Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
30
Nov 10

... mandar endireitar o tutor e amarrar a árvore, para que esta não se parta?

publicado por Zé LG às 08:52
Existem muitos casos desses. Um presidente digno do cargo deveria pelo menos uma vez por mês dar volta ao concelho acompanhado dos presidentes de junta assim como da oposição no sentido de sentir o pulsar do concelho. Segundo ouvi dizer cada vez que um jardineiro se manifesta junto do vereador em relação a qualquer assunto a resposta é sempre a mesma, " dirija-se ao seu chefe". O chefe tem de fazer um relatório, acho que nem sabe escrever, que será entregue na secretaria. A secretária informa o vereador que por sua vez responde "dirija-se ao seu chefe" Esta faz o relatório ao chefe que por sua vez informa o vereador. Este diz que o assunto tem de ir a reunião de câmara. O jurista informa que só pode apresentar na próxima reunião pois esta vai-se realizar em breve e não tem tempo para introduzir na ordem do dia. Em reunião, após um mês do sussedido o assunto é discutido mas a oposição informa que na rua tal estão outras nas mesmas condições e que tinha de ser feita uma intervenção massiça. O presidente informa que não existe um regulamento para este tipo de intervenção e manifesta a intenção de criar uma comissão para elaboração do mesmo. Após um ano vai de novo a reunião para sua aprovação. Mais uma vêz a oposição informa que os relvados estão por cortar ao que o presidente cede e dá prioridade ao relvado pois as festas apróximam-se. Após as festas o assunto vem de novo á baila mas o jardineiro chefe está de férias e a intervenção fica na prateleira. Após as férias do chefe o jardineiro vai de férias e a intervenção fica por fazer. Após um ano e meio a equipa do jardim vai ao pé da árvore. Um chefe no seu transporte, três jardineiros e respectivo transporte e motorista, o vereador mais um carro e o engenheiro para chefiar toda a operação. Eis que o engenheiro vê que existe uma pedra levantada. Volta tudo para o estaleiro afinal já é hora da bucha. Terão que informar o chefe dos calceteiros para sincornizarem a operação. Mais uma série de ofícios entre as equipas e seus chefes, para enviarem relatório ao vereador. Este por sua vêz e uma vêz que as eleições se apróximam diz que agora o importante é o caminho dos caçadores pois estes dão mais votos que uma simples árvore numa qualquer rua. Quando entra o novo executivo o processo repete-se de novo desde o início e quando vão endireitar a p... da árvore o chefe já se reformou. Fáz falta abrir concurso para um novo chefe etc... etc... etc... Os jardineiros não fazem nada por culpa dos chefes e seus interesses. Assim vai o nosso país.
Anónimo a 30 de Novembro de 2010 às 09:27
tal e qual, assim vai esta câmara
eu a 30 de Novembro de 2010 às 12:44
Mas que estavam à espera e o que o LG esperava, tinha obrigação de os conhecer melhor que nós. Sobretudo essa anátema de vereador que só porque é comunista - é bom. E o ouro importado das Alcáçovas, precocemente reformado e aqui plantado para crescer. E vivam as festas ,os copos e a boa harmonia, mas trabalho nada exigência nada porque os " trabalhadores" podem ficar borrecidos,coitados . E assim e com muitas culpas de muitos chegámos a esta triiste situação. E onde andam os MIs ? O Tolia já tem o taxo e outros como ele e todo esse "sonho" de virem fazerem os que os partidos não faziam, ficou resumido a isso - taxos para os promotores. O João. o tal que veio salvar o concelho, assim como o Carvalho de Vila Nova e até o senhor vereador, sumiram de vez,antes ainda alguém os via, mas agora... Alvito Um bom Concelho , ahahahahaha rsrsrsrsrsrs
Valetemido a 30 de Novembro de 2010 às 17:48
Tens toda a razão os MIS é que ficaram bem .... e como não chegasse o actual executivo, aumentou o tolia, dr da lei, a do turismo e masi 3, em em 1100€, sim 1100@, ambos ganhavam cerca de 1400€ e agora vencem 2400€.

E esta??? Sabias? Podes confirmar. jJá não sei quem deu o taxo a quem????

Como este executivo nunca vimos, o MI dava 10 a 0 a estes, o ÇG dava-lhes 20 a 0, até o Pavia ganhava por 1 a estes passaros.
I4EVER a 1 de Dezembro de 2010 às 00:04
Tudo verdade, sim senhor, falta só juntar as novas contratações e mais as que aí vêm ...

Os srs da oposição não solicitam ou verificam os valores gastos com pessoal?
wsza a 1 de Dezembro de 2010 às 00:43
Sim, de facto esta foto de LG, é significativa. E talvez nenhuma outra ilustre de melhor forma o estado a que chegou o concelho de Alvito.

E tal como o país com o FMI que aí vem, também aqui sucedeu o mesmo ao convidar-se e eleger-se o Penetra para Presidente.
Só que será que é ele o único culpado da situação?
Januário a 30 de Novembro de 2010 às 20:47
Com esta conversa toda não será de chegar à conclusão de que temos concelhos a mais?
Manuel António Domingos a 30 de Novembro de 2010 às 22:06
É claro e óbvio que, em última instância, é ao Presidente que cabe mandar!!! E mais ainda quando a maioria dos Senhores Presidentes não dão autorização aos seus funcionários para dar um traque sem terem de pedir licença ... rsrsrsrsrs

É assim em Alvito, é assim em Serpa, foi assim (muiiiiiiiiiiito) durante muitos anos em Castro Verde!!!

rsrsrsrrs
Anónimo a 30 de Novembro de 2010 às 22:15
Em relação à pobre arvore, não há nada a fazer, mesmo que os mandem fazer ganham as mesmas, há 2 meses era para limparem as ervas do campo de futebol e parque de feiras, recusaram, e o executivo contratou uma empresa do concelho especialista nestes trabalhos por 5.000€, fizeram o trabalho em 3 dias.

E mais se apertam muito com eles vem o sindicato e ai, ai , ai seus comunas ....

Já viram tudo?????
ganzas a 1 de Dezembro de 2010 às 00:08
Um pequeno levantamento sobre Freguesias, não faço comentários.
Distrito Concelho Área Km2 Habitantes Freguesias
Vila Real Sabrosa 157 6 571 15
Vila Real Mesão Frio 27 4 357 7
Vila Real Boticas 322 5 736 16
Vila Real Ribeira de Pena 217 7 049 7
Bragança Vinhais 695 9 388 35
Bragança Vimioso 482 4 857 14
Bragança Miranda do Douro 487 7 295 17
Bragança Alfândega da Fé 322 5 368 20
Bragança Vila Flor 266 7 432 19
Guarda Almeida 518 7 015 29
Guarda Figueira de Castelo Rodrigo 509 6 542 17
Guarda Mêda 286 5 712 16
Guarda Fornos de Algodes 131 5 237 16
Guarda Aguiar da Beira 207 6 161 13
Viseu Sernancelhe 229 6 011 17
Viseu Penedono 134 3 286 9
Viseu São João da Pesqueira 266 7 997 14
Viseu Tabuaço 134 6 204 17
Anónimo a 1 de Dezembro de 2010 às 11:13
Caro Anónimo

Creio que se esqueceu de algumas freguesias. Até lhe digo que a freguesia da Adeganha, concelho de Torre de Moncorvo e distrito de Bragança, tem pouco mais de 500 habitantes. A sede de freguesia tem pouco menos de 50 e os restantes encontram-se dispersos por outras aldeias, como por exemplo a Junqueira, os Estevais, a Póvoa e os Nozelos.
Só existe enquanto freguesia porque a dinâmica de povoamento aqui é diferente da que observamos no Alentejo e só se pode perceber vivendo-se cá. É uma questão de proximidade, pois para fazer 15km aqui pode levar mais de 25mn. Os mesmos 15km em Alvito são percorridos em 10 mn. Observe que os exemplos que deu se situam quase todos em zonas montanhosas, de fraca densidade populacional devido à sua própria geografia e geologia.

A maior parte da população desses concelhos tende a concentrar-se nas sedes de concelho, onde existem mais serviços, como acontece em Alfândega da Fé e em Torre de Moncorvo.

Um abraço
Jorge Feio a 1 de Dezembro de 2010 às 12:23
Deixem.me só referir uma situação vivida por um amigo meu jornalista, que talvez ilustre e explique muita coisa do que aqui é dito, e que não se passa só em Alvito.

Como "free-lancer" que é e como tem por cá as suas raizes, resolveu há uns anos fazer uma reportagem sobre as relações entre Barrancos e o concelho vizinho espanhol de Encinasola.

A primeira coisa com que se deparou e lhe chamou a atenção, foi o facto de que quando tentou ser recebido pelo Presidente da Câmara Municipal de Barrancos, teve que esperar um certo tempo, e depois apareceu-lhe um senhor bem vestido e engravatado, ladeado de uns outros quantos quase na mesma situação.
E quando fez o mesmo com o Alcaide de Encinasola, foi-lhe indicado o caminho para uma propriedade do próprio, pois o mesmo da parte de tarde ia trabalhar para alí. E assim foi recebido com alegria e entusiasmo por um homem que estava a cavar; repito a cavar a terra para aí semear qualquer coisa, para ele e a sua família depois consumirem. e dar a parentes e amigos.

A partir dessas atitudes tão diferentes perante a vida, e depois ouvindo as queixas e interesses de cada um, teve tanta vergonha de ser português, que acabou por não escrever reportagem alguma.
Januário a 1 de Dezembro de 2010 às 21:19
E porque não o presidente ou o ratinho a mandarem. O encarnado é que não devia mandar. mas como o ratinho não percebe patavina de nada e passa o dia fechado a tirar um " curso intensivo de informática" já lá vai um ano e ainda faltam 3, lá tem que mandar o encarnado, ainda ele não viu a arvore senão os jardineiros que se cuidem.
Anónimo a 3 de Dezembro de 2010 às 18:37
Atónito fiquei com a verba oferecida á Junta de Vila Nova para a iluminação de Natal,juro que não é brincadeira a Câmara Municipal de Alvito deu dinheiro á Junta de Vila Nova para iluminar as ruas.Só não percebi se eles sabem como está o país...com medidas de austeridade e em contenção.Se calhar áhora do telejornal não estão em casa!Se calhar.
atonito a 3 de Dezembro de 2010 às 21:50
É verdade amigo 2500 para a junta de vila nova e mais 2500 para a junta de alvito .... prás luzinhas... dava para pagar 6 meses de ordenado minimo a quem precisa... são opções .... comunistas????? Ou Fascistas??????

É vergonhoso.


Mas também é verdade esse valor não é mais nem menos do que o vencimento do chefe de gabinete num mês, ou de qualquer um dos seis dirigentes ( figura ) que este executivo promoveu por tempo indeterminado, ao que se sabe legalmente só poderiam estar no cargo 60 dias sem concurso, já lá vão quase 300, não há grande diferença.
sexográtis a 4 de Dezembro de 2010 às 00:03
Se deu à Junta de Alvito, como parece, porque não à Junta de Vila Nova? Ou lá não pagam impostos? E acho bem que se dê um pouco de "luz" às vilas por esta época. nem só de pão vive o homem.
Anónimo a 5 de Dezembro de 2010 às 16:37
Têm que dar o exemplo e não gastar nestas inutilidades.
Por outro lado acho muito bem que ofereçam o almoço de Natal aos trabalhadores e deputados municipais, e pelo que sei não se esqueceram das prendinhas, isto sim, acho muito bem gasto.
Noel a 6 de Dezembro de 2010 às 17:35
ó salazar! volta! e mostra a estes comunas como se gere um pais! pela pascoa ja estava tudo como deve de ser....
Anónimo a 4 de Dezembro de 2010 às 12:06
Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Isto é o lado perverso.
A tradição já não é o que foi...
Temos deputado.O PCP depois candidata-o à Câmara ...
E não será assim sempre? Os anteriores e anteriore...
“ISTO É O ALVITRANDO”
Pobreza e torpeza.
Aí que pobreza de comentarios!É o conhecimento bej...
O Coxo até vai começar a andar melhor quando se ap...
Esse velho agora comenta os post's dos outros no f...
A pouca vergonha que se passou na Cooperativa do P...
"Pode nascer um país do ventre de uma chaimite." (...
A chaimite era peça fundamental para o desenvolvim...
Sei o que se passa mas não digo.
Corrijam aí o "gato", senhores da RVP, não é "Inte...
Brindemos à saúde dos amigos!
blogs SAPO