Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
31
Out 13

publicado por Zé LG às 23:30
30
Out 13

publicado por Zé LG às 22:59
30
Out 13

A CIMBAL elegeu o novo Conselho Executivo, que ficou constituído por João Rocha (CDU), presidente da Câmara de Beja, que passa a presidir e pelos vice-presidentes António Tereno (CDU), presidente da Câmara de Barrancos e Nelson Brito (do PS), president5e da Câmara de Aljustrel.

António Tereno, porta-voz da CIMBAL, referiu que foi em clima de consenso que foi votada a proposta de constituição do Conselho e que vão agora ser propostos os nomes para o secretariado, que vão à Assembleia Intermunicipal, a ter lugar dentro de um mês.

In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=1407

publicado por Zé LG às 12:43
30
Out 13

Esta prova é direcionada aos novos alunos da Escola Profissional de Alvito que este ano vieram dar mais vida a Alvito. 

Através de um jogo de interpretação patrimonial, os jovens ficarão a conhecer melhor a vila de Alvito e a sua importância cultural.

Os três primeiros classificados terão direito ao prémio “património-surpresa” e serão atribuídos certificados a todos os participantes.



In: http://www.cm-alvito.pt/default.aspx?module=DestaqueDisplay&ID=416

publicado por Zé LG às 08:48
30
Out 13

publicado por Zé LG às 00:31
29
Out 13

A Escola Secundária Diogo de Gouveia esteve de manhã fechada a cadeado, os alunos concentraram-se à porta daquele estabelecimento de ensino. Um protesto de solidariedade para com os alunos com necessidades especiais que continuam sem intérprete de língua gestual.

In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=1406

e http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=2275

publicado por Zé LG às 23:47
29
Out 13

Cientes de que juntos são mais fortes, seis produtores de vinho da região da Vidigueira vão avançar com um projecto conjunto de promoção dos seus produtos e da sua região, de forma a aumentar a notoriedade de ambos, quer a nível nacional, quer a nível internacional.

A nova Associação Vidigueira Wine Lands (VWL) avança assim com os seguintes produtores: ‘Quinta do Quetzal’, ‘Herdade Grande’, ‘Casa Agrícola HMR - Herdade Monte da Ribeira’, ‘Ribafreixo wines’, ‘Adega Cooperativa da Vidigueira Cuba e Alvito’, Vitifrades- ADL’ e ‘Herdade de Lisboa - Paço de Infantes’, bem como a Câmara Municipal da Vidigueira, como sócio-honorário, que se propõem contribuir para o desenvolvimento socio-económico do concelho. Um trunfo precioso da Vidigueira e que se pretende alavancar quer nacional, quer internacionalmente é o terroir desta região, que marca de forma única e indelével os néctares ali produzidos.

Os solos xistosos e graníticos estão identificados como tendo condições únicas para, por exemplo, a produção de vinhos brancos de qualidade superior.

Aliás, o vinho é a grande alavanca da economia de um concelho singular nas condições de que dispõe para produzir vinhos de excelente qualidade. “É uma região com história, com carácter, que tem produtores comprometidos com a excelência e o saber fazer, sendo também estas razões pelas quais será criado pela VWL um selo de «garantia de genuidade»”, revela Reto Jörg, presidente eleito da Vidigueira Wine Lands.

Ainda nos intentos desta associação está a criação “de um modelo de enoturismo que evidencie a região da Vidigueira como um destino vínico e gastronómico de eleição”, acrescenta Reto Jörg.

Numa altura em que o mercado consumidor procura diferenciação, personalidade e carácter na oferta, a marca Alentejo, apesar de sobejamente conhecida, quer a nível nacional, quer a nível internacional, não expressa toda a singularidade das sub-regiões que a integram, como é o caso da Vidigueira. “Queremos, por isso, promover e valorizar uma das marcas distintivas desta sub-região, por exemplo, “dar paternidade a uma casta típica e nobre, como é o caso da Antão Vaz”, revela Reto Jörg.

Independentemente do estilo próprio e posicionamento de cada um dos produtores fundadores da VWL, há um objectivo comum a todos: o compromisso com princípios de excelência, que esta associação pretende reforçar, designadamente, no aproveitamento de sinergias entre os seus membros.

Recebido por e-mail.

publicado por Zé LG às 23:26
29
Out 13

João, 15 anos, aluno do 10º ano de escolaridade na Secundária Diogo de Gouveia, chegou ao Ensino Secundário, onde partilha a intérprete com um colega do 8º ano que estuda na Santiago Maior. Quando a única intérprete colocada pelo Ministério no Agrupamento está com um aluno, não pode prestar apoio ao outro. Assim, as duas crianças estão a perder as aulas de várias disciplinas desde o início do ano lectivo.

Ilda Santos, a mãe do João, expôs o problema à antiga Direcção Regional de Educação do Alentejo, que informou que não existe “justificação” para colocar mais técnicos no Agrupamento uma vez que são cumpridos os rácios de um Interprete para seis alunos.

No ano passado, antes da criação do mega-agrupamentos, existiam três Intérpretes de Língua Gestual Portuguesa nas Escolas de Beja. Neste momento estão colocados dois: um que serve um aluno na Escola D. Manuel I e outro que apoia os dois alunos na Escola Secundária Diogo de Gouveia e Santiago Maior.

Ilda Santos está “indignada” e acusa o Ministério de “discriminação, falta de respeito pela comunidade surda e falta de sensibilidade”, garantindo que o problema está a “perturbar” o seu filho. Sem Intérprete, o João não consegue aprender e pensa em faltar às aulas. Os professores acabam por sentir-se também “frustrados” por não conseguirem comunicar com o aluno.

Ilda Santos espera que o problema seja resolvido o mais rapidamente possível. Se tal não acontecer, garante que não vai parar de lutar pela educação do seu filho.

In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=2275

publicado por Zé LG às 00:31
28
Out 13

publicado por Zé LG às 23:24
28
Out 13

Há, ainda, muita gente que não consegue conviver com a democracia e com os outros e isso lamento profundamente!
Agora e no futuro, como no passado, continuarei a afirmar o que penso. Estou disponível, SEMPRE, para debater opiniões e ideias, aceito que me contrariem no que escrevo mas considero muito cobarde atacarem quem escreve sem questionar o que está escrito!
Obrigado!
Jorge Barnabé,

In: http://alvitrando.blogs.sapo.pt/2566096.html?view=5942992#t5942992

publicado por Zé LG às 22:37
28
Out 13

publicado por Zé LG às 08:50
28
Out 13

publicado por Zé LG às 00:09
27
Out 13

No passado sábado o vilanovense Jorge Machado concretizou um sonho, ao lançar o seu álbum “Influências”.

Teve lugar no Cineteatro Vianense o lançamento do tão sonhado álbum que contou com o apoio e participação de Fil Máximus dos "Ortigões Legacy" e do conhecido vocalista Olavo Bilac.

In: http://www.cm-alvito.pt/default.aspx?module=NoticiaDisplay&ID=788

publicado por Zé LG às 21:39
27
Out 13

As autarquias locais constituem o poder mais próximo das populações e, por isso, os seus órgãos - e os eleitos que os constituem -, são os mais escrutinados pelas pessoas.

Entendo que o Poder Local democrático foi concebido para ter uma gestão inclusiva, contando com a participação de todos os eleitos e não para ser gerido apenas pelos eleitos que alcançam a maioria, mesmo que relativa, constituindo-se os restantes eleitos em oposição ou oposições.

No entanto - importa referi-lo -, este não tem sido o entendimento e, muito menos, a prática dominante. A CDU, nos primeiros tempos, ainda procurou seguir nesse sentido, mas depois, quer pela prática dos outros quer pela sua ter perdido alguma identidade própria, acabou também por ir dele desistindo.

Acho que essa é a forma mais correcta, democrática e produtiva de gerir as autarquias locais.

Por isso, nestas eleições autárquicas, defendi, na candidatura “Por Beja com Todos”, que todos os eleitos deveriam participar na gestão da autarquia, acabando com os chamados “executivos municipais”, geridos apenas pelos eleitos da força vencedora ou em coligação com outra, excluindo, quase sempre, os eleitos da segunda força mais votada.

Julgo que, de acordo com aquele princípio que defendo, os eleitos passariam a actuar mais de acordo com a sua consciência e menos em função de outras lógicas que nem sempre são as que melhor servem os interesses dos concelhos.

A câmara municipal passaria a funcionar mais como um colectivo de todos os eleitos e menos como mais um espaço de confronto entre a maioria e a(s) minoria(s), o que tem como consequência situações a que temos assistido, que não abonam em favor na política e dos políticos e não servem os interesses do concelho e das populações.

Como forma de facilitar a coordenação e o entrosamento de todos os eleitos a câmara municipal devia reunir semanalmente.

publicado por Zé LG às 00:28
26
Out 13

publicado por Zé LG às 23:57
26
Out 13

A derrota eleitoral de Jorge Pulido Valente (JPV) nas eleições autárquicas em Beja, com apenas um mandato cumprido, é o melhor exemplo do pior.

… a verdade é que JPV não perdeu as eleições no dia 29 de Setembro, começou a perdê-las no dia em que as venceu em 2009 e acentuou essa derrota ao longo de quatro anos, por opção própria e com responsabilidades exclusivas.

Tenho o cuidado de não atribuir essa derrota ao PS. É tão injusto fazê-lo quanto indigno e egocêntrico foi JPV ao ignorar o PS ao longo de quatro anos.

Com tanta asneira política cheguei a pensar se não teria a vontade de perder as eleições. Percebo hoje que não, foi apenas incompetência política e uma personalidade muito própria e quezilenta que se sobrepôs a tudo e a todos e que destruiu a esperança e a ilusão de muita gente que desejou mudar os destinos de Beja.

Em quatro anos JPV foi um presidente implicante e divisionista, quando tinha a obrigação de ser agregador e garante de estabilidade, em confronto com as pessoas e com as instituições e contrário aos consensos.

Foram quatro anos contra a natureza da política! Com uma necessidade inatural de mediatismo, mesmo que para isso fossem escolhidos os caminhos do conflito. Também foram quatro anos de costas viradas para as soluções, procurando sempre e exclusivamente impor uma vontade, uma visão e um conceito a tudo e a todos. Enfim, o exemplo da governação que afasta os cidadãos da política!

 

Leia todo o artigo de opinião de Jorge Barnabé, em: http://www.alentejoemlinha.pt/o-melhor-pior-exemplo/

publicado por Zé LG às 23:25
26
Out 13

A Diocese de Beja e a UCASUL – União de Cooperativas estão entre os finalistas do Green Project Awards (GPA), iniciativa da Consultora de Comunicação GCI, organizada em parceria com a Agência Portuguesa do Ambiente e a Quercus.

A iniciativa tem por objectivo mobilizar a sociedade civil para o desenvolvimento sustentável, distinguindo projectos e entidades com melhores práticas e resultados para um futuro sustentável e vai premiar os melhores projectos em sete categorias.

In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=1385

publicado por Zé LG às 18:47
26
Out 13

A ministra da Agricultura visitou, ontem, as obras de Alqueva em curso na zona de Baleizão-Quintos.

Nesta sua visita Assunção Cristas deixou a garantia que está assegurado o financiamento para a conclusão do regadio de Alqueva em 2015.

In:  http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=1380

 

Porque não foram convidadas as associações de agricultores para estarem presentes?

publicado por Zé LG às 13:49
26
Out 13

Decorreu ainda no evento, um Seminário Internacional sob o tema "Património, Economia, Turismo: Um caminho de Futuro", com a presença de destacados peritos nacionais e internacionais. Foi precisamente no dia do seminário, 18 de Outubro, que o Município de Alvito, através da Escola Profissional de Alvito, apresentou a degustação “Sabores das Terras da Baronia”, baseada em paladares criados em torno das ervas (da baronia) e também com os frutos secos característicos da Feira dos Santos.  Foram igualmente promovidos os acompanhamentos vínicos da Herdade das Barras e da Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito.   

In: http://www.cm-alvito.pt/default.aspx?module=NoticiaDisplay&ID=789

publicado por Zé LG às 10:39
25
Out 13

publicado por Zé LG às 23:36
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O Oliveira foi sacudido ainda antes das eleicoes.
Só espero que tem dinheiro para receber não veja i...
O acolhimento politico e pessoal do executivo às i...
Como foi possível proceder a um aumento salarial c...
O vereador que não fazia parte do CA da EMAS é que...
P'ra parceiros até que não se dão mal!
O novo executivo tomou posse há um mês, depara-se ...
Isso foi já com a máquina do alcatrão ou essa foi ...
Então o picado assume que usam a Emas para fazer r...
O vitor, se optasse pelo silêncio ganhava mais.
Estava tão bem que a dias das eleições ...
Então mas não estava tudo bem?
Por cá temos uma colecção de personagens que conse...
É a mesma pessoa! o eng.º José Velez ex-vereador d...
Excelente debate que já há bastante tempo se impun...
blogs SAPO