às 17:20
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Que boa noticia para os colaboradores da EMAS. Já ...
Já se começa a notar a mão do Eng.º Rui Marreiros....
Em Beja já aconteceu e ê só descer degraus.Nao vee...
Sempre tem a asfaltadeira do Rocha para ir tapando...
Meninos mimados e guerrilhas há em todo o lado, se...
O que se passa aqui e um reflexo de tudo o resto, ...
Tudo bem, mas por favor não misture com o que se p...
Parvoíce é o silêncio de que devia de andar indign...
Querer comparar o que se passa a nível autárquico,...
Pelo menos,já devia ter organizado uma festinha te...
... E assim é esta a forma cordial entre eles que ...
Confesso que cada vez ando mais confuso, quantos P...
O Oliveira foi sacudido ainda antes das eleicoes.
Só espero que tem dinheiro para receber não veja i...
O acolhimento politico e pessoal do executivo às i...
blogs SAPO